A Sua saúde por um clique

Não troque a Sua saúde por um clique

Que ele se tornou parte do nosso dia-a-dia não resta dúvida, mas o computador também propiciou o aparecimento de problemas de coluna, tendinites e lesões por esforços repetitivos.

Para que você não dê um verdadeiro clique na sua saúde, estão a ser realizados alguns estudos para detectar os impactos e ações indicadas aos usuários de terminais de computadores, que passam longas horas sentados à frente dos monitores.

A única maneira de prevenir os problemas de saúde provocados por longos períodos sentados diante de um micro é através do uso de produtos concebidos com conceitos ergonômicos, além de desenvolver o hábito de sentar corretamente.

A escolha da cadeira correta, de acordo com o biotipo do usuário e da função exercida é um fator muito importante, além dos móveis que devem acompanhar os movimentos do profissional no escritório e de acessórios vendidos em lojas de informática que ajudama tornar mais saudável a utilização do computador.

Hoje há uma preocupação tanto dos fabricantes de móveis para escritórios, como das empresas em planejar o ambiente de trabalho aliando qualidade de vida e melhora na produtividade.

Uma trégua para o seu corpo

Algumas dicas podem ajudá-lo a prevenir dores e lesões:

• A cadeira deve ser estofada, e de preferência, com tecido que permita a transpiração. A altura certa é aquela em que os cotovelos estejam na altura do tampoda mesa;

• A distância ideal entre você e o monitor deve equivaler a um braço estendido;

• O teclado precisa estar na mesma altura dos cotovelos. O antebraço e o punho também devem estar na mesma linha horizontal;

• Deixe o monitor um pouco abaixo da altura dos olhos, para não forçar o pescoço e procure encaixar as nádegas no vão entre o assento e o encosto da cadeira, mantendo a postura errta;

• Pulsos, mãos e coxas devem ficar paralelos ao chão;

• Caso seus pés não estejam bem apoiados, procure um apoio para eles.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 2:51 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)