Bélgica

Bélgica é o segredo mais bem guardado da Europa. Aqui poderá descobrir cidades medievais, catedrais e monumentos góticos. Os castelos e carrilhões vão mantê-lo ocupado durante o dia, e á noite, nos pubs, poderá escolher entre mais de 350 deliciosas e variadas cervejas. A reputação da sus cozinha faz com que os franceses sintam inveja, e é quase impossível encontrar um chocolate como o belga. Um pequena país em extensão , mas grande em arte e história, a comprovar pelos seus magníficos tesouros arquitectónicos e museus, e , não podemos esquecer que aqui nasceu a fama dos tapetes flamengos, considerados dos mais maravilhosos do mundo.

BRUXELAS – A CAPITAL DA BÉLGICA
Fundada em 979, a sua vocação cosmopolita converteu-a em sede do parlamento europeu e da OTAN. Além deste aqui se localizam cerca de mil organismos internacionais, ostentando o terceiro posto pelo número de congressos internacionais que acolhe. Tudo isto faz com que seja muito difícil sentir-se estrangeiro na capital política da Europa do séc. XXI.

Nesta cidade multifacetada e cheia de vitalidade, a “Art Nouveau” pode ser vista em qualquer lugar, mas nada mais belo do que a mundialmente famosa Grand Place, com a sua magnífica câmara em estilo gótico, acompanhado pela casa do rei e as casas anexas. Muito perto encontrámos o Manneken-Pis.

Aproxime-se do Palácio Real e do Parlamento, sem esquecer a Praça do Grand Sablom, onde se situa o Museu Real de Belas artes com a sua mostra de pintores flamengos. Pode também subir ao Atomium, testemunho da exposição universal de 1958, que representa a molécula de Fe aumentada 150 biliões de vezes, ou ir ao Parque do Cinquentenário.

LOCAIS A NÃO PERDER:
• A Grand Place ( se possível iluminada)
• Uma excursão a Bruges e Gent
• Subir ao Atomium
• Ir á cervejaria Moeder Lambic ( rue de Savoie, 68 ) onde oferecem mais de mil marcas de cerveja

BRUGES
A cidade belga mais visitada, pelos seus bem preservados edifícios medievais, que se mantêm como há 500 anos atrás, com as suas casas e ruas como que saídas de um conto de fadas, onde se destaca a Praça do Mercado ( Markt) e a Câmara ( Burg), assim como o Beatério (Beigijnhof); a Basílica do Sagrado Sangue, em dois níveis, que supostamente alberga um cálice com o sangue de Jesus Cristo, e os seus diversos canais. Saiba mais sobre Bruges>>

Também na igreja de Nossa Senhora, podemos apreciar a famosa escultura “ La Madonna” de Michelangelo. Mas Bruges, também é uma cidade dedicada á diversão e as suas cervejas vermelhas podem ser degustadas em qualquer um dos bares que se encontram entre as pequenas vielas.

O que Procura?
Michael Douglas

GENT
No séc. XVI, e depois de Paris, foi a maior cidade da Europa ao norte dos Alpes. Hoje pode orgulhar-se de ser o cidade flamenga com maior número de edifícios históricos, merecendo maior destaque para a Catedral de S. Bavón do séc. XIII, em cujo interior se encontra o espectacular púlpito “ A adoração ao Cordeiro Místico”, pintado pelos irmãos Van Eyck, assim como o castelo dos Condes de Flandres, onde nasceu o Imperador Carlos V, não esquecendo os vários museus da cidade. Não pode deixar de passear pelos molhes de Greslei e Korenlei, ou contemplar as três torres desde a ponte de Saint Michael.

ANTUÉRPIA
Segunda cidade belga e a maior de Flandres, além de ser o primeiro centro mundial de corte e lapidação de diamantes, com a bela Praça do Grande Mercado ( Grote Markt) e edifícios do séc. XVI-XVII; a estátua de Silvius Brabo, cuja lenda dá nome á cidade, quando venceu e cortou a mão ao gigante Druon Antigon; a Câmara do séc. XV, combinação de estilos flamengo e renascentista italiano; a sua formosa catedral gótica, monumentos e edifícios relacionados com Pedro Pablo Rubens , com a sua casa-museu, ou a igreja em repousam os seu restos mortais.

MALINAS
Capital dos Países Baixos durante a época dos duques de Borgonha, hoje é a sede eclesiástica da Bélgica, além de ser a cidade dos carrilhões, dos tapetes e do curioso Museu dos Brinquedos. Na Praça Maior verá edifícios históricos com sumptuosas fachadas, como a Câmara e a estátua de Margarida da Áustria. Muito próximo, a Catedral de S. Romualdo, cuja torre domina a cidade com os seus 97m de altura, com 2 famosos carrilhões de 49 sinos. Muitos concertistas de todo o mundo , aprenderam aqui os segredos deste difícil ofício.

OUTRAS CIDADES E LUGARES DE INTERESSE
Lovaina, principal Universidade belga, fundada em 1425, de onde se dividiram as ordens de Erasmo de Roterdão: Mons e Charleroi, cidades industriais, mas com um interessante património histórico, religioso, cultural e artístico….

Guia Prático
Idioma : Francês e holandês
Moeda : Euro
Superfície 32.545 km2
População: 10.350.000
Capital : Bruxelas
Principais cidades: Antuérpia, Gent, Charleroi, Liége, Bruges, Namur, Lovaina, Malines.
Regime Político: Monarquia Constit.
Religião: Católica e Protestante
Clima: Invernos frios e verões moderados. Em geral , sem temperaturas extremas e variado com sol, chuva e nuvens…
Gastronomia: Cremosa sopa de rodovalho ( Water- zooi). O prato nacional: mexilhões ao vapor acompanhados de boa e variada cerveja.
Compras: Famosos bordados de Bruges, chocolates Godiva, cristal de St. Lambes, peças de ferro forjado, reproduções de armas, etc..

O que Procura?
6 Soluções Rápidas para Cãibras nas Pernas Durante a Gravidez
loading...

13. Janeiro 2011 by admin

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *