Anemia Hemolitica Auto Imune - Tratamento, Sintomas, Causas e Diagnostico
Fotos Antes e Depois

Anemia hemolítica autoimune

Atualizado em 13 Janeiro, 2018

ANEMIA HEMOLÍTICA AUTOIMUNE – SINTOMAS, CAUSAS E CARACTERISTICAS DO DIAGNOSTICO
Esta é uma Anemia adquirida causada por auto-anticorpos IgG (a quente) ou IgM (a frio).
Os principais sintomas são Fadiga, mal-estar em muitos casos; às vezes, dor no abdome ou dorso.
Palidez, icterícia, porém baço palpável é incomum.
Anemia persistente com microesferócitos e reticulocitose; níveis séricos elevados de bilirrubina indireta e LDH.
Teste de Coombs (antiglobulina direta) positivo.
As causas podem incluir vários farmacos, disturbio auto-imune ou linfoproliferativo subjacente.

DIAGNOSTICO DIFERENCIAL
. Coagulação intravascular disseminada
. Hemoglobinopatia
. Esferocitose hereditária
. Anemia hemolítica não-esferocítica
. Anemia sideroblástica
. Anemia megaloblástica

ANEMIA HEMOLITICA AUTO IMUNE TRATAMENTO
Esteróides em altas doses (anticorpos a quente).
Imunoglobulina intravenosa (anticorpos a quente).
Plasmaférese nos casos graves (anticorpos a quente).
Evitar frio, administrar sangue/líquidos aquecidos (anticorpos a frio).
Esplenectomia para casos refratários ou recorrentes (anticorpos a quente).
Imunossupressão (anticorpos a quente e a frio).
A reação cruzada é dificil devido aos auto-anticorpos, portanto utiliza-se o sangue menos incompatível.
Esplenectoma para os casos refratários ou recorrentes.
Esquemas imunossupressores mais intensivos disponíveis para os casos refratários pós-esplenectomia.

Dica
Como em todos os casos de hemólise extravascular, oferro é reciclado; assim, múltiplas transfusões acarretam sobrecarga de ferro.

Atualizado em 13 Janeiro 2018

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *