Os 38 Melhores Alimentos Que Combatem A Inflamação - Fotos Antes e Depois
Fotos Antes e Depois

Os 38 Melhores Alimentos Que Combatem A Inflamação

Comer alimentos anti-inflamatórios deve ser parte fundamental de qualquer dieta saudável. No entanto, se é uma pessoa propensa a inflamação crônica, é importante conhecer os melhores alimentos para combater essas condições!

Os 38 Melhores Alimentos Que Combatem A Inflamação

O Que É Inflamação?

A inflamação é a forma do corpo dizer que se está a defender de algo, seja de uma lesão física ou infecção.

Por exemplo, quando nos machuca-mos no joelho, são libertadas citocinas, que indicam o sistema imunológico que o corpo requer assistência / proteção.

De seguida os vasos sanguíneos dilatam-se e as células brancas do sangue (leucócitos ou glóbulos brancos) chegam ao local afetado, geralmente acompanhadas de inchaço e vermelhidão. Esta é a inflamação aguda e pode ser uma coisa boa.

No entanto, a inflamação crônica pode ser bastante perigosa, levando ao desgaste excessivo do corpo e contribuindo para a diminuição das defesas do organismo para doenças crônicas, como câncer e artrite, entre muitas outras.

Lista De Alimentos Anti-inflamatórios

Alimentos Que Reduzem A Inflamação

Os principais alimentos anti-inflamatórios incluem o mirtilo (blueberry), salmão, uva, chá verde, óleo de coco, gengibre e açafrão-da-terra (cúrcuma), entre muitos outros.

Vegetais de folhas verdes

Ricos em minerais, baixos em calorias e maravilhosos em antioxidantes, os vegetais de folhas verdes como a couve-de-folhas, espinafre e a Couve-galega podem ajudar a minimizar os sintomas da inflamação crônica.

Alho

Os compostos de enxofre presentes no alho ajudam a estimular o sistema imunológico e limitam a resposta inflamatória do corpo.

Beterraba

Beterraba

A beterraba contém muitos nutrientes e antioxidantes únicos, mas é a betaína encontrada nestas hortaliça que recebe mais atenção pelos seus efeitos anti-inflamatórios, razão pela qual a ingestão de beterrabas está associada a um menor risco de diabetes.

Açafrão-da-Índia (Curcuma)

O ingrediente ativo da cúrcuma, a curcumina, é considerado um dos antioxidantes mais potentes que podemos consumir, e, como tal, também é excelente na redução da inflamação em todo o corpo.

Gengibre

Chá De Gengibre

Alguns dos ingredientes ativos do gengibre, chamados gingeróis, são famosos pelos seus fortes efeitos anti-inflamatórios, particularmente no estômago e no revestimento do intestino, onde ocorre mais inflamação crônica.

Chocolate amargo

Os flavonóides do cacau ajudam a prevenir a inflamação que causa envelhecimento e doenças, tornando-se assim “oficialmente” um alimento saudável!

Óleo de coco

Embora o óleo de coco seja rico em gorduras, a alta concentração de ácidos gordos de cadeia média, particularmente o ácido láurico, indica que este óleo pode realmente ajudar a reduzir a inflamação e diminuir o risco de doença cardíaca.

Chá verde

Chá Verde

Com um nível tão alto de compostos polifenólicos, o chá verde é conhecido por reduzir a inflamação no estômago, sistema respiratório e sistema cardiovascular, além de muitos outros efeitos saudáveis ​​e relaxantes.

Nozes

Os ácidos graxos ômega-3 são anti-inflamatórios por natureza, e as nozes são uma das melhores fontes para essas gorduras “boas”.

Sementes de linhaça

Sementes De Linhaça

As Sementes e nozes são geralmente elevadas em gorduras, e as sementes de linhaça não são excepção. Os ácidos gordos encontrados nestas sementes podem reduzir a inflamação no sistema cardiovascular.

Tomate

Comer tomates impulsiona os níveis de licopeno, o que pode reduzir a deposição de placas beta-amilóides no cérebro, uma forma grave de inflamação que pode aumentar o risco de doença de Alzheimer.

Uvas

O resveratrol encontrado na casca das uvas tem sido comprovado como redutor da resposta inflamatória do organismo.

Mirtilos

Os flavonóides anti-inflamatórios encontrados em altas concentrações nos mirtilos torna-os um remédio caseiro favorito para a inflamação crônica. Além disso, os mirtilos são um superalimento que pode impulsionar o sistema imunológico e prevenir o câncer, entre muitas outras condições.

Outros alimentos que reduzem a inflamação (R)

Alimentos Anti Inflamatórios

Azeite de oliva, óleo de semente de uva e óleo de abacate, amêndoa, avelã, peixes gordos como o salmão, cavala, atum, pargo, bacalhau, halibute, robalo e sardinha, e frutas como os morangos, cerejas, maçãs, cerejas, abacaxi, framboesas e laranjas, acelga, manjericãotomilhoorégano, pimenta caiena.

Alimentos Inflamatórios a Evitar

Enquanto alguns alimentos podem ajudar a reduzir a inflamação no corpo, outros podem causar ou piorar a situação, como:

ESCOLHA DO EDITOR Gengibre, Um Poderoso Anti-Inflamatório Natural

  • Alimentos altamente processados
  • Óleos vegetais
  • Lacticínios
  • Aditivos artificiais e açúcares artificiais
  • Excesso de glúten
  • Álcool
  • Gorduras Trans

Outros alimentos que inflamam: Carboidratos refinados, como pão branco, Batatas fritas e outros alimentos fritos, refrigerantes e outras bebidas açucaradas, carne vermelha (hambúrgueres, bifes) e carne processada (cachorros quentes, salsichas), margarina , gordura e banha.

Basicamente, se fizer escolhas alimentares mais saudáveis, vai automaticamente eliminar muitos dos alimentos que causam inflamação no corpo.

Referências

https://www.nature.com/
http://onlinelibrary.wiley.com/
https://pubs.acs.org/
http://www.pnas.org/
http://journals.sagepub.com/
https://www.sciencedirect.com/
http://www.tandfonline.com/
https://link.springer.com/
http://www.ingentaconnect.com/

Atualizado em 12 Abril 2018

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade

Isensão de Responsabilidade: A nossa plataforma foi criada com o objetivo de facilitar o acesso a informação de valor "Ciência com Saúde", baseada em estudos científicos. Tudo o que publicamos tem uma base científica. No entanto, nenhuma das publicações têm o objetivo de servir como diagnóstico, sendo sempre indicada consulta médica. O mesmo se refere a tratamentos, clínicas, suplementos e medicamentos indicados. A indicação, dosagem, e forma de uso é apenas ilustrativa, não estando indicada a automedicação ou suplementação sem antes haver indicação médica profissional. O mesmo se refere aos preços dos produtos por vezes indicados. Esses valores são baseados no ano de 2018 e servem apenas como informação auxiliar, não estando a nossa plataforma de nenhuma forma a ligada a essas empresas.