Frieiras

Com a chegada do Inverno e dos dias mais frios há que proteger a pele. Para quem habitualmente tem frieiras, nesta altura do ano, esta protecção assume uma maior importância.

A origem das frieiras
As frieiras resultam de uma reacção anormal do organismo a temperaturas particularmente baixas, em climas húmidos, e afectam principalmente as zonas da pele das extremidades, mais expostas ao frio: mãos, nariz, orelhas e pés. No caso dos pés, as zonas mais susceptíveis são as que se encontram sob maior pressão devido ao calçado. As frieiras não são mais do que zonas da pele lesionadas e inflamadas, as quais podem assumir uma coloração que varia do vermelho ao violeta/roxo. O aparecimento destas lesões dá-se quando o organismo não consegue responder adequadamente a variações, mais ou menos bruscas, de temperatura. Assim, a exposição ao frio provoca uma vasoconstrição, com estreitamento dos vasos sanguíneos (vénulas e arteríolas existentes na derme), dificultando a circulação sanguínea ao nível das extremidades do corpo. Perante um aumento de temperatura, especialmente quando este é rápido, a quantidade de sangue que chega às extremidades é superior mas o organismo não consegue reverter a vasoconstrição induzida pelo frio.

Como resultado desta falta de resposta atempada, dá-se um extravasamento de sangue proveniente dos vasos sanguíneos para os tecidos circundantes, provocando a reacção inflamatória, acompanhada de necrose celular e edema. São vários os sintomas que caracterizam as frieiras:

- Sensação de queimadura;
- Prurido (muitas vezes intenso);
- Ardor;
- Dor;
- Edema;
- Ferida (em situações mais graves.
Estes sintomas tornam-se mais intensos e incomodativos durante a exposição ao calor.

Frieiras – uma situação aguda ou crónica?
As frieiras podem ser classificadas como agudas ou crónicas, de acordo com a natureza e persistência dos sintomas que as caracterizam. Situações agudas são auto limitadas no tempo, e a circulação arterial mantém-se normal. Ocorrem 12 a 24 horas após a exposição ao frio, são acompanhadas de prurido intenso, podem afectar mais do que uma zona (geralmente pés e dedos das mãos) e duram 7 a 14 dias. Apesar do seu carácter auto limitado, podem ocorrer recorrências, sempre que há exposição ao frio. Situações crónicas acontecem quando a repetida exposição ao frio provoca lesões persistentes, que podem ter início no Outono e só desaparecer na Primavera. Nestes casos, as zonas da pele onde surgem as frieiras podem sofrer alterações mais acentuadas e permanentes.

Frieiras – Causas e Factores condicionantes
Qualquer pessoa pode ter frieiras. Contudo, o seu aparecimento é mais frequente em jovens mulheres, com idades compreendidas entre os 15 e os 30 anos, crianças e idosos. Mas não é só a idade que determina a maior ou menor predisposição para a ocorrência de frieiras, também algumas patologias e situações particulares podem aumentar o risco de desenvolvimento desta situação, nomeadamente:

• Problemas de circulação;
Lúpus eritematoso;
• Doença vascular periférica devida a diabetes, tabagismo e hiperlipidemia;
Anemia;
• Baixo peso ou nutrição deficiente;
• Alterações hormonais (ex. gravidez);
• Doença e fenómeno de Raynaud;
• Antecedentes familiares.

Também alguns medicamentos ao induzirem vasoconstrição ao nível das extremidades do corpo, contribuem para o aumento do risco de aparecimento de frieiras. É o caso dos beta-bloqueadores: Inderal®, Darob®, Artex®, Lopresor®, Tenormin®, Tenoretic®, Prent®, Concor®, Nebilet®, entre outros.

Medicamentos
As frieiras e os sintomas incomodativos e por vezes limitantes que acarretam, levam muitos utentes a procurar a intervenção da Farmácia. Cabe ao farmacêutico aconselhar sobre as principais medidas que ajudam a prevenir, a acelerar a cura e a tratar as frieiras.

Prevenção de Frieiras
No que diz respeito a frieiras, a prevenção é o melhor tratamento:

• Evitar a exposição ao frio;
• Durante a exposição ao frio, manter quentes as extremidades do corpo, recorrendo a vestuário adequado (meias de lã, sapatos confortáveis, luvas e gorro);
• Evitar o aquecimento rápido do corpo após exposição ao frio (ex. retirar primeiro os agasalhos e esperar que o organismo atinja gradualmente uma temperatura mais elevada);
• Evitar lavar mãos e pés com água muito quente;
• Evitar a proximidade de lareiras, aquecedores e radiadores;
• Fazer exercício físico regular, uma vez que facilita a circulação;
• Manter uma dieta saudável pobre em gordura e rica em fruta e vegetais, para facilitar a circulação;
• Evitar fumar, uma vez que promove a vasoconstrição.

Tratamento de Frieiras
Mesmo quando as frieiras já estão instaladas, as medidas de prevenção devem continuar a ser postas em prática, uma vez que permitem diminuir os sintomas e acelerar a cura. Para alívio dos incómodos provocados pelas frieiras (prurido, sensação de queimadura, ardor), existem medicamentos e produtos de saúde com substâncias com propriedades calmantes e antipruriginosas, como calamina, aloé vera, cânfora, calêndula. A aplicação de emolientes é aconselhada com o objectivo de suavizar e diminuir a irritação da pele e evitar o aparecimento de feridas.

Efeito Exemplos de Produtos Farmacêuticos
Calmante e Antipruriginoso - Queimax ®, Friax ®,
Frimax Top Frieiras ®, Frioven ®,
Akilhiver ®, RSpharma Frieiras ®
Emoliente - ATL ®, Atoderm Bioderma ®,
Avène Trixera ®, Babe Corpo ®,
Hidro Lact ®, Xeramance ®, Uriage
Xemose ®, Roc Enydrial ®, Roche Posay
Lipikar ®, Nutratopic Isdin ®

Segundo alguns autores pode ser vantajosa a aplicação de um corticosteróide tópico, no sentido de minorar o prurido e diminuir o edema. Contudo, estes medicamentos não estão aprovados para estas situações. Uma das maiores preocupações relacionadas com as frieiras é o facto de estas poderem ulcerar e infectar. Para evitar que tal aconteça é fundamental resistir ao prurido que estas provocam, recorrendo à aplicação de produtos antipruriginosos. Quando as frieiras dão origem a feridas, é aconselhada a aplicação de um anti-séptico tópico, para que não infectem. O Bepanthene Plus, é um exemplo que alia propriedades cicatrizantes, a propriedades anti-sépticas. Segundo alguns estudos, a administração oral de nifedipina pode melhorar a circulação sanguínea, dado o seu efeito vasodilatador e consequentemente evitar ou melhorar as frieiras. Contudo, trata-se de uma indicação não aprovada (“off label”).

Em: Saúde | 34 comentários

34 Comentários no Fórum

  1. Vez em quando, me aparece entre os dedos dos pés, principalmente quando uso constantemente, sapatos muito fechados.
    Uso TIOCONAZOL CREME em poucas aplicações, obtenho ótimo resultado.

  2. Estive a ler os v/ comentários à espera de encontrar a solução fácil, rápida e eficaz que vi os meus pais aplicarem com muita eficácia, quando eu era ainda uma criança.
    Casca de limão assada na brasa, ou talvez em qualquer chama.
    A casca do limão fica de cor amarelada ou tostada, então esfrega-se nas frieiras e o resultado aparece de seguida.

    Lembro-me de ver o meu pai com as frieiras quase a rebentar nas mãos, aplicava este tratamento e no dia seguinte já quase não tinha nada.

  3. uso chinelo o dia inteiro mais mesmo assim estou sofrendo muinto com esta coseira provocada pelas frieiras estou usando uma pomada chamada cetobetabmais esta nao esta me dando resutado por favorme ajude antes que eu arranque todos os dedos do pe

  4. eu estou com frieira só no meu minguinho esquerdo faz duas semanas q estou passando uma pomada pra frieira mais não está adiantado,e não é permitido eu trabalhor de calçado aberto,oq eu faço?me ajude por favor.

  5. Eu estou Gravida eu coloquei agua e suco quente na minhas mãos e as frieiras sairam

  6. Estou sofrendo muito com a frieira pois meus pés estão muito inflamados com secreção e inchaço e bolhas na parte superior.Estou fazendo uso de cloridrato de terbinafina, oceral creme e por último cefalexina. Gostaria de saber se posso fazer uso do Quadriderm.
    Aguardo resposta.

  7. Ao ler sobre frieiras, decidi deixar tambem minhas “comichôes” pois estou desesperada de tanta coceira nos pés devido as mesmas, tenho elas desde pequena e sofro miuto pois incha e me impede até de caminhar. É terrível.

  8. Tenho esse problema nas mãos a vários anos e já tentei de tudo, a única coisa que ajuda ( mas não resolve ) é cetoconazol dipropionato de betametasona. Vou tentar algumas dicas que o pessoal deu.

  9. Conteúdo muito interessante!
    Obrigada.

  10. Sempre tive frieiras nas mãos. Aos 29 anos fui viver para a Europa Central e desde o 1º anos lá (foram 28 anos seguidos), nunca tive frieiras. No meu caso, onde vivi o clima era severo no inverno mas seco, com temperaturas muito negativas e nunca elas me apareceram. Agora que estou novamente no Norte de Portugal com clima muito húmido elas apareceram novamente. Conclusão disto tudo; o melhor remédio é optar por um clima seco no inverno mesmo que se tenham temperaturas negativas de -10º ou mais. Comigo foi o caso e vivi esses 28 anos num clima seco e frio e maravilhosamente feliz sem as TERRÍVEIS FRIEIRAS. Agora … as mãos estão miseravelmente atacadas com elas. É tudo. Tirem as conclusões que quiserem.

  11. Olá, eu todos os anos sofro com as frieiras, principalmente nas mãos .. é horrivel. Há 3 anos que uso sempre o creme frieiras rspharma, mesmo antes de elas me aparecerem. Tenho sempre um ou dois tubos em casa de prevenção para usar mesmo antes de começar o frio a sério. Desde que uso este creme nunca mais tive frieiras tão assanhadas como dantes e o alívio é imediato. Foi uma senhora amiga que me recomendou e eu faço o mesmo, recomendo a quem sofre do mesmo mal. Lurdes Silva

  12. eu tenho frieiras desde que era pequeno, havia um velho que fazia uma pomada para mim quando eu era pequeno infelizmente ele se foi :/ e minha mãe nao ficou sabendo o que ele usou, e agr pouco me deu um ataque de coceiras e resolvi pesquisar o que poderia me ajudar, fico feliz com todos os comentários. e antes eu tinha entrado o site do Dr. Drauzio Varella. e ele recomenda a limpeza dos pés, pois as vezes pode ser um fungo e algodoes para evitar a transpiração de seus pés e que seja trocado diariamente. Evitar usar tênis sem meias e trocar diariamente as meias. boa sorte a todos

  13. é só colocar o pé de molho no pinho sol, mais tem que ser pinho sol original, ele é eficaz para 99% das bacterias

  14. ola espero que possa ajudar… nunca vou esquecer quando começou foi na copa de 94 bem no jogo brasil e holanda… não consegui nem ver o jogo com aquela maldita coceira que me acompanha desde então… no ano de 2009 fui aconselhado a usar minancora depois de tudo que tinha usado e nada dado certo tentei mais essa comprei a tal pomada passei nas mãos, pés e orelhas pois não eh que passaram não tive mais nada ate agora 2012 aqui no sul eh brabo e agora estou notando que voltou em um dos dedos da mão vou recorrer a minancora de novo…

  15. tenho essa maldida fieira que me acompanha a anos,,,ja usei d tdo agora estou usando essençia d própólis até da resultado ,,,,mas é só dar uma bobeada e ja esta la a tal fieira outra vez,,,,sera que nao tem cura essa m,,,,,,,

  16. Com certeza o melhor e mais eficaz meio de acabar com as frieiras,é cortar os dedinhos fora,isso mesmo,arranca todos que nunca mais essas coisas vão te incomodar…

  17. Olá, gostava de deixar aqui o meu testemunho.
    A uns 30 anos a traz, tive frieira. Consultei um médico que me receitou um creme, um sabonete para tomar banho e uma tintura para as feridas, mas as frieiras não desapareceram.
    Estava eu na cozinha desesperada cheia de comichão, com feridas a sangrar, e como forma de aliviar a comichão fui escaldando as frieiras na parede da panela, punha e tirava conforme conseguia consentir o calor. Acreditem de no dia seguinte as frieiras estavam murchas e desapareceram em menos de uma semana, até hoje nunca mais me deu.
    Espero que resulte com vocês, mas tenham cuidado para não se escaldarem.

  18. Quero deixar aqui a minha experiencia pois espero assim ajudar outros. Eu tive frieiras durante 10 anos a verdade é que fui experimentando ano após ano produtos novos e produtos naturais nada resultava… até que usei uma pomada “cloravita” num ano que tinha bastantes frieiras e elas aos poucos deaspareceram por completo no ano seguinte comecei a sentir aquela comichão a chegar ( e voçes sabem do que estou a falar ) antes de meus dedos incharem e logo apliquei a pomada nesse ano não chegaram a aparecer e desde então nunca mais tive. Já são 17 anos sem frieiras. Resultou comigo goataria que resultasse tambem convosco mas cada caso é um caso.
    Nem sou de escrever comentários, mas neste caso abro uma excepção por que sei o que custa.

  19. Boa Tarde,
    Eu também sofria de frieiras até que segui o conselho da minha irmã mais velha, colocar alcool nas mãos ou nos pés e chegar o lume, tapa-se imediatamente com uma toalha, resulta, desaparecem para sempre. Besuntar as mãos ou pés com petróleo também resulta. Atenção com o petróleo não devem chegar lume é só besuntar.
    As melhoras

  20. ola amigos tenho 41 anos e sofro de frieiras desde os doze desde entao tenho vindo a saltar desde o medico de clinica geral ate ao mais bem falado (dermatologista) e o resultado é o mesmo montes de dinheiro gasto em medicamentos que nem sequer me aliviaram nas horas de maior desespero acho que nem medicos nem medicina me podem ajudar as melhoras de todos voçes

  21. Olá;
    Há cerca de 2 anos tive imensas frieiras nos pés, eram umas dores e comichão terríveis. Experimentei tudo quanto havia na farmácia, fiz banhos de parafina e nada resultou. Um dia estava em casa e tinha ARGILA VERDE (compras em qq ervanária e é super barato) que utizava no rosto, e decidi exprimentar no pés. Então fazia aquela pasta da argila, deixava actuar uns 20 minutos, isto durante uns 3 dias e nesse espaço de tempo desapareceram.

  22. para ajudar combater frieiras : usar o queijo savitas, com os minerais e vitaminas, usar o xarope para abrir veias, arterias e vasos linfaticos, usar o zaper e fazer limpeza de figado.
    mais detalhes acesse: martinedgar.blogspot.com

  23. ja faz mais de dez anos que tenho frieiras nas mãos ja passei em vários médicos e todas pomadas que eles receita eu passo mais nãoconsigo a cura por favor me ajude qualque informãção sera valida com suas infomação ficarei agradecida OBRIGADO

  24. Minha frieira é parecida com a da DORA GOMES SAYS, ela quer saber se pode usar VODOL (nitrato de miconazol), eu fiz uso desse produto e não obtive resultado favorável, usei também outros 10 ou mais produtos e continuo com o problema em menor proporção mais sem alcançar a cura. Vou tentar a loção de pé em pé.

  25. eu ja tenho frieiras a 3 anos , e sei como de mau , a minha mae custuma fazer numa bacia agua a ferver com muito sal , depois vou metendo e tirando as minhas maos , as frieiras vao muxando , no natal dsabe muito mal , vejo a minha familia a lareira , e eu xeio de dores por causa do calor , mas agora vou fazer o voçes mandam para ver se melhoro , obrigado e as melhoras!

  26. Quando tenho crise de frieiras eu uso o LAMISIL CREME ( cloridrato de terbinafina 1% ). Baratinho e o efeito é 100%. Boa Sorte!!

  27. a melhor solução para frieiras é o ICADEM, pode ser liquido, pomada ou spray (mais caro) resolvi o meu problema mas continuo enxugando muito bem entre os dedos.

  28. Olá o meu caso é exatamente igual ao da Adriani Knecht, mas eu tenho isso a uns 9 anos e esse foi o pior. Não sei nem que medico procurar, já me indicaro: Reumatologista, Dermatologista, cardiologista e até benzedeira, rs. Me ajude por favor! Se quizer posso mandar fotos.
    Contato: jully_sjnrs@homail.com
    Até…

  29. Não sei porque mas tenho frieira só em uma das mãos,é normal?A mão que mais uso para cozinhar principalmente.Aqui no SUL é muiiito frio, acho que por expor a mão ao calor do forno e fogão e depois voltar para a temperatura (muito fria e úmida), e o choque com a água gelada que sai da torneira, deve causar a frieira nessa mão só, será possível?

  30. Bom Dia, o que pode ser já é o terceiro inverno que minhas maos incham doe fica um pouco vermelho e cossa um pouco, eu nao sei se é frieira, má circulação, frio ou água gelada ?

  31. Oi! gostaria de saber se posso usar a pomada vodol ou clotrimix , não consigo usar nenhum sapato fechado é o + engraçado é que só tenho no dedinho midinho do pé direito.

  32. ola eu gostaria de saber se dermobene é um bom remedio no tratamento de micose, eu estou com micose a alguns meses e não consigo fazer com que o meu pé esquerdo pare de coçar, jah fiz de tudo,…… ele estava até melhorando mas começou a coçar e agora está cheio de carocinhos pequenos nos dedos.

  33. Ola, gostaria de saber qual é o melhor remedio ou pomada para mim que estou com frieira nos pés e que estao indo para as maos .Estou na 20° semana de gravidez, sabendo que não posso usar nada que contenha dexametasona e betametasona, que sao as pomadas que tenho em casa.
    Aguardo…
    Muito Obrigado
    Thati.

  34. Olá! Obrigada pela infomacao !! Estou gravida de 36 semanas,e não sabia q a friera poderia ocorrer com a alteração hormonal da gravidez ! Estou no Japão , agora êh inverno e não estava usando meias pra proteger do frio estando dentro de casa com aquecedor ligado! Com todas as informações obtidas pelo site, estarei me protegendo melhor .
    Obrigada

Deixe o Seu Comentário no Fórum

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *