Calmante Caseiro

Os calmantes caseiros são formas fáceis e baratas de conseguir relaxar, coisa que todos nós pretendemos e nem sempre conseguimos. Assim em vez de gastar dinheiro em medicamentos receitados por médicos, cheios de químicos, pode optar por um bom calmante caseiro, como por exemplo: sumo de abacaxi com hortelã.

Calmante Caseiro

Ingredientes do Calmante Caseiro com Sumo de Abacaxi:

– 1 Fatia de abacaxi com cerca de 2cm (certifique-se de que é doce)
– 1 Copo de água
– 1 Colher de sementes de linho (linhaça)
– Folhas de hortelã (fresca)
– Cubos de gelo a gosto

Modo de Preparação:

Usando um liquidificador triture a fatia de abacaxi, juntamente com a água e as sementes de linho. Adicione também cubos de gelo a gosto e volte a triturar. Ficará com uma textura tipo granizado, mas ainda não será um sumo calmante. Coe a mistura anterior para retirar apenas o sumo, e acrescente duas ou três folhas de hortelã a gosto. Misture o sumo e as folhas de hortelã e beba de seguida.

Os ingredientes chave…

Porquê o abacaxi? Este possui baixas calorias, por cada 100gramas contém apenas 48 calorias. Além de que é uma boa fonte de vitamina C, ajudando por isso a melhorar o sistema imunitário, contendo propriedades anti-inflamatórias, combater a hipertensão, entre outros benefícios.

A hortelã é considerada como um calmante natural devido a diversos componentes que ajudam a diminuir os níveis de stress, reduzir a hipertensão arterial e mesmo problemas cardíacos. No entanto em excesso também pode ser prejudicial, daí referirmos para misturar no sumo apenas duas ou três folhas de hortelã, para ter o gosto da mesma.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça uma Pergunta ou Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 4:53 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)