CLA e Emagrecimento

O CLA ou ácido linoléico conjugado é produzido, naturalmente, no aparelho gastrintestinal dos animais ruminantes, pelas bactérias fermentativas que isomerizam o ácido linoléico em CLA. São ácidos graxos tipos trans, encontrados principalmente na carne bovina e seus derivados, incluindo manteiga e queijos.

Os efeitos de emagrecimento do CLA têm sido embasados em estudos com animais. O ácido linoléico conjugado usado é sinteticamente preparado, uma mistura de diversos isômeros, sendo os principais o cis-9, trans-11 (c9t11) e o trans-10, cis-12,(t10c12). Em camundongos e ratos, o efeito antiobesidade foi positivo. Houve reduções da ingestão alimentar, da deposição da gordura corporal, e aumento do gasto energético, independente da composição da dieta.

Mas, como efeitos adversos, observou-se diminuição da leptina e resistência à insulina. Em humanos, o isômero antiadipogênico parece ser o t10c12 mas, os efeitos da suplementação com ácido linoléico conjugado (em doses de 0,7 a 6,8g/d), na deposição de gordura e ingestão alimentar, foram marginais e duvidosos. Os estudos até agora realizados não justificam o uso deste suplemento no tratamento da obesidade ou emagrecimento.

O que Procura?

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *