Seixal - Distrito de Setúbal

Seixal

Com uma superfície de 94 Km2 e uma população de cerca de 130000 habitantes, a Cidade do Seixal situa-se na margem sul do rio Tejo. Zona dormitório, parte da sua população activa desloca-se para Lisboa e Almada. Reparte a sua actividade económica, entre uma agricultura em declínio e uma importante industrialização.

História

Existem provas da presença humana na região desde a pré-história. Foram os romanos que maiores testemunhos deixaram, destacando-se o singular conjunto de fomos utilizados para a cozedura de cerâmica de uso doméstico e comercial, demonstrativo de intensa actividade económica romana. O concelho foi instituído a 6 de Novembro de 1836 e dele fazem parte importantes centros populacionais: Amora, Arrentela, Corroios e Aldeia de Paio Pires. A pesca, a moagem (moinhos de maré) e a construção naval foram as actividades económicas mais importantes.

Mais tarde, a partir da segunda metade do séc. XIX, registou-se um grande desenvolvimento industrial com a instalação de diversas unidades fabris (têxtil, vidro e cortiça). É contudo a partir de 1960 que se registam profundas alterações, com a instalação da indústria siderúrgica e a construção da ponte sobre o Tejo (inaugurada em 1966) que conduziram ao elevado crescimento populacional.

Monumentos

Igreja de Nossa Senhora da Consolação – Arrentela
Reconstruída no séc. XVIII, após o terramoto de 1755. No seu interior destacam-se os painéis de azulejos setecentistas, o magnífico tecto em estuque policromo e o altar-mor em talha dourada barroca.

Igreja de Nossa Senhora da Conceição – Seixal
Igualmente reconstruída após o terramoto de 1755. O seu interior de nave única é marcado pelo estilo barroco. Possuindo tecto de madeira alusivo à Padroeira, capela-mor em talha dourada e paredes estucadas a imitar mármore.

Igreja de Nossa Senhora de Monte Sião – Amora
Construída no local duma ermida dedicada a esta Santa, cujo culto remonta ao período da tomada de Lisboa aos mouros por D. Afonso Henriques (1147). A igreja foi construída com o contributo dos devotos, possui uma só nave com alpendre com porta principal virada a poente.

Igreja Paroquial de Corroios
Datando do séc. XIV, foi completamente destruída em 1755, tendo sido de imediato reconstruída pela população. Sofreu também profundas obras de restauro em meados do séc. XX, só tendo voltado a funcionar como paróquia em 1973.

Quinta da Trindade
Propriedade senhorial remontando aos finais do séc. XIV. Segundo dados históricos, esta quinta foi legada em 1483 à Ordem Militar e Religiosa da Santíssima Trindade. Com a extinção das Ordens Religiosas a Quinta da Trindade passa para posse de particulares. No seu interior pode ser admirada uma importante colecção de azulejos figurativos e geométricos. De acesso condicionado, é classificado Imóvel de Interesse Público.

Museus

Ecomuseu Municipal – Núcleo Sede (Torre da Marinha)
Criado em 1982, apresenta uma exposição permanente sobre a história, etnografia, arqueologia naval e industrial da região do Seixal.

Moinho de Maré de Corroios
Mandado construir em 1403 por D. Nuno Álvares Pereira, é propriedade municipal desde 1980, tendo sido restaurado e aberto ao público desde 1986. Classificado como Imóvel de Interesse Público. Núcleo do Ecomuseu Municipal do Seixal.

Ecomuseu Municipal – Núcleo Naval Histórico
Instalado num antigo estaleiro naval em Arrentela onde são executadas à escala miniaturas de embarcações tradicionais do Tejo.

Estação Arqueológica da Quinta do Rouxinol
Posta a descoberto em 1986, é constituída por dois fornos romanos de produção de ânforas e loiça doméstica, datando dos séc. III e IV. Monumento Nacional – acesso condicionado.

Miradouros do Seixal

Fontainhas, Vila Longa, Santa Bárbara, Estrada de Rio de Moinhos e Estrada da Donárias.

Gastronomia

Massa de peixe, caldeirada, ensopado de enguias, enguias fritas e feijoada de choco.

Artesanato

Miniatura de embarcações, trabalhos em cortiça.

Praias do Seixal

Praia da Ponta dos Corvos e praia fluvial no rio Judeu.

Feiras, festas e romarias

Festas Populares de São Pedro – Seixal, em Junho.

Durante os meses de Julho e Agosto realizam-se Festas Populares em todas as freguesias, onde se realizam também as seguintes procissões:

dedicada a S. Pedro – 29 de Junho, Seixal.
das Velas – 12 de Maio, Aldeia de Paio Pires.
Nossa Senhora da Boa Hora – último domingo de Julho, Fernão Ferro
Nossa Senhora da Anunciada – 1º domingo de Agosto, Paio Pires.
Nossa Senhora de Monte Sião – 15 de Agosto, Amora.
Nossa Senhora da Soledade, a 1 de Novembro, Arrentela.

Lazer

Pesca, vela, canoagem, motonáutica e snipes na Baía do Seixal. Ténis, mini-golfe, patinagem no Parque Desportivo da Verdizela. Pista de skates, atletismo e natação nas piscinas municipais (Amora e Torre da Marinha). Parques do Serrado e Urbano das Paivas.

A Visitar

Baía do Seixal com passeios em embarcações típicas, Moinhos de maré.

loading...

03. Março 2012 by admin

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *