Caldeirada à Fragateiro: Segredos da Receita, Como Fazer - Fotos Antes e Depois
Fotos Antes e Depois

Caldeirada à Fragateiro: Segredos da Receita, Como Fazer

Entre a curiosidade e a vontade de partilhar com os nossos leitores e clientes os verdadeiros sabores do Tejo, saímos à procura da genuína Caldeirada à Fragateiro.

Fomos descobri-la no Rosário, pela mão de um ”Mestre”.

O segredo afinal está na simplicidade da dita caldeirada, como nos demonstrou o antigo mestre de fragata, com meio século de experiência do ”mar” e quase o mesmo tempo a cozinhar caldeiradas de peixe.

Caldeirada à Fragateiro

Qual é o segredo e como fazer a caldeirada é fragateiro?

Em primeiro lugar, a caldeirada terá mesmo de incluir peixes do rio Tejo, dos quais destacamos a enguia e o choco como obrigatórios.

Outro dos segredos é que a verdadeira caldeirada à fragateiro não leva água. A caldeirada é cozinhada nos próprios sucos dos peixes e legumes que devem ser, tanto quanto possível, da época.

O mestre passa então à prática. Cortam-se os pimentos em tiras, as cebolas às rodelas, as batatas e os tomates em bocados e colocam-se no tacho em camadas, juntamente com o choco que é mais rijo e portanto deve ir para o fundo do tacho.

O cozinheiro lembra que antigamente nos barcos, também se usavam outros peixes, como a ”tramelga” (uma espécie de raia), o cação, as eiróses, o tamboril, a tainha… e muitos outros peixes no estuário do Tejo.

Mas rapidamente deixa para trás o passado e algumas más recordações da ”vida de escravo” de antigo marítimo, para se dedicar aos temperos da nossa caldeirada à fragateiro.

Faltam acrescentar a salsa, o louro, o piri-piri, o alho, o azeite. E de seguida vai para o lume.

Só quando a batata começar a ficar cozida, é que se juntam as enguias e outros peixes mais ”moles”, para não ficarem desfeitos.

Mesmo no final, quando se retira do lume, acrescentam-se uns ramos de hortelã.

Provámos, e saboreámos uma caldeirada como não há igual. Mas as surpresas para os sentidos ainda não tinham acabado.

Massada de peixe á fragateiro

Logo que acaba de servir a caldeirada, o mestre inicia uma outra tarefa: com um garfo desfaz os restos de batata com o molho que fica no fundo do tacho, junta um pouco de água e massinha de cotovelo.

A tempo de se terminar a caldeirada com o devido “vagar”, a massa estará pronta para complementar a refeição.

Uma caldeirada muito idêntica a esta – dizem-nos – pode ser apreciada nos restaurantes em Alcochete e um pouco por toda a zona ribeirinha do concelho da Moita. Bom apetite!

Caldeirada de Peixe à fragateiro

Ingredientes (para 4 pessoas):

– 1,5 Kg de peixe (enguia e choco obrigatórios)
– 1 Kg de batatas
– 1,5 Kg de tomates
– 2 pimentos grandes
– 3 cebolas
– 1 folha de louro
– 2 dentes de alho
– 1 malagueta de piri-piri
– 1 ramo de salsa
– 1 ramo de hortelã
– sal e azeite q.b.

Conheça os Incríveis Benefícios da Cavala

Atualizado em 13 Janeiro 2018

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade