Cancro Mole

Cancro Mole (haemophilus ducreyi) – Sintomas, causas e Características do diagnósticoDoença sexualmente transmissível, com período de incubação de 3 a 5 dias.
Úlcera genital dolorosa e hipersensível.
Com frequência, observam-se adenite inguinal com eritema ou flutuação e múltiplas úlceras genitais.
As complicações frequentes do Cancro Mole incluem balanite, fimose.
As mulheres não apresentam sinais externos de infecção.

Diagnóstico diferencial
. Síndrome de Behçet
. Sífilis
. Infecção piogênica dos membros inferiores, com linfadenite regional
. Úlceras genitais de outra etiologia

Tratamento do Cancro Mole
. Antibióticos apropriados (azitromicina, ceftriaxona, eritromicina ou ciprofloxacino)
. Reagina plasmática rápida (RPR) para todos os casos, e teste do HIV quando apropriado.

Dica
Linfadenopatia inguinal dolorosa à palpação, em pacientes obesos, pode não consistir em linfonodos; a resposta pode ser hérnia femoral encarcerada.
Referência
Sehgal VN, Srivastava G: Chancroid: contemporany appraisal.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Publicado em 22/02/10

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 22/02/2010 às 10:43 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)