Candida Auris: Saiba Como se Contagia e os Perigos desta Superbactéria Mortal

A Candida Auris é um fungo que surgiu recentemente como uma séria ameaça à saúde em mais de uma dúzia de países, com 77 casos clínicos relatados nas unidades de saúde dos Estados Unidos a partir de meados de maio de 2017.

Candida Auris, A Infecção Fúngica Aterrorizante Que Está Varrendo O Globo. A Bactéria Mata Até 60% Das Pessoas Que Infecta E é Resistente às DrogasEste surto de Candida Auris provou resistente a múltiplas drogas, resultando em doenças graves.

Em alguns casos, o fungo entra na corrente sanguínea, fazendo com que ele se espalhe por todo o corpo e desenvolva infecções bem perigosas.

Trinta a 60 por cento dos pacientes infectados com o fungo Auris Candida morreram, embora muitas dessas pessoas também tivessem outras doenças críticas que podem ter aumentado o risco de morte. (1, 2, 3)

O que é a auris Candida?

A Candida Auris ( C. auris ) foi documentada pela primeira vez no Japão em 2009. O que é a C. Auris ? É uma espécie de fungo que cresce como levedura.

É considerada uma “levedura emergente multi-resistente (MDR)” porque resiste a muitas drogas/fármacos, incluindo o fluconazol, anfotericina B (Abelcet, AmBisome, Amphocil, Fungizone), equinocandinas, e pode viver em locais como, estrados de camas, cadeiras, cateteres e outros equipamentos médicos e hospitalares, bem como nas mãos dos profissionais de saúde. (4, 5)

Sendo um fungo mortal e resistente a muitas drogas, a Candida Auris é considerada uma “superbactéria”.

As superbactérias resistentes aos medicamentos são uma preocupação para os profissionais de saúde e agências tais como os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), que estão encarregados de encontrar formas para melhor controle de infecções.

Como forma esta resistência? As Bactérias e os fungos tornam-se resistentes aos antibióticos e antifúngicos, devido à prescrição excessiva, uso indevido de medicamentos e o uso de antibióticos na indústria pecuária.

Quanto mais a bactéria é exposta aos antibióticos, mais se adapta e torna resistente, criando superbactérias. (7)

A Candida Auris pode tornar-se invasiva, o que significa que entra na circulação sanguínea, talvez por meio de um cateter infectado.

O que Procura?
Inalação de Vapor com Óleo Essencial de Eucalipto: Efeitos Colaterais e Contra Indicações

A Candidíase invasiva espalha-se em todo o corpo, ao contrário das infecções por candida localizadas na boca e garganta ou infecções fúngicas vaginais. (8)

Sintomas de Candida Auris

Como muitos dos pacientes infectados com a C. Auris na maioria dos casos já estão muitas vezes hospitalizados devido a outras doenças ou condições graves, os sintomas por vezes podem não ser perceptíveis.

Os sintomas podem também variar dependendo da parte do corpo afetada. Serão necessários testes de laboratório para descobrir se o paciente tem C. Auris. (9) Quando identificados os sintomas, eles podem incluir: (10)

  • Febre
  • Arrepios
  • Sepse (envenenamento do sangue)
  • Pouca ou nenhuma resposta ou melhora com a terapia convencional antifúngica
  • Coma
  • Falência do órgão
  • Morte

Causas e Fatores de Risco?

Como se contagia a Candida Auris? Em geral, os dados limitados sugerem que os factores de risco para contrair esta infecção não são muito diferentes de outros tipos de Candida. Estes factores de risco incluem:

  • Cirurgia recente
  • Diabetes
  • Antibiótico de largo espectro e uso antifúngico
  • Utilização de cateter venoso central (dispositivo de acesso vascular), tubos de respiração, tubos de alimentação, cateteres na bexiga
  • Permanência Hospitalar frequente ou viver em lares de idosos
  • Sistema imunológico enfraquecido

A infecção tem sido diagnosticada em pacientes de todas as idades, desde bebês prematuros a idosos, no entanto “e até hoje”, ainda não se verificou o contagio em pessoas saudáveis. (1112)

Tratamento

A Candida auris é tratada com uma classe de medicamentos anti-fúngicos chamados equinocandinas.

Em alguns casos a Candida auris é resistentes a todas as três classes principais de medicamentos anti-fúngicos. Nestes casos, será necessária a administração de mais que um medicamento antifúngico em doses elevadas para tratar a infecção.

Precauções

Uma vez que a Candida Auris pode-se espalhar facilmente de paciente para paciente nos serviços de saúde, são necessárias algumas precauções com os pacientes. Essas precauções incluem: (13)

O paciente é colocado num quarto sozinho, sem colega de quarto.

Os funcionários do local devem usar roupas e luvas de proteção, sempre que cuidarem do paciente infectado.

O que Procura?
Fístula dental: características, causas e alternativas de tratamento

Tanto os Pacientes, como os familiares e profissionais de saúde devem praticar uma boa higiene, incluindo lavar as mãos regularmente.

5 passos para evitar a Infecção por Candida Auris

De seguida estão listados cinco passos simples a realizar na ajuda da prevenção e propagação da Superbactéria:  (14)

1. Lave bem as mãos antes de visitar um doente num hospital ou familiar num lar de idosos.

2. Não tenha “receio” de falar sempre que verificar que um profissional de saúde, incluindo enfermeiros e médicos, não lavaram as mãos corretamente, antes ou após o manuseio de feridas, sangue ou fluidos corporais de um paciente.

3. Ao visitar o hospital, pergunte se existe algum paciente nas instalações infectado com C. Auris e certifique-se que o pessoal de serviço está a tomar as devidas precauções para evitar a propagação da infecção.

4. Certifique-se de que o hospital ou casa de repouso realiza a limpeza das instalações devidamente e com desinfectantes eficazes.

Os investigadores descobriram que o melhor produto para combater a C. Auris é um desinfetante hospitalar registrado pela Agência de Proteção Ambiental (EPA) que também é eficaz contra a bactéria Clostridium difficile.

5. Se o paciente for submetido a antibióticos IV, pergunte à enfermeira ou ao médico é uma solução realmente necessária, uma vez que os antibióticos IV podem representar um fator de risco sério para o desenvolvimento de candidíase invasiva.

Pensamentos finais

O Fungo Candida Auris Surgiu Pela Primeira Vez Na Ásia.

A Candida auris é uma infecção grave do tipo levedura que pode ser resistentes a múltiplos medicamentos antifúngicos.

A superbactéria pode-se espalhar por todo o corpo como candidíase invasiva, levando a infecções muito graves, e possivelmente mortais.

Os Hospitais e os lares de idosos com pacientes que já estão doentes e/ou têm um sistema imunológico enfraquecido estão em maior risco de contrair a infecção.

Certifique-se de seguir as precauções de segurança de saúde para evitar a propagação da infecção aos seus entes queridos e outros. Lavar as mãos regularmente é extremamente importante.

Classificação Científica

Reino: Fungi
Família: Debaryomycetaceae
Espécie: C. auris
Classe: Saccharomycetes

O que Procura?
Como evitar o contágio da Catapora (Varicela)

Conheça Os 4 melhores Óleos Essenciais Antibacterianos

loading...

14. Junho 2017 by admin

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *