Combater o envelhecimento

Publicado por Equipe Editorial a 24 de junho de 2010 - Atualizado em 13 janeiro 2018

Aprenda a combater o envelhecimento com vitaminas e plantas exóticas.

É sabido que a melhor forma de fornecer vitamina C à pele é através de uma aplicação tópica, como a que podemos encontrar, por exemplo, num novo tratamento dos laboratórios Garnier, o Synergy C. Trata-se de uma gama completa de cuidados faciais que, graças à acção anti-oxidante e às propriedades da vitamina C, ajudam a pele a defender-se das agressões externas, proporcionando-lhe a porção de energia suficiente para cada dia.

A marca de cosmética suíça La Prairie, consciente da importância da vitamina C, coloca-a numa nova dimensão. O C Energy Cellular Serum revitaliza e revigora as peles cansadas, actuando como poderoso anti-oxidante ao mesmo tempo que lhes confere uma nova luminosidade. Actua ainda como atenuador das manchas produzidas pela idade e corrige eficazmente a pigmentação irregular da pele.

O C Energy Cellular Serum revela-se como uma poderosa sinergia para combater o envelhecimento, capaz de recuperar a energia e a força vital da pele. Traz-lhe limpeza e luminosidade, assim como a indispensável oxigenação da pele, melhorando o rendimento celular; deixa a pele firme, hidratada e suave, evitando futuros sinais de envelhecimento, e combate eficazmente os efeitos do cansaço e do stress.

A Lancôme utiliza a vitamina C pura, juntamente com outros activos energéticos como o gingseng e o ginkgo, para lutar contra as olheiras. O tratamento intenso Anti-olheiras Vitabolic Yeux, por exemplo, estimula a micro-circulação sanguínea da delicada pele do contorno de olhos, diminuindo eficazmente as olheiras e iluminando a zona dos olhos.

Na verdade, todos os laboratórios cosméticos posicionados na vanguarda da investigação caminham para um melhor conhecimento biológico da pele, para assim actuarem sobre os seus mecanismos mais profundos.

Os laboratórios Christian Dior, depois de vários anos de investigação no campo da Biologia Molecular (ciência que se centra nos estudos do ADN, o coração das células), lançam no mercado a última das suas grandes criações, o NoAge Nutri Serum renovador.

Constituído por moléculas de origem vegetal (Orapódida) e de origem natural (Ergotioneina), encarrega-se de garantir a defesa global da célula, actuando como poderosos anti-oxidantes e neutralizando especificamente os radicais livres.

Estas moléculas actuam de forma precisa sobre a Telomerasa, uma enzima presente nas células da pele e a quem compete lutar contra o seu envelhecimento, mas cuja actividade vai diminuindo com a idade.

Plantas exóticas

Outro grande avanço nos tratamentos para combater o envelhecimento são as investigações realizadas na área da Etno-Botânica: plantas exóticas com efeitos benéficos para o rejuvenescimento cutâneo.

A Christian Dior utiliza, há vários anos, plantas nos seus prestigiados cremes anti envelhecimento, por exemplo a Commiphora, muito conhecida na medicina tradicional da Índia, e caracterizada por possuir uma série de princípios activos que exercem uma interessante actividade na síntese das proteínas e lípidos da pele. Podemos encontrá-la na linha de produtos Phenomen-A.

A Lancôme utiliza argilas finas, associadas a borrachas naturais, na sua mascarilha desincrustante Empreinte. A sua acção absorvente purifica a pele, conferindo-lhe um aspecto limpo e mate. Somente em 5 minutos, absorve eficazmente o excesso de sebo e fecha os poros.

As modernas investigações Biotherm levam-nos, entre outras coisas, à utilização do extracto puro da folha da oliveira, onde se concentram grandes quantidades de compostos activos anti envelhecimento, anti-oxidantes e activantes de colagénio.

Com o Age Fitness a pele aparece, após o oitavo dia, visivelmente mais jovem, mais pura e luminosa, e cada vez mais resistente. O concentrado puro da folha da oliveira Age Fitness garante uma dupla eficácia anti envelhecimento: uma protectora e outra reparadora das agressões externas e das modificações próprias da idade.