Depilação a laser para pele negra

Embora a pele negra seja extremamente sensível à emissão do laser, existem equipamentos que realizam a depilação sem ocasionarem reações adversas graves, como as temidas queimaduras. Para isso, o tratamento deve ser efetuado à base do laser de diodo, laser de YAG, ou ainda através do laser de alexandrite.

Depilação a laser para pele negra

Todas essas variações de laser são caracterizadas por manter a direção da energia apontada apenas para o bulbo capilar, correspondente à parte mais próxima da raiz do pelo. Além disso, esses aparelhos irradiam quantidades mínimas de calor sobre a pele, conservando as propriedades da melanina. Some-se a isso o mecanismo de segurança contido nesses equipamentos que ajuda a evitar a possibilidade de queimaduras, fazendo com que a área de contato entre o aparelho e a epiderme seja constantemente arrefecida.

Alternativa de depilação viável para a pele negra

Considerando que a pele negra está mais propensa a apresentar pelos encravados (foliculite), a utilização do laser como método de depilação se mostra muito viável, ajudando o paciente a não sofrer as cicatrizes e nódoas tipicamente relacionadas ao desenvolvimento da foliculite.

Ademais, o tratamento de depilação a laser é extremamente eficiente, apresentando taxas de eliminação completa dos pelos que podem alcançar 95% de efetividade. Além disso, na ampla maioria dos casos o tratamento requer a realização de uma única sessão anual para manter os resultados conquistados, considerando que o paciente tenha concluído todas as etapas do projeto de tratamento.

Cada sessão da terapia ocorre com intervalos entre 30 e 60 dias, o que é determinado pela velocidade de crescimento dos pelos. Em se tratando da pele negra, a quantidade total de sessões propostas também oscila, mas normalmente o paciente efetua entre 5 e 8 sessões em cada região a ser tratada.

Leia Também:  Abrasão (lesão na pele, raspagem superficial da pele)

Recomendado » Eliminar os Pelos Definitivamente: 6 Receitas Naturais que Funcionam

Cuidados prévios e posteriores à depilação a laser

Antes de passar pelo tratamento de depilação a laser, o paciente deve estar ciente quanto a alguns detalhes. Desse modo, é altamente recomendável que a pele não tenha sido depilada com cera nos últimos 20 dias. Neste período, o único método adotado deve ser o uso da lâmina. Outro cuidado prévio à realização do tratamento é evitar qualquer tipo de terapia com ácido durante os 10 dias que antecederem a terapia.

Uma vez concluído a depilação, o paciente jamais deve tentar retirar as escamas que, porventura, tenham se formado sobre a pele. Essas camadas são comuns nesse tipo de tratamento e devem cair naturalmente. O paciente também deve proteger a pele da incidência dos raios ultravioleta através do uso de um protetor solar que contenha o fator apropriado.

Locais indicados para depilação a laser da pele negra

Esse tratamento pode ser concretizado em consultórios dermatológicos especializados em terapia estética. Visando evitar possíveis transtornos, cabe ao paciente efetuar uma pesquisa minuciosa sobre a reputação do endereço e do profissional escolhidos para proceder com a depilação.

Precauções e observações quanto à emissão do laser sobre a pele negra

A especifidade da pele negra exige o uso de equipamentos adequados, uma vez que a epiderme mais escura é rica em melanina. Como os raios laser emitidos pela maioria dos equipamentos disponíveis atua diretamente sobre essa proteína, as pessoas que detêm pele escura e a expõem ao laser correm o risco de desenvolver queimaduras e manchas graves no decorrer do processo.

Deve-se ressaltar que todas as tonalidades de pele estão sujeitas aos mesmos efeitos colaterais negativos citados, entretanto, com porcentagens de risco bem inferiores em comparação com a pele mais escura. Além disso, as nódoas que podem ser provocadas na pele negra em virtude do uso do laser dificilmente são removidas com sucesso.

Leia Também:  Pele oleosa: Que Cremes e Produtos Cosméticos devo usar?

Por todas essas razões, antes de se submeter a qualquer tipo de tratamento com raios laser, quem tem pele negra deve realizar uma consulta detalhada com um dermatologista, a fim de ser orientado corretamente.

Continuação » 11 Cuidados com Pele Negra

loading...

07. Fevereiro 2015 by Fabricio

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *