Queimadura de Frio (congelamento da pele e tecidos por baixo da pele)

A queimadura de frio é o congelamento da pele e tecidos por baixo da pele. Geralmente, as pessoas fazem queimaduras pelo frio nas mãos, nos pés, no nariz e nas orelhas. A queimadura pelo frio tem maior probabilidade de ocorrer numa pele descoberta, com tempo gelado e ventoso, bem como em pessoas que bebam álcool ou que fumem antes de saírem para a rua. A fadiga e uma alimentação deficiente também favorecem o aparecimento de queimaduras pelo frio. Estas são mais frequentes em pessoas com problemas de saúde, como diabetes ou doenças dos vasos sanguíneos.

Causas:

A queimadura pelo frio é provocada pela exposição ao frio intenso durante muito tempo. Ocorre quando se forma gelo na pele e nos vasos sanguíneos.

Sinais e sintomas:

A pele fica muito fria e, de seguida, dormente, dura e pálida. A cor da pele muda de branca para vermelha, depois para púrpura, com o reaquecimento. Poderá sentir dores, formigueiro, calor e inchaço à medida que a pele reaquece.

Como se Diagnostica:
Pela história clínica e pelo exame objectivo.

Cuidados a ter:

Use vestuário quente, à prova do vento e da água, quando for para um ambiente frio. Tape toda a pele que esteja descoberta, incluindo a cabeça, antes de sair para o frio, especialmente se estiver ventoso. Depois de sair, tente permanecer seco. Não beba álcool antes de sair, nem fume antes de sair para o frio e enquanto aí permanecer.

Riscos e Complicações:

Nos casos graves, frequentes nos alpinistas, poderá haver gangrenas e necessidade de amputar as partes do corpo (nariz, dedos, etc.) queimadas pelo frio.

Tratamento de queimaduras originadas pelo frio

Retire as roupas da pele queimada pelo frio e mergulhe a pele afectada em água morna, não quente. Não esfregue nem utilize as partes do corpo queimadas. Poderá precisar de medicação para as dores ou para uma eventual infecção secundária da pele.

Em: Outros Temas | Comentar

Deixe o Seu Comentário no Fórum

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *