Conheça 10 tratamentos estéticos para combater a celulite - Fotos Antes e Depois
Fotos Antes e Depois

Conheça 10 tratamentos estéticos para combater a celulite

Hoje em dia, são cada vez mais as mulheres que sofrem de celulite. De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, aproximadamente 85% das mulheres acima dos 35 anos têm nalguma parte da sua pele o aspeto tão temido da “pele casca de laranja”.

celulite antes e depois

As razões para a celulite ser tão comum estão especialmente relacionadas com uma vida muito sedentária e uma dieta pouco equilibrada.

Além disso, há também causas genéticas que tornam algumas mulheres mais suscetíveis que outras. De seguida pode conhecer um pouco mais sobre a celulite, o que é, os graus de inflamação, e ainda, como tratar este problema.

Celulite

A celulite é uma alteração na zona da pele logo abaixo da sua superfície, nomeadamente no tecido dermo-hipodérmico, provocando que aí se deposite gordura e tecido fibroso, que dá à pele um aspeto ondulado, vulgarmente denominado de “casca de laranja” pela sua parecença com a aparência da casca deste fruto.

Apesar de normalmente se denominar a celulite como uma inflamação, na realidade este não é um processo inflamatório. A celulite está dividida em três graus, consoante a consistência da pele (mais flácida ou mais firme) e a profundidade das irregularidades.

Grau I

A celulite de grau I caracteriza-se por não apresentar irregularidades ou ondulações enquanto está deitado ou em pé, mas se pinçar a zona afetada, irão notar-se ondulações, depressões e covinhas.

Grau II

Neste grau de celulite, todas as irregularidades habituais, como ondulações, depressões, covinhas e rugosidades, são evidentes enquanto está de pé, mas não se ficar deitado.

Grau III

Esta é a celulite mais grave, e todas as irregularidades acima referidas são evidentes, seja qual for a posição do corpo. Além disso, os furinhos são mais largos e profundos, podendo ainda provocar dor.

Como tratar a celulite

Existem inúmeros tratamentos para a celulite, que conseguem combater eficazmente este problema. Contudo, tendo em conta que as causas mais comuns estão relacionadas com uma alimentação incorreta e uma vida sedentária, nenhum tratamento será bem sucedido caso não altere o seu estilo de vida.

Dessa forma, se quer tratar a celulite, deve começar a alterar os seus hábitos, substituindo-os por outros mais saudáveis e promotores de uma pele mais saudável. Os cuidados que deve ter para prevenir o aparecimento da celulite são os seguintes:

– reduzir a ingestão de alimentos ricos em gorduras e açúcares;

– beber no mínimo 1,5 litros de água por dia;

– fazer exercício físico regular (3 a 4 vezes por semana): exercícios aeróbios, para queimar a gordura localizada, e exercícios de musculação, para tonificar o corpo e tornar a pele mais firme.

Além destes cuidados básicos, há ainda vários tratamentos estéticos que pode realizar, e que irão tratar a celulite e deixar a sua pele lisa e bonita.

Confira de seguida 10 tratamentos estéticos para combater a celulite, e consulte um especialista para analisar e avaliar o seu caso, e escolher a solução mais adequada para si.

10 tratamentos estéticos para combater a celulite

Radiofrequência

A radiofrequência é considerado um dos melhores tratamentos no que à celulite diz respeito. Este tratamento não invasivo e totalmente seguro irá utilizar radiação eletromagnética de alta frequência para aumentar a temperatura do tecido, provocando a quebra das células gordas, estimulando ainda a produção de colágeno.

Assim, além de reduzir o acúmulo de gordura localizada, irá também reduzir o tecido fibroso responsável pela retração do tecido e pelas irregularidades típicas da celulite. Este procedimento ajuda assim a reestruturar o tecido de uma forma mais duradoura, sendo indicado para todos os tipos de celulite, especialmente quando existe também flacidez da pele.

Cremes anticelulite

Os cremes anticelulite são um tratamento simples de implementar, consistindo apenas da aplicação do produto. Contudo, esta é uma solução muito dependente de outros fatores, como um estilo de vida saudável, com uma dieta equilibrada e a prática frequente de exercício físico, mas também, a influência genética, entre outros.

Dessa forma, o creme anticelulite como tratamento único não terá resultados visíveis. Apenas associado a um estilo de vida saudável e a outros tratamentos é que este método pode ser bem sucedido.

Os cremes anticelulite estimulam a microcirculação, a produção de colágeno e a quebra da gordura localizada, o que ajudará a melhorar a celulite, havendo produtos com várias composições, como extrato de chá verde, retinoides, castanha da Índia, entre outros.

Laser

O tratamento a laser para celulite é uma técnica através da qual se conseguem quebrar os septos fibrosos responsáveis pela irregularidade da pele típica da celulite, mas também, ajudar a eliminar a gordura localizada.

Além disso, este procedimento promove ainda a produção de colágeno, o que irá conferir maior elasticidade e firmeza à pele.

O método consiste na inserção de cânulas com a fibra ótica do aparelho através de duas pequenas incisões, aplicando de seguida o laser para destruir a gordura e quebrar os septos fibrosos. Uma sessão de tratamento a laser para celulite dura aproximadamente uma hora e meia.

Drenagem linfática

A drenagem linfática é uma massagem que tem como principal objetivo ajudar o sistema linfático a drenar os líquidos acumulados nas regiões intersticiais, isto é, nos espaços entre as células dos tecidos.

Indicado para todos os graus da celulite, este método irá ajudar a drenar líquidos, resíduos do metabolismo celular, toxinas e nódulos de gorduras, eliminando-os dos tecidos.

Além disso, tem também a capacidade de estimular a circulação sanguínea, o que em conjunto com a drenagem dos líquidos e com a eliminação dos nódulos de gordura, fará com que a pele fique mais saudável e livre de todas as substâncias que causam o aparecimento da celulite.

Outra das vantagens da drenagem linfática é o facto de ajudar a reduzir a sensação de inchaço, devido à eliminação dos líquidos dos tecidos.

Massagem modeladora

Ao passo que a drenagem linfática tem um efeito mais focado na drenagem dos líquidos e substâncias acumuladas nos tecidos, a massagem modeladora irá estimular igualmente a drenagem linfática, mas também, atuar sobre as placas de gordura responsáveis pela celulite.

Dessa forma, a massagem modeladora tem movimentos mais rápidos, firmes e repetitivos que a drenagem linfática. Esta massagem irá estimular a vasodilatação, aumentando dessa forma a oxigenação da área massageada. Isto irá promover a elevação do metabolismo, queimando-se mais gordura e diminuindo a flacidez.

Também utilizado em todos os graus de celulite, este método é especialmente indicado para celulite causada pelo acúmulo de gordura localizada. Quando a celulite tem causas genéticas ou aparece devido à flacidez da pele, este método já não é tão eficaz.

Endermologia

Indicado para os graus II e III, a endermologia é um tratamento não invasivo, que consiste na aplicação de um aparelho constituído por dois rolos e um sistema de sucção.

Os movimentos deste aparelho na superfície da pele irão estimular a drenagem linfática e a estimulação da circulação sanguínea, além de realizarem uma leve esfoliação, retirando as células mortas da superfície da pele.

O resultado é uma pele renovada e com menos irregularidades, diminuindo dessa forma a celulite.

Mesoterapia

A mesoterapia é um tratamento que consiste na injeção de um conjunto de princípios ativos, que irão estimular a redução da gordura localizada.

Através desta técnica será introduzida uma pequena quantidade de um coquetel de medicamentos na área afetada, que depois atuarão para diminuir a gordura responsável pela celulite.

Apesar de o coquetel de medicamentos injetado se espalhar pelo organismo, diluindo-se e reduzindo o risco de efeitos secundários, esta técnica pode não ser benéfica, dependendo da forma como se aplicam e administram os medicamentos.

Além disso, este tratamento apenas terá efeitos práticos caso adote hábitos saudáveis, como atividade física regular, dieta equilibrada e a ingestão de muitos líquidos, especialmente água.

Ultrassom com lipolíticos

O ultrassom com lipolíticos é um método que consiste basicamente com a aplicação de um aparelho de ultrassom específico, mais potente que o aparelho convencional, acompanhado por um gel colocado na pele da área afetada.

O gel lipolítico, além de ajudar a movimentação do aparelho, irá ainda facilitar a penetração das ondas sônicas. Este tratamento irá assim modificar as ligações intercelulares, aumentando dessa forma a permeabilidade da membrana celular.

Apesar de este tratamento ser bastante usado no combate à celulite, existe ainda uma grande desconfiança por parte dos médicos, por ainda existirem poucos estudos que comprovem a eficácia deste método.

Carboxiterapia

Apesar de ser realizada em algumas clínicas de estética, a carboxiterapia não é um método recomendando por médicos nem por muitos outros profissionais de estética.

Inicialmente criada para o tratamento de úlceras na pele, foi mais tarde aproveitada para reduzir as irregularidades e flacidez da pele. Este método consiste basicamente na injeção de dióxido de carbono na área afetada, estimulando-se assim a circulação sanguínea e consequente aumento da oxigenação.

Este aumento de oxigénio nos tecidos eleva o metabolismo local, queimando dessa forma maior quantidade de gordura localizada. Contudo, sendo um método criado com outro fim, e com poucos estudos de eficácia e segurança realizados, não é assim recomendado pela maioria dos especialistas, tanto médicos, como de estética.

Gesso liporredutor

O Gesso liporredutor ou Gesso Redutor Lipolítico é outro método ainda sem estudos que sustentem as suas afirmações, não havendo ainda comprovação científica da sua real eficácia. Este tratamento consiste na aplicação de uma mistura de várias substâncias na pele, que irão de seguida endurecer.

Estas substâncias endurecidas na pele irão promover a elevação da temperatura nos tecidos, promovendo dessa forma a vasodilatação e facilitando a penetração de princípios ativos, como a cafeína.

De acordo com as suas bases teóricas, os princípios ativos irão estimular a circulação sanguínea, quebrar as células gordas, e ainda, promover a sua drenagem através do sistema linfático.

As clínicas de estética que realizam este método afirmam que é recomendando para os tipos mais graves de celulite, sendo necessárias no mínimo 10 sessões para conseguir obter os resultados desejados.

Leia também: Lipoescultura gessada (gessoterapia).

Atualizado em 15 Janeiro 2018

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade

Isensão de Responsabilidade: A nossa plataforma foi criada com o objetivo de facilitar o acesso a informação de valor "Ciência com Saúde", baseada em estudos científicos. Tudo o que publicamos tem uma base científica. No entanto, nenhuma das publicações têm o objetivo de servir como diagnóstico, sendo sempre indicada consulta médica. O mesmo se refere a tratamentos, clínicas, suplementos e medicamentos indicados. A indicação, dosagem, e forma de uso é apenas ilustrativa, não estando indicada a automedicação ou suplementação sem antes haver indicação médica profissional. O mesmo se refere aos preços dos produtos por vezes indicados. Esses valores são baseados no ano de 2018 e servem apenas como informação auxiliar, não estando a nossa plataforma de nenhuma forma a ligada a essas empresas.