O que fazer para aliviar a dor nas costas

Revisado por Equipe Editorial a 14 de maio de 2015 e Atualizado em 24 outubro 2018

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, pelo menos 80% da população sofre, nalguma fase da sua vida, de dor nas costas.

A seguir à gripe, esta é a causa mais frequente das idas ao médico. As dores nas costas, também denominadas de dores lombares, são um dos sintomas mais comuns, podendo por isso ter inúmeras causas por detrás.

Geralmente, a dor é provocada por má postura em situações do dia-a-dia, como estar mal sentado a trabalhar no computador ou no sofá, um esforço demasiado grande, ou até mesmo, uma posição incorreta na prática de uma atividade física.

Nestes casos, a postura errada cria uma tensão exagerada nos músculos das costas, podendo causar dor em diversas regiões das costas, do quadril ao pescoço.

Há contudo outras causas que podem necessitar de uma ajuda extra, com tratamentos específicos para a origem do problema.

Neste artigo poderá saber mais sobre as principais causas para o surgimento deste problema e o que fazer para aliviar este tipo de dor.

Causas mais comuns

Como referimos em cima a dor nas costas é um dos sintomas mais comuns, podendo manifestar-se em diversas condições de saúde.

A mais habitual é mesmo a má postura do dia-a-dia, que causa uma tensão inadequada nos músculos lombares.

Há no entanto várias outras causas frequentes, que levam ao aparecimento da dor nas costas. Conheça de seguida as causas mais comuns. Confira.

Lesão muscular

Este tipo de problema origina geralmente uma dor mais localizada, ou no lado esquerdo ou no lado direito.

Normalmente a lesão muscular nas costas surge por um esforço exagerado na prática de exercício físico, ou então, como resultado da sobrecarga sobre as costas numa qualquer atividade do seu dia-a-dia.

Cólicas

As cólicas, sejam elas derivadas de prisão de ventre ou a presença excessiva de gases, podem também provocar este tipo de dor, geralmente localizadas.

Também as cólicas renais podem causar estas dores, normalmente na zona dos rins. Caso sinta dor forte nesta região, deve também consultar um médico pois pode ser sinal de presença de pedras nos rins.

Doenças respiratórias

Existem algumas doenças respiratórias que podem obrigar os pulmões e os músculos que o rodeiam a um trabalho extra, causando assim dor. Assim, se a dor surgir associada a sintomas como febre ou tosse, deve consultar um médico.

Infarto

Quando associada a enjoos, sensação de mal-estar e pioria com o esforço, a dor nas costas pode ser sinal de um infarto. Caso sinta este conjunto de sintomas deve consultar imediatamente um médico.

Ciática

Outra causa para esta dor é a compressão do nervo ciático, provocando a dor ciática.

Esta é uma sensação dolorosa nas costas, que se espalha em direção às pernas.

A compressão do nervo ciático nas nádegas ou na zona final da coluna, pode provocar dor, em forma de pontada, que pode também vir associado a dificuldade em andar e sensação de formigamento.

O que fazer para aliviar a dor nas costas

Na maior parte das vezes, quando a dor é causada por má postura ou lesão muscular leve, pode ser tratada seguindo alguns métodos simples.

O tratamento caseiro assenta sobretudo no repouso, alguns cuidados com as costas, e claro, a mudança dos hábitos que levaram ao seu surgimento.

exercícios para combater as dores nas costas

Confira de seguida alguns cuidados a ter para aliviar a dor em casa.

  • dormir numa postura adequada para as suas costas;
  • utilizar um travesseiro apropriado para este problema;
  • fazer alongamentos musculares várias vezes ao dia, de modo a esticar os músculos das costas, não esquecendo à noite antes de ir para a cama, ou logo de manhã quando acorda;
  • sempre que realizar exercícios que possam causar dores nas costas, como exercício físico, atividades domésticas, jardinagem ou carregar objetos pesados, deve realizar um aquecimento nas suas costas, de modo a preparar os músculos para esse esforço;
  • descansar por alguns minutos várias vezes ao longo do dia, para ajudar a reduzir a tensão sobre os músculos costais;
  • fazer uma automassagem, com movimentos circulares, desde a nuca até à zona dos ombros;
  • procurar manter sempre uma postura correta;
  • praticar mais frequentemente atividade física, mas sempre tendo em conta as suas limitações e a utilização de posturas e movimentos corretos;
  • evitar movimentos muito bruscos, procurando maior fluidez e suavidade na sua movimentação;
  • utilizar analgésicos e relaxantes musculares apenas em caso de grande necessidade, caso contrário, estará a camuflar a dor, sem realmente debelar o motivo pelo qual a sente.

Receita caseira para alivio da dor

Se quer evitar usar analgésicos outros medicamentos no tratamento das dores fortes, existem receitas caseiras que podem ajudar a aliviar a dor.

Confira de seguida várias receitas que pode fazer casa para facilitar o tratamento.

Compressa de água e sal

Comece por ferver 500 ml de água numa panela, acrescentando depois uma colher de sopa bem cheia de sal. Deixe ferver até o sal estar dissolvido, desligando no final.

Deixe arrefecer um pouco, e de seguida, molhe uma toalha com esta solução e aplique no local onde sente a dor. Deve deixar agir cerca de 20 minutos.

Compressa de chá de alecrim

Faça uma infusão de alecrim, e quando estiver com uma temperatura morna, molhe uma toalha e aplique no local da dor. Deixe atuar durante 15 a 20 minutos. Pode fazer a mesma receita com chá de tomilho.

Quando procurar um médico

Os cuidados acima apresentados são, na maioria dos casos, suficientes para aliviar a dor, e até mesmo, para a fazer desaparecer.

No entanto, caso a dor se mantenha, podem existir outras causas para a sua ocorrência, sendo por isso importante consultar um médico.

Se o problema for muscular, então deve procurar um fisioterapeuta ou um médico ortopedista. Caso as dores venham associadas a outros sintomas, então deverá dirigir-se ao seu médico, para que ele prescreva os exames necessários e o reencaminhe para ajuda especializada.

Confira de seguida em que alturas deve procurar um médico.

Quando a dor nas costas, mesmo com todos os cuidados referidos no ponto anterior, persista e se prolongue por mais de 3 meses, dificulte os seus movimentos, ou até mesmo, piore com o passar do tempo, é sinal de que algo está errado e pode significar algum problema grave.

Problemas como a osteoartrite ou a hérnia discal são situações sérias, que necessitam de tratamento específico.

Além disso, quando a dor é muito forte, vem acompanhada de falta de ar ou náuseas, ou surge súbita e bruscamente, recomenda-se que se dirija rapidamente a um médico, para que se descubra a causa e se avance para o tratamento mais adequado.

Faça uma Pergunta ou Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *