Tinea Capitis (Tinea do Couro Cabeludo)

A tinea capitis também vulgarmente chamada de tinea do couro cabeludo é uma infecção mais frequente nas crianças em idade escolar (entre os seis e os dez anos). Com a medicação adequada, pode levar semanas e, por vezes, meses a desaparecer. Uma pessoa pode ter tinha do couro cabeludo mais do que uma vez na vida.

Causas da tinea capitis:

A tinea do couro cabeludo é causada por um fungo e transmite-se pelo contacto com alguém infectado. Partilhar toalhas, escova de cabelo, pente, ganchos, chapéus ou a almofada pode contribuir para a propagação da doença. Esta também se pode transmitir pelo contacto com animais domésticos infectados (como cães) ou pela terra.

Sinais e sintomas:

A tinea do couro cabeludo pode apresentar-se de diversas formas, nomeadamente zonas de peladas (que podem aumentar e confluir entre si; podem ainda ter áreas com cotos pilosos) e zonas descamativas, que podem ser dolorosas e ter crostas amareladas. Pode haver comichão no couro cabeludo.

Diagnostico:

Pelo exame directo com uma lâmpada apropriada (lâmpada de Wood) ou pelo exame microscópico de raízes de cabelos e/ ou de escamas das lesões, é possível identificar imediatamente o fungo. A cultura para fungos permite o diagnóstico em dez a 14 dias.

Prevenção e Cuidados a ter:

Tente não coçar o couro cabeludo. É importante examinar os contactos para despiste de portadores assintomáticos. O uso de champô apropriado poderá estar indicado nestas situações. Os animais domésticos também devem ser examinados; se algum estiver infectado, recorra ao veterinário para que seja tratado.

Riscos e Complicações:

Há sempre o risco de transmissão a outras pessoas. A complicação mais frequente é a infecção bacteriana secundária (surgida na sua sequência), que por vezes obriga ao uso de antibiótico.

Tratamento da tinea capitis:

O tratamento baseia-se no uso de um antifúngico por via oral, durante pelo menos seis semanas (por vezes, meses).

Fotos de pessoas com tinea capitis:

Em: Dermatologia, Saúde | 3 comentários

3 Comentários no Fórum

  1. minha filha tambem teve essa doença quero dizer ela tem essa doença mas se o tratamento dar tudo certo como planejamos ela vai continuar a ser mas feliz ainda porque essa doença não enpede a criança de ser feliz

  2. Graça pela itenete existi porque ja fui a dois medico dermatologista e nâo resolve o meu problema atreve das infonaçêo estou muito comviquito que vou mi -cura tenho certeza abisuluta? esta fora da areia de saude por dez anos;Fui a dois dermatologista e nada resolve vou copia e compra para ver o resuldado? obrigado pela sa infomaçae

  3. ui isso é ruim

Deixe o Seu Comentário no Fórum

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *