Erisipela

A erisipela é uma causa frequente de urgência dermatológica e pode ser sede de complicações.

590 foto28 Erisipela

A erisipela ou dermo hipodermite bacteriana aguda é uma infecção frequente da pele que é motivo frequente de ida a serviços de Urgência e representa mais de 20 por cento dos internamentos em serviços de Dermatologia no nosso país. Por vezes não é logo identificada ou é medicada com fármacos pouco eficazes, sendo sede de complicações ou de morbilidade por atraso no início da medicação correcta.

Leia Também: Remédio caseiro para tratamento da erisipela

Causas da Erisipela

É causada pelo Streptococcus beta-hemolítico do grupo A. Este coco G+ não penetra a pele normal pelo que aproveita uma ferida traumática, úlcera de perna ou micose interdigital para atingir a derme e hipoderme. Não é necessário um grande inóculo, pois as suas exotoxinas são responsáveis pelo aparato do quadro clínico. Este surge de forma rápida (1-2 dias) e cursa com febre muito alta (39-40ºC), arrepios, náuseas, mal-estar geral de início concomitante ou precedendo o aparecimento de uma placa vermelha edematosa e muito dolorosa da pele.

Esta placa vermelha estende-se em poucas horas, com limite relativamente bem marcado, com edema pouco despressível e, no membro inferior, ocupa habitualmente toda a circular da perna. Acompanha-se de adenopatias dolorosas, por vezes com lesões lineares de linfangite entre a lesão primária e a adenopatia. Raramente surgem bolhas tensas de conteúdo citrino ou no decurso da sua evolução podem formar-se abcessos que necessitam de drenagem (figura 1). São lesões unilaterais e as localizações mais frequentes são o membro inferior, tendo como porta de entrada uma fissura interdigital do pé de atleta ou, mais raramente, uma úlcera de perna; a face, com ponto de partida em lesão do canal auditivo externo, sulco retroauricular ou mucosa nasal; e, mais raramente, o membro superior, em especial em doentes mastectomizadas por neoplasia da mama e com linfedema crónico do membro. Outros factores favorecedores são a obesidade e a diabetes e o linfedema crónico da insuficiência venosa.

Erisipela no rosto causada por um estreptococos invasivo ErisipelaFoto: Erisipela no rosto causada por um estreptococos invasivo.

Do ponto de vista laboratorial, é típico, na fase aguda, a leucocitose com neutrofilia e a elevação da PCR para valores 25 a 50 vezes superiores ao limite superior do normal. É importante efectuar o diagnóstico diferencial com várias patologias. No membro inferior, são frequentemente confundidas com tromboflebites, habitualmente localizadas à face posterior da perna, ou com a paniculite da insuficiência venosa crónica ou lipodermatoesclerose, que corresponde a uma placa esclerótica do 1/3 distal da perna muitas vezes circular, que provoca uma espécie de “garrote” desta área com dilatação da parte mais superior da perna, fazendo com que o conjunto pareça uma garrafa de champanhe invertida.

Esta patologia crónica e de difícil resolução sofre surtos de inflamação dolorosos, mas sem aumento significativo dos marcadores da inflamação. Nos membros inferiores, sempre que as placas inflamatórias são bilaterais, devemos pensar em edemas da insuficiência cardíaca ou hepática descompensada: estes são mais depressíveis e indolores, por vezes podem ter carácter inflamatório e bolhas de conteúdo citrino, mas instalam-se mais lentamente, sem febre ou adenopatias e sem marcadores serológicos de inflamação aguda. Na face (rosto), a erisipela, numa fase inicial, pode confundir-se com um surto de angioedema ou com um herpes zoster com lesões mais confluentes. Nestas situações, nem a febre nem os marcadores de inflamação estão presentes.

Tratamento da Erisipela

Se não for um quadro exuberante e não houver factores de risco, o tratamento poderá ser realizado em ambulatório com antibióticos orais como a flucloxacilina (1gr de 6 em 6 horas), amoxicilina/ácido clavulânico (1g de 12 horas), uma cefalosporina (cefradina ou cefaclor, …), a clindamicina (300 mg de 6 em 6 horas) ou um macrólido. As fluorquinolonas, à excepção da levofloxacina, não são eficazes no tratamento de infecções por estreptococos, mas inexplicavelmente os doentes chegam muitas vezes medicados com uma ciprofloxacina.

Em alguns casos, pode ser necessário associar antibióticos de dois grupos ou recorrer a injectáveis, como a penicilina G, cefalosporina ou imipeneno. Não está definitivamente provado, mas a utilização de anti-inflamatórios não esteróides inibidores da cicloxigenase pode agravar o quadro clínico e facilitar a evolução para abcessos ou para uma forma mais grave desta infecção, a fasceíte necrosante.

A fasceíte necrosante é também provocada por estreptococos vulgarmente designados “flesh-eating bacteria” ou bactérias “carnívoras”. É uma infecção aguda que atinge a hipoderme mais profundamente e, por isso, na fase inicial tem menos sinais objectivos locais e parece menos aparatosa. O eritema é menos marcado, mas a breve prazo surgem áreas violáceas ou brancas avasculares correspondentes a necrose cutânea (figura 2).

A infecção envolve a fascia perimuscular e leva à destruição do músculo subjacente, podendo evoluir para um estado de choque séptico fatal, se não houver intervenção cirúrgica imediata para libertar o músculo. Os tecidos necrosados da pele e do músculo são foco ideal de crescimento bacteriano e a parca irrigação não permite acesso ao antibiótico. No estudo analítico de urgência, além dos marcadores de inflamação, é típica a citólise muscular com valores muito elevados de creatinina-fosfocinase.

As erisipelas tratadas tardiamente ou de repetição devido à manutenção dos factores favorecedores provocam dano linfático com linfedema crónico, um factor favorecedor de nova erisipela. Nestes doentes é adequado reduzir os surtos com administração mensal ou a cada três semanas de 2 400 000 unidades de penicilina benzatinica i. m.
Em: Dermatologia, Doenças bacterianas, Doenças da pele | 40 comentários

40 Comentários no Fórum

  1. Pois é meus abençoados filhos(as) de Deus, estejam em paz. Estou acometido dessa maldita doença; quase um ano. Mas devo admitir, que nesse período, não dei muito atenção à mesma; ingeria alcoól e nesse ínterim, a coisa se agravou. Minhas pernas incharam, principalmente a da direita, uma vermelhidão e pontos ressecados por sobre a mesma; coceiras; meus pés acompanharam os sintomas. A perna da esquerda, apresentou uma vermelhidao mediana;bolhas apareceram em ambos os pés. Enfim, fui internado. Porém, fui submetido a tratamento com Oxacilina. Quase morrí, devido as reações que meu corpo apresentou. Pedí alta. Fui a um cirurgião Vascular, que, graças ao Bom Jeová, nosso Deus, receitou a Benzetacil de 1.200.000. Hoje, vejo uma melhora, posto que somente foram administradas duas doses, com intervalo de 07 dias de uma para outra. Parei de ingerir alcoól. Sempre que posso, elevo os membros, isto melhora bastante a circulação, principalmente a linfática. Meus irmãos, sei que cada caso é um caso. Mas tenham fé. Saibam resignarem-se e aproveitem o tempo de tratamento para uma reflexão do que, efetivamente, fazemos com nossos corpos, templo do Espírito Santo. Esta doença é dol diabo, como todas as outras, mas ela não é superior ao Criador, que não a fez. Façamos, pois, nossa parte doravante. Peço ao Deus todo poderoso que abençoe e cure todos vocês, inclusive a mim. E lembrem-se das palavras do Mestre: “… QUEM VEM A IM DE MODO ALGUM LANÇAREI FORA…”. Fiquem em paz!

  2. Apareceram umas machas vermelhas no meu tornozelo esquerdo e não sei qual foi a causa, porém no terceiro dia foi ao médico e ele falo que tratava-se de erisipela que poderia ser a causa uma picada e inseto ou infecção proveniente de pequenas bolhas que aparecem nos pés e elas estoraram e as provocou devido ficar muito tempo calçando sapatos e meias quentes, como também essas provocadas por acido úlrico, quem ocorre por comer carne vermelha , que os aconselho evitá-las, com também o sal e açucar excluír da diete que são dois alimentos preferidos das células cancerigenas, que também aconselho esquecerem que existem se qualquer pessoa quiser ficar recuperado de qualquer doença. Coma alho, cebola em abundância e resumindo o infectologista passou cefalexina três vezes ao dia e uma pomada tópica – EXCELENTE – TROK-G foi como reduziu todo vermelhidão que no momento, após dois meses apenas considero que resta ainda 5 por cento do que estava e esperando ficar definitivamente sanado desse bactéria e ficarei de alerta sobre ela.

  3. Depois de um mês e meio e 3 médicos minha mãe de 79 anos conseguiu se curar da erisipela e exponho aqui para que não passem pelo que passamos: o médico ideal é o alergista-imunologista. TRATAMENTO: Antibiótico Ceclor BD comprimido revestido 750 mg, ingerir 1 compr 2xdia (12/12 h) durante 10 dias; Venaflon compr revestido (450 + 50mg) OU Venovaz compr revestido (450 + 50mg), ingerir 1 compr 2xdia (12/12 h) durante 30 dias; em farmácia de manipulação preparar fórmula DEFLAZACORTE 15 mg + RANITIDINA 100 mg contendo 14 cápsulas, tomando 1 cápsula 2xdia (12/12h) durante 7 dias. Essa fórmula é para proteger o estômago das medicações, principalmente em idosos; DERSANI – loção tópica, uso externo, aplicar uma porção 3xdia nas áreas afetadas na pele (8/8h), usar PARA SEMPRE. É um óleo especial que hidrata, ameniza as feridas (mas não é para coceira), contém vitaminas para a pele e cria camada de proteção que impede a entrada das bactérias da erisipela (streptococus phyogenes e staphylococus aureus) por rachaduras ou feridas na pele. Passe dentro das unhas também. Pode ser o genérico, bem mais barato (da UNIPHAR ou outro fabricante); Cloridrato de Tramadol 50 mg (é simplesmente o genérico do Tramal, mais caro. Tem receita controlada) somente quando sentir dor. Ingerir até de 8/8 h e somente enquanto necessário. É forte, dá sono e pode abaixar pressão e demora 40 min para fazer efeito. Deixe um compr na cabeceira antes de dormir para o caso de dor de madrugada; corte as unhas dos dedos dos pés bem rente, pois a bactéria entrou em minha mãe por aí porque ficou sem cortar por meses; a cada 15 dias, mesmo depois de curada, banhe os pés por 5 a 10 min com Permanganato de potássio em uma bacia (para eliminar bactérias nas unhas e pés. Pode molhar a perna toda), mas coloque água suficiente morna para que fique lilás bem fraquinho e não roxo forte. É normal as unhas ficarem manchadas com o permanganato. Portanto, se procurar angiologistas eles tenderão a querer tratar com benzetacil por até 1 ano (!), quando na verdade descobrimos não ser necessário injetáveis por haver comprimidos eficientes. Ajuste essa medicação ao seu caso, idade, etc com a ajuda de um alergista. Espero sinceramente ter ajudado.

  4. minha mae esta com erisipela, tem 15 dias mais ou menos,os médicos não fazem nada, preciso urgente de ajuda. ela e diabética e sofre muito. obrigado!

  5. meu pai esteve interno 15 dias com erizipela,mas esta bem melhor.ja esta em casa mas ainda estamos cuidando todos os dias vai
    oa hospital fazer curativo.graças a Deus ele n é diabetico

  6. meu nome é fernando e ano este ano contrai a doença de erisipela começou com uma febre intensa na minha canela e e depois de tres semanas fui ao hospital os médicos me internaram no mesmo dia fiquei uma semana tomando um antibiotico forte que so se encontra no hospital, depois de uma semana continuei tomando cefalexina porem tive uma batida bem no lugar da inflamação e começou a sair um sangue sujo duas semanas saindo aquela secreção e agora depois de um mes de internação minha perna esta com um buraco cada vez maior, pois eu tenho uma placa na perna por ter tido um acidente de moto e agora com o buraco da erizipela esta aparecendo os parafusos, me doi muito pouco, minha pergunta o que eu posso por de remédio para que eu possa fechar esta ferida pois esta muito feia.se alguém tiver algumas sugestões para eu fechar esta ferida mandem emails para mim. fiquem na paz do senhor

  7. boa noite eu tive o mesmo poblema na regiao do tornozelo mas o meu medico me receitou uma pomada chamada collagenase mas sem antibiotico porque eu tinha 03 ulceras na perna direita mas graças a deus saraou e nunca mais voltou as ulceras ok ai esta o nome da pomada fui,

  8. OLÁ , SOU DANIE , MÃE DE JAQUELINE , ELA TEM ERIZIPELA DE REPETIÇÃO DESDE 2007 , ESTÁ SEMPRE EM TRATAMENTO, ANO PASSADO FICOU HOPITALIZADA , NESTE PERIODO PASSOU MUITO MAL. AGORA ESTA NOVAMENTE COM ESSA TERRÍVEL ENFERMIDADE , DESCOBRIMOS UM EXELENTE REMÉDIO CASAIRO , QUE AJUDA MUITO Á REFRESCAR , DESINCHAR E TIRA TODA A COR AVERMELHADA DA PELE ( FEBRITE ) RALAR O CHUCHU ,E COM UMA FAICHA TENTAR COLOCAR SOBRE O LOCAL, BASTANTE CHUCHU ( CRU ).DEIXAR DURANTE A NOITE TODA E PELA MANHA VEJA O RESULTADO .. GRANDE ABRAÇO…

  9. TENHO ERISIPELE MAS A MINHA ESTAR ROXA DEMAS E COSSAR MUITO O QUE DEVO FAZER POIS VOU COMEÇAR ATOMAR O REMEDIO AVOLOX 400MG MAS ESTOU COM MEDO DE PERDE MINHA PERNA

  10. Gostaria muito de ajudar uma vizinha, já de 84 anos , não consegue cicatrizar uma erzipela, que já está cronica. ela gasta muito com medicamentos que não resolve.
    por gentileza me de uma ajuda para que eu possa passar pra ela .

    Grata
    Irene Scherer
    62-36242700
    62-96199233

  11. TENHO 38 ANOS TIVE ERIZIPELE COM 15 ANOS TOMEI 78 BENZETACIL FIQUEI CURADO INFELIZMENTE COM OS PES MEIO RACHADINHO FUI LAVAR UMA SALA AQUI EM CASA QUE ESTAVA MEIO DESATIVADA COM MOFO DAI JOGUEI AGUA E PELO RACHADO DO PE PEGUEI PELA SEGUNDA VEZ NO OUTO DIA JA ESTAVA VERMELHO E DAI TIVE SERTEZA QUE ERA DINOVO DAI O MEDICO PASSOU UM REMEDIO MILAGROSO ELE CHAMA LIPROFLOXOCINO 500 MG 12 EM 12 DURANTE 7 DIAS PELA MISERICORDIA DE DEUS NO TERCEIRO DIA EU JA ESTAVA FELIZ BASTANTE CONFIANTE E HOJE FAZ 7 DIAS ME CINTO CURADO OBS INCHA UM POUCO NO FINAL DO DIA. MAS MESMO ASSIM FUI HOJE NO CIRRUGIAO VASCULAR ELE FALOU QUE E BOM EU TOMAR UMA BEZETA A CADA TRINTA DIAS ATE EU VIVER E EU FALEI A ELE OBRIGADO . E AGORA VOU FAZER ACOM PANHAMENTO AMBULATORIAL OBSO MEDICO QUE ME ATENDEL A PRIMEIRA VEZ ME PASSOU UM ANTE ALERGICO CHAMADO POLARAMINE 2MG 1CAPS DE 8EM 8 DURANTE 7 DIAS B0A NOITE A TODOS E QUE DEUS VEM ABENÇOAR A CADA UM DE VOCEIS. E CREIA.

  12. Gostaria de saber se a erisipela tem cura em diabeticos?

  13. gostaria de saber se tem algum tratamento ,cirurgia para tirar as manchas deixadas por erisipela.Tem 2 anos que tive e a minha perna ficou muito feia

  14. Boa noite à todos bom meu nome é Nilma e tenho 34 anos tive erisipela por 3 vezes aliás neste exato momento estou tratando uma, é muita dor vermelhidão porém dessa vez não sei se coloquei na cabeça mas ao começar com os antibióticos me parece que ela aumentou alguém pode me dizer algo sobre isso desde já agradeço e um ótimo fds…

  15. eu tbm tive erisipela de bolha devido a um arranhado em uma lata enferrujada, eu tbm quase tive que amputar o pe, mas pela misericordia de deus, fiquei internada 2 meses e foi combatida a infecção atravez de varios antibioticos. graças a deus hj to curada.

  16. Minha sogra é diabética e esta com a erisipela a 14 dias, esta fazendo todo o tratamento com antibioticos, e injeções, porem ela não quer mais andar, diz que a dor é insuportavel e só fica na cama, nem pra ir ao banheiro ela se levanta.
    Isso é normal?

  17. bom meu nome é Ada , já faz alguns anos q venho sofrendo com idas e vindas dessa doença!! teve uma vez que tive q ficar internada por 9 dias e chegou a dar bolhas … tudo isso doe tanto mas tanto que toda vez q volta essa doença em mim choro muito!!! Como tratar…Tem cura… queria noticias

  18. ERISIPELA

  19. Boa noite, meu nome é Juliani, tenho 36 anos e no dia 01/03/2013 no período da manhã,meu dedinho do pé começou a inchar devido a uma frieira que eu estava naquele local.O dia foi passando e já estava quase todo o pé inchado, a noite então nem se fala, totalmente vermelho e ardendo, tipo queimadura. Resolvi ir para o hospital, onde me deram uma injeção pinicilina e outra pra dor, e também me receitou antibiotico oral, mas muito fraco.No outro dia tive que ser internada, pois o inchaço e a vermelhidão já subia para a perna.Durante uns 6 dias o quadro se agravou e depois do sétimo dia a vermelhidão começou a baixar da perna e voltar somente para o pé.(sinal que a infecção estava sendo combatida). O problema agora eram as bolhas que haviam saido no pé. Essa bolhas tiveram que ser estouradas e ficou em carne viva. Essa carne viva se tranformou em uma grande ferida que apesar de eu nao ser diabética está demorando muito para cicatrizar. Depois de 23 dias no hospital os médicos me liberaram para ir pra casa e continuar a fazer os curativos no postinho. Hoje é dia 01/06/2013 e ainda estou fazendo os curativos todos os dias, a ferida já está bem menor e com fé em Deus vou ficar boa logo. Só deixo um aviso para quem estiver lendo, nunca deixem de dar valor para um corte em seu corpo, até mesmo uma pequena frieira, pois a dor que eu senti não desejo pra ninguém. Fiquem com Deus. Essas são algumas fotos minhas que meu esposo postou pra as pessoas conhecerem um pouco mais dessa doença. https://plus.google.com/photos/106194655958743204334/albums/5862453943231330401?banner=pwa

  20. Por que esse povo não procura o médico? com doença não se brinca, eu jamais teria coragem de me consultar pela internete, vende o computador e paga um médico.

  21. Boas, eu tive erisipela numa perna, á 5 meses, estive enternado fiquei só com a perna vermelha e enchada, o vermelho sai no hospital, mas ainda tá enchada, o que devo fazer.

  22. Meu filho de 5 anos esta se curando desa doença, graças a Deus ele esta praticamente curado ignorem o tratamento da medica que receitou somente benzetacil e nada adiantou, o que realmente o curou foi eu levar benzer por dois dias seguido fazer compressas de uma planta que da só no mato que se chama erva santa cozinhei ela como se fosse fazer chá coloquei uma colher de açucar, colocava na perna a compessa morna,e quando não estava com a compressa passava uma pomada chamada Aciclovir, ela é receitada para herpes não precisa receita e é bem baratinha faz cinco dias que comecei agora ele não sente mais coceiras e não dói mais a pele esta com a cor quase normal as bolhas estouraram por conta e estão secando espero que ajude vc que está passando por isso pois sei que é horrivel

  23. Olá, meu nome é Sandro e estou internado neste momento com Erisipela. Começou com uma febre muito alta, fui ao médico e o mesmo, desprezando a informação que dei de dor na perna, iniciou um tratamento para pneumonia, mesmo não havendo indícios na chapa do pulmão. No mesmo dia, após aparecer manchas na perna, volte ao hospital e permaneço internado já há 14 dias.
    O tratamento está sendo feito com antibiótico intravenoso de nome CRAVOLIN e curativos a cada dois dias. Na verdade os curativos iniciaram faz 5 dias apenas.
    Estou tendo acompanhamento clínico pelos plantonistas da internação, porém também sou atendido por uma equipe de cirurgiões vasculares que são os especialistas no caso.
    Não é uma doença simples de ser tratada, pois envolve uma série de possíveis problemas de infecção ou reinfecção. Os médicos dizem que terei que ter paciência neste momento e cuidados no futuro.
    No início eu meio que subestimei a doença, achando que bastaria um remidinho para matar a bactéria. Agora, principalmente após ver a lesão aberta (ferida) aumentei muito o respeito por esta maldita bactéria.
    Meu conselho a que tem esta doença é não desprezá-la de forma algum; não tentar tratamentos caseiros; ter paciência durante o tratamento; buscar especialistas vasculares para tratamento; eliminar as portas de infecção e rezar sempre.
    Aproveitei a oportunidade para iniciar um tratamento para parar de fumar e o médico disse que, tão logo a lesão cicatrize, iniciaremos um processo de perda de peso radical.
    Boa sorte para todos.

  24. Minha mae tambem teve isso erisipela ela sempre tinha problema com varizes, com calos nos pes ai depois ela sentiu uma dor na perna ai a perna dela ficou igual a primeira foto la de cima eu nao gosto nem de contar essa historia, mas eu nunca esqueço do q aconteceu era horrivel. A perna dela ficou inchada, vermelha depois apareceu umas bolhas grandes e pretas com um liquido e no peito do pé estourou uma bolha ai a pele ficou morta e com mau cheiro ai precisou fazer raspagem pra tirar a pele ai ficou aberto o local ela so vivia com a perna enfaixada. A perna dela ficou escura com cicatriz toda vez repetia a erisipela ela toma pelicilina, fazia curativo em casa , nao gostava muito de ir ao medico os dias foi passando e cada vez piorando a bacteria! Tava nascendo umas bolhas ate na coxa sempre ela tinha febre alta e fica se tremendo. Ai repetia a erisipela. Acontece q no dia 21 de janeiro de 2012 nao sei pq mas ela nao teve muita sorte de ser curada como essas pessoas q tao contando suas historias, mas deus quiz levar ela pra morar com ele. Na manha do dia 21 de janeiro ela nao acordou mais tava desmaiada disseram no hospital q foi devido a pressao baixa e a glicose eu nao sei pq a samu levou ela pra o sus. Eu sei q eu fiquei com ela no hospital nao sei se ela tava em coma , mas ficava dormindo direto algumas poucas vezes falou comigo os enfermeiros disseram q era a pressao e glicose baixa so sei q eu nunca vou me esquecer essa doença é horrivel ela tava com bolhas tava nascendo mais ate em cantos q nao tinha na coxa. A imcopetencia daquele hospital nao fizeram nenhum curativo. So sei que ela morreu.

  25. Minha mãe teve erizepela, e começou com uma picada de inseto e teve varias complicações e por ela ser diabetica teve que ser internada e ficou 18 dias no hospital, hj esta fazendo 4 meses que faz curativo no hospital um dia sim e outro não. Mais de uma semana para cá, começou a sair umas bolhas, pq isso acontece? pq estava cicatrizando tão bem e agora esta ficando bem feia. Estava pior que esta foto que estou enviando e agora tenho umas mais recentes que esta graças a Deus bem melhor

  26. Quase todo tratamento que prescrevo inicia com uma limpeza intestinal, (limpar, desintoxicar e nutrir) esta é a lei. Quem tem erisipela não devera comer carne vermelha, deverá fazer uma dieta crudífera,
    evitar gordura animal, margarina, etc. Fazer de babosa – argila – carvão

  27. Gostaria de saber se passa a erisipela de uma pessoa para a outra.
    Preciso da resposta urgente alguém pode me dar essa informação .

    Obrigado pela Atenção

    Atenciosamente

    Estela Bacega

  28. OLA,DANIEL EVANGELISTA. O REMEDIO QUE EU TOMEI,E TIRAVA TOTALMENTE A MINHA DOR É TYLEX,ELE É A BASE DE MORFINA,OLHA EU TAMBEM PASSEI POR ISSO,NAO TEM OUTRA CURA A NAO SER PELAS MAOS DE JESUS,EU FIQUEI CURADA E SÓ TEM 6 MESES,NAO TEMNHO MAIS NADA,MINHA PERNA TA SEM NENHUMA FERIDA OU EDEMA.POSTEI MINHA FOTO DE COMO MINHA PERNA FICOU,FIQUE NA GRAÇA E NA PAZ,MELHORAS PARA SUA MAEZINHA.

  29. Ola gente tenho 10anos e a tres semanas atras tive uma pancada forte na perna e o local ficou sensivel a 1dia o mosquisto mordeu e eu coçei muito.agora estou internada com irisipela ai vai minha foto.

  30. Bom dia a todos tenho um caso desse na familia, minha mãe esta com essa doença, gente ela grita de dor de dia e noite, de tanto tomar remedio os cabelo dela caiu, ela entrou em depreção e a cada dia a ferida piora.
    Encontrei um medico um especialista nessas feridas e se porventura vc que esta lendo essa mensagem e conhece alguem que tem essa infermidade, avisa para NÃO passar A POMADA BABA TIMÃO E A POMADA DE CALENDOLAS ISTO QUE FEZ COM A PERNA DELA PIORAR MAIS . TEM UMA POMADA SUFADIAZINA DE PLATA ISTO QUE ESTA AJUNDANDO AA MELHORAR, MAIS A DOR A CADA DIA PARECE SER MAIS FORTE SE ALGUEM SOUBER DE UM REMEDIO QUE TERI ESTA DOR, GENTE PELO AMOR DE DEUS ME AVISE NO MEU EMAIL POIS NÃO AQUENTO MAIS VE-LA COM ESSA DOR.

  31. Olá me nome é christiane,e tenho 31 anos,por causa de uma bolhinha no meu pé por causa do sapato de trabalho,no dia 20/11/2011eu peguei uma erisipela rara,na minha perna,(erisipela bolhosa).E fiquei muito ruim,enternada,infecçao altissima no sangue e o médico ainda tocou no assunto de uma amputaçao.Até que clamei ao meu Senhor por socorro,e Ele ouviu meu clamor e me curou desta enfermidade.Com apenas 2 meses eu ja me encontrava curada sem as feridas.Em janeiro de 2012 ja me encontrava curada,hoje estou curada para honra e glória do Senhor Jesus.

  32. Meu marido tem 60 anos e há mais de 30 anos vem sofrendo de erisipela. Seus pés são cheio de ferimentos que cicatrizam por um curto período, mas logo abre as feridas novamente. Ele não é diabético. Gostaria de saber se existem curas para essa doença e se alguém poderia informar onde encontro um especialista em São Luis Maranhão. Obrigada

  33. tenho 49 anos e tenho um problema numa perna, penso ser erzipela apareceu-me à 4 anos e desde então tenho tido sempre problemas, umas vezes ando melhor outras pior. mas agora piorei imenso tenho a zona inferior da perna toda inchada, vermelha, e bloqueada tipo os movimentos prezos. já tomei 4 cx de antibiotico e nenhumas melhoras. se alguem me poder indicar qual o tratamento correto agradecia. obr

  34. ola ; meu nome é nida, tenho 51 anos. faz 2 meses que estou doente de erisipele e gostaria de saber um remedio para passar na perna para tirar o vermelhão erecifeo inchaçao ou com o tempo elea fica normal. recife,29 de setembro de 2011

  35. ola a mae dsa minha amiga pesa 180 kilos e esta com erizipela gostaria de saber se pode se uzar aloe e vera ?e si aloe e vera ajuda obrigado me responda urgente a perna dela queima muito me informe se ela pode passar alguma coisa para melhorar a queimaçao….

  36. Consultem este documento que encontrei e considero muito bem feito.

    Espero ter ajudado.

    http://www.actamedicaportuguesa.com/pdf/2005-18/5/385-394.pdf

  37. olá! a minha mãe tem 72 anos é diabética tipo 2 e tem erisipela, gostaria de saber qual o tratamento a seguir, uma vez que já doi a 3 médicos e nenhum identificou o problema, embora tenha consulta para dermatologia, próximo dia 27.
    obrigada.

  38. eu queria sabe mais sobre a doença e fala nas escolas para todos saber mais

  39. OLA, GOSTARIA DE SABER MAIS A RESPEITO DA ERISIPELA EM DIABÉTICOS, TENHO DOIS IRMAOS DIABÉTICOS E UM DELES ESTA COM ESTE PROBLEMA, COMEÇOU COM MUITA FEBRE E VERMELHIDAO EM UMA PERNA E AGORA ESTA COM BOLHAS.
    VOCE SABERIA ME DIZER SE O TRATAMENTO É SOMENTE ATRAVES DE ANTIBIOTICOS OU TEM OUTRA FORMA, E ELE SENDO DIABÉTICO, TERA CURA?
    OBRIGADA.

  40. su comentario …hola! tengo una pregunta..hace aproximadamente 4 anos comenze con algo que parecia una espinilla en la area abajo de mis ojos por mi mejilla, y hasta la fecha de hoy no me la e tratado.Me arde y cada vez se me expande mas, es como si tengo muchas espinillas juntas muy colorado alrededor, me arde, y se siient caliente. No tengo ampollas asi como lo muestran aki pero estoy preucupada podrian ayudarme porfavor? gracias

Deixe o Seu Comentário no Fórum

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *