Chocolate Plástico

Chocolate Plástico – Receita: 

Quase toda a gente já brincou e deu largas à imaginação com as construções em plasticina. Agora há uma forma de tornar esta brincadeira mais divertida e deliciosa! Descubra as construções em chocolate!

O chocolate não é maleável e derrete-se facilmente nas mãos se o tentar moldar. Mas há um pequeno truque que vai permitir um manuseamento muito simples do chocolate.

Extrusão

A extrusão é um processo que é normalmente aplicado a metais e a plásticos, mas pode aplicá-lo ao chocolate. Se fizer o chocolate sair por pequenos orifícios ele adquire uma consistência plástica durante algum tempo, o que permite moldá-lo da forma desejada. Agora é só dar largas à imaginação!!!

Breve história do chocolate

O processo de produção do chocolate é demorado e complexo. Ele começa com a apanha do cacau das árvores do cacaueiro. Depois, as sementes são secas, torradas e trituradas e é produzida a pasta de cacau. A partir daqui pode extrair-se a manteiga de cacau e o pó de cacau. Se for adicionado leite e açúcar, obtêm-se as tabletes de chocolate. Acredita-se que o cacaueiro já é cultivado desde quatrocentos anos antes de Cristo. Os grãos de cacau serviam para preparar uma bebida revigorante, considerada o verdadeiro alimento dos deuses. Aliás, os Azetecas veneravam o deus do chocolate! Para eles, o cacaueiro era a árvore sagrada do Paraíso e o deus Quetzacoatl era o guardião dessa árvore.

O chocolate foi trazido para a Europa por Cristóvão Colombo e os grãos de cacau chegaram a servir de moeda de troca em alguns países, tal era o seu valor. No entanto, as tabletes de chocolate que hoje conhecemos só surgem no século XIX.

Materiais necessarios:

– tabletes de chocolate e picadora de carne ou máquina de fazer esparguete.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 3:55 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)