Crioterapia para acabar com a flacidez

A flacidez é uma consequência normal da idade, já que a pele, com o decorrer do tempo, perde a sua capacidade de se manter firme e elástica. A produção de colágeno e elastina decai com os anos, deixando a pele com uma aparência mais envelhecida e flácida.

crioterapia

No entanto, existem hoje em dia vários tratamentos e métodos que combatem a flacidez da pele, tornando-a mais jovem e bonita. Um desses tratamentos é a crioterapia. Confira de seguida como funciona a crioterapia para acabar com a flacidez, e ainda, os benefícios deste método.

Crioterapia

A crioterapia é um método que consiste basicamente em resfriar uma determinada região do corpo, utilizando o frio para atuar sobre o problema pretendido. Assim, e usando substâncias como água gelada, gelo, gel, creme ou spray, a temperatura da área com pele flácida é reduzida.

Este abaixamento da temperatura irá ter um efeito muito eficaz no combate à flacidez, já que estimula o aumento do metabolismo das células, obrigando-as a requisitar gorduras acumuladas para aquecer essa zona.

Além disso, o frio irá melhorar a circulação sanguínea e promover a produção de colágeno, aumentando o tónus muscular. Dessa forma, além de estimular a redução da gordura localizada nessa área, a crioterapia irá também diminuir a flacidez.

Benefícios da crioterapia para a flacidez

A crioterapia, além de ser indicado para muitos outros problemas, especialmente relacionados com os músculos, traz também vários benefícios para o combate à flacidez. Assim, os benefícios da crioterapia para a flacidez incluem:

– promoção da circulação sanguínea local;

– melhoria do tónus muscular;

– redução da gordura localizada.

Este procedimento, simples e barato, podendo mesmo ser realizado em casa, se realizado de uma forma regular, pode trazer-lhe resultados muito interessantes e eficazes. Contudo, antes de começar este tratamento, deve consultar o seu médico.

O que Procura?

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *