Amamentação – Beneficios do leite materno

Amamentação – Os beneficios do leite materno – Um vínculo extremamente necessário para a saude do bebe.

Quando a mulher dá à luz, o seu peito já está pronto para amamentar o seu filho. Mas, existem algumas coisas que, se calhar, deveria saber sobre o leite materno e a sua importância para o seu filho. Comecemos então pela primeira mamada.

A subida do leite

Após o parto, as glândulas responsáveis pela subida do leite (prolactina e a ocitocina) produzem o aparecimento do leite. O primeiro leite que a mulher produz – o colostro – caracteriza-se por uma cor clara e aguada. A sua quantidade é muito menor do que a do leite “maduro”, daí que apesar de estar a ser amamentado, o bebé perca alguns gramas nos primeiros dias. No entanto, e apesar da perda de peso, este leite é o responsável por grande parte das defesas que o seu bebé irá adquirir nesta fase da sua vida. Este leite dispõe de proteínas e imunoglobinas, e ainda, dos anticorpos protectores do corpo humano que se encontram no sangue. Estas proteínas irão, nesta fase, funcionar como protectores do sistema imunitário do bebé que é, ainda, muito débil. Para além desta proteína, está também presente a lactoglobulina e a lactoalbumina, que estão presentes no leite, tal como as vitaminas e os sais minerais.

Mas, em muitos hospitais continuam a não deixar o bebé fazer a sua primeira mamada, após o parto. Porquê? É simples. Muitas mulheres que dão à luz através de cesariana, ficam, devido à anestesia (mesmo que esta não tenha efeitos secundários no bebé), impossibilitadas de dar de mamar ao seu filho nas primeiras horas. Desta maneira, a “primeira vacina” que o seu bebé deveria tomar – colostro – é desperdiçada.

Como a criança se vê privada do peito, e por norma dão-lhe imediatamente uma chupeta ou o biberão, mais tarde poderá recusar o peito (que implica mais esforço para a sua pequena boca). Assim, para que tal não aconteça, pode utilizar uma bomba saca-leite (existem aparelhos homologados para a extracção de leite), e através da colheita de colostro, essa primeira “vacina”, poderá ser ingerida mais tarde, sem que o seu filho perca todos os nutrientes nela existentes.

Muito ou pouco?

A quantidade de leite existente não é idêntica para todas as mulheres. Muitas não têm leite suficiente mas, isso não é razão para se sentirem mal. A solução é simples e eficaz. Se tem pouco leite, experimente dá-lo mais vezes ao seu filho. O efeito da sucção, enquanto o seu bebé mama, leva a que haja um aumento da produção de leite pelo seu organismo. Caso isto não funcione, não desanime. Consulte o pediatra do seu filho e solicite-lhe um leite de complemento. Para as mulheres que têm muito leite, a solução é também, bastante simples. Quando o seu bebé acaba de mamar e você ainda fica com o peito muito cheio, convém, através de uma bomba tira-leite, retirar o restante leite para que não crie obstruções dolorosas. A quantidade excedente poderá ser guardada no frigorifico, para mais tarde poder ser dada em biberão, pelo pai ou pelo irmão, enquanto você descansa.

O que é o leite?

Dez a quinze dias após a subida do leite, o “leite maduro”, propriamente dito, começa a ser produzido. O seu aspecto é diferente do colostro, já que é mais denso e mais branco.

Este leite, contém uma quantidade menor de proteínas que o colostro mas, contém gorduras essenciais que o seu corpinho ainda não consegue produzir e ácidos fundamentais para a formação e crescimento do sistema nervoso do seu bebé. Nunca esqueça, que o leite é rico em vitaminas e sais minerais, carbo-hidratos como a lactose e açúcares naturais, essenciais para o crescimento do seu filho.

As bombas tira-leite

Este método funciona de duas maneiras. A extracção manual ou a eléctrica. A primeira, funciona com a ajuda de uma alavanca que através da sucção ajuda na extracção do leite.

As segundas são eléctricas e permitem ajustar a velocidade de aspiração consoante o fluxo de leite sugado.

Destaque

Lembre-se que o leite materno é o elemento mais importante para o seu filho, nesta fase em que ainda se encontra num estado muito delicado.

Guia da Gravidez

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 3:08 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)