29 Sintomas da Artrose: Joelho, Mãos, Coluna Cervical, Ombro e Quadril

Neste artigo poderá saber um pouco melhor o que é, as suas causas, e ainda, os sintomas das principais formas de artrose, também conhecida na medicina como osteoartrose ou osteoartrite. Confira.

A artrose é a doença reumatológica mais comum, sendo igualmente uma das condições de saúde mais frequentes em todo o mundo.

O facto de esta doença estar principalmente relacionada com o desgaste natural de cartilagem e outras estruturas articulares, leva a que a maioria das pessoas, com mais de 60 anos, sofra de algum tipo de artrose.

artrose

Artrose

A artrose é um problema de saúde que se caracteriza pelo desgaste da cartilagem que reveste as extremidades ósseas que se encontram na articulação, mas também da membrana e líquido sinovial.

Todas estas estruturas articulares têm como função permitir o suave deslizamento das extremidades dos ossos, sem atrito, tendo assim um importante papel na capacidade funcional do indivíduo.

Com a deterioração destas estruturas, o atrito entre os ossos aumenta, levando ao surgimento de sintomas como dor e inflamação, e mais tarde, com o agravamento do problema, ao desenvolvimento de deformidades ósseas e a uma menor capacidade funcional.

Este é um problema que pode afetar qualquer articulação, sendo no entanto mais vulgar em regiões que suportam mais o peso corporal, ou então, que sejam muito utilizadas com movimentos repetitivos. Assim, articulações como a coluna cervical, os ombros, as mãos, o quadril ou os joelhos são as mais comummente afetadas.

Causas da artrose

exercicio-fisico-de-alta-resistencia-e-em-excesso-causa-artrose-das-articulacoes

A principal causa da artrose, como foi anteriormente mencionado, é o desgaste natural da idade. Com os anos, as próprias estruturas articulares perdem algumas das suas características, o que aliado à utilização intensa que sofre durante a vida, leva ao seu desgaste. Por essa razão, a artrose é uma condição mais comum a partir dos 60 anos de idade.

Leia Também:  Síndrome do Túnel do Carpo

No entanto, este não é um problema exclusivo dos idosos, podendo afetar outras faixas etárias, mesmo as mais jovens. Confira de seguida as causas que podem levar ao desenvolvimento de artrose:

  • deterioração e desgaste natural associado ao processo de envelhecimento;
  • doenças inflamatórias crônicas mal curadas;
  • pancada (traumatismo) na zona da articulação.

Sintomas da artrose

Como referimos em cima, a artrose é um problema que pode afetar qualquer uma das articulações do corpo humano, sendo no entanto mais frequente no joelho, quadril, mãos, quadril, coluna cervical e ombros.

Os sintomas da artrose podem variar de acordo com a articulação afetada. Assim, além de sintomas comuns, como inflamação, dor ou dificuldades funcionais, cada uma destas articulações é afetada de formas diferentes. Confira.

Sintomas da artrose no joelho

foto-de-joelho-com-artrose

Os sintomas da artrose no joelho inclui dores na zona do joelho, que se agravam com a prática de movimentos como caminhar, correr ou outros exercícios físicos, inflamação e inchaço, rigidez articular no joelho, e ainda, em casos mais avançados, desenvolvimento de deformações ósseas. Confira de seguida a lista completa de sintomas da artrose do joelho:

  • dores no joelho, especialmente após a realização de esforços;
  • calor e inchaço (na fase da inflamação);
  • som de estalos durante a utilização do joelho;
  • rigidez matinal, que passa ao fim de algum tempo com os movimentos rotineiros;
  • dificuldades em apoiar a perna no solo;
  • dificuldades para esticar o joelho;
  • perda de força na coxa;
  • dificuldades em dormir devido a dores;
  • dificuldade em andar.

Sintomas da artrose da coluna cervical

artrose-na-coluna-cervical

Este tipo de artrose afeta a zona do pescoço, causando assim dor e algumas dificuldades em usar esta articulação. Confira de seguida uma lista de sintomas da artrose da coluna cervical:

  • sensação de possuir “areia” dentro da nuca, que se agrava ao virar a cabeça para baixo ou para cima, e para os lados;
  • alteração da sensibilidade de braços, ombros ou face;
  • sensação de formigamento.
  • limitação funcional devido às dores sentidas na zona do pescoço.
Leia Também:  Idade óssea atrasada

Sintomas de artrose nas mãos

artrose-nas-maos

A artrose da mão é um tipo de artrose que irá afetar as articulações existentes nesta região do corpo, atacando sobretudo a funcionalidade dos dedos e punhos. Os sintomas da artrose nas mãos incluem dores e algumas dificuldades de utilização dos dedos. Confira:

  • dores nos dedos e no punho;
  • inchaço das articulações da mão;
  • sensação de fraqueza e falta de força no uso da mão;
  • desenvolvimento de deformidades ósseas nas articulações, especialmente localizadas na zona entre os dedos.

Sintomas da artrose no ombro

artrose-no-ombro-raio-x

O ombro é uma das articulações mais utilizadas no corpo humano, e mesmo sem ter de suportar grande peso corporal, é uma das mais afetadas pelo desgaste das estruturas articulares. Além das dores, comuns às várias formas desta doença, a artrose do ombro inclui os seguintes sintomas:

  • dores na zona dos ombros, que se agravam com a sua utilização e melhora com o descanso;
  • falta de força nos braços;
  • dificuldades em conseguir elevar o braço que se une ao ombro afetado;
  • inchaço;
  • sensação de formigamento.

Sintomas de artrose no quadril

artrose-no-quadril

O quadril é uma articulação especialmente importante para o movimento de andar, tendo de suportar uma boa parte do peso corporal. Como tal, é uma das articulações que sofre mais com o desgaste da idade. Entre os vários sintomas da artrose no quadril, destacamos os seguintes:

  • dores da zona do quadril;
  • rigidez matinal;
  • rigidez nas virilhas, nádegas e coxa;
  • dificuldade em andar;
  • dificuldade em realizar movimentos simples como lavar os pés, calçar-se ou cruzar as pernas;
  • dificuldades em manter-se de pé durante algum tempo;
  • dificuldades para dormir, devido às dores sentidas;
  • movimento de mancar.
Leia Também:  Sintomas da costela cervical

Tratamento para artrose

A artrose é um problema que não tem cura já que não é possível recuperar a cartilagem desgastada.

Contudo, a realização do tratamento adequado pode aliviar sintomas e o desconforto, retardar o processo, e ainda, dar maior qualidade de vida ao paciente.

O tratamento para artrose pode ser dividido em duas categorias: o tratamento conservador e o tratamento cirúrgico.

Tratamento conservador

O tratamento conservador para a artrose consiste na toma de medicação anti-inflamatória e analgésica, repouso, fisioterapia e na realização de exercícios adequados.

Estes incluem ciclismo, Pilates, hidroginástica, natação, etc. Além de reduzir os sintomas, é igualmente importante reforçar a massa muscular e aumentar a sua flexibilidade, e é aqui que entra o tratamento fisioterapêutico e a realização de atividade física adequada.

Além disso, podem ainda ser realizadas sessões de terapia ocupacional, de modo que o paciente aprenda como evitar maior desgaste para a articulação afetada no dia-a-dia.

Quando estas medidas não têm o resultado desejado, podem ainda ser realizadas infiltrações, onde são injetados medicamentos corticosteroides na articulação.

Contudo, este é um método limitado pois não se pode ultrapassar um determinado número de infiltrações, sob o risco de se agravar a lesão articular.

Tratamento cirúrgico

imagem-de-artroplastia-do-joelho

O tratamento cirúrgico é indicado para os casos mais graves, onde o tratamento conservador não tem efeito na redução dos sintomas. Nesta categoria destacam-se o realinhamento ósseo e a artroplastia.

O realinhamento ósseo é utilizado em casos onde a perda ainda não é total, procurando-se através de um procedimento cirúrgico preservar a articulação.

Esta intervenção irá focar-se no realinhamento dos ossos, através da alteração do seu formato, melhorando assim a relação entre si e reduzindo o atrito.

Já o caso da artroplastia é utilizada nos casos onde a cartilagem desapareceu por completo, provocando assim dores muito intensas no paciente, bem como a formação de deformações ósseas e grandes limitações funcionais.

Este procedimento cirúrgico consiste na substituição total da articulação afetada por uma prótese, que pode ser de metal ou plástico.

Leia Também » Joelho Estalando

loading...

03. Novembro 2016 by Filipe

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *