Dormência e Formigamento na Língua: Causas, Sintomas E Tratamentos

Embora o formigamento possa ser um sintoma de várias doenças e síndromes, geralmente é de natureza neurológica.

O formigueiro ou dormência pode ser uma consequência não dolorosa de uma lesão ou doença que afeta o sistema somatossensorial, e surge muito provavelmente devido a danos nos nervos dos receptores sensoriais.

Lingua Dormente E Formigamento

Este dano causa sintomas sensoriais anormais, como picadas, queimação, formigamento ou dor. Os sintomas, não dolorosos, são nomeados de disestesia ou parestesia.

A parestesia é uma sensação anormal, não muito desagradável, enquanto a disestesia é considerada uma sensação anormal um pouco desagradável.

A fronteira entre os dois termos é incerta, assim como o formigamento, que pode ser desagradável para algumas pessoas ao mesmo tempo que não incomoda outras.

Embora não seja doloroso, o formigamento é um dos sintomas de dor neuropática. As sensações anormais podem ocorrer em praticamente qualquer parte do corpo humano. Neste caso: a língua.

Sintomas De Formigueiro na Língua

O formigueiro na língua é muitas vezes um sintoma de uma causa subjacente e caracteriza-se por uma sensação anormal da língua, tal como uma sensação de entorpecimento, formigueiro, ou picada. A língua é um órgão do corpo muito sensível e um suprimento nervoso bastante rico.

É um órgão que muitas vezes se sente mais do que outros órgãos do corpo, além de ter uma função sensorial única: gosto/paladar.

Causas e Tratamento

Sensação De Dormência E Formigamento Na Língua

O formigueiro na língua pode ser causado por uma série de razões, incluindo a síndrome de alergia oral, reação a um medicamento, toxinas, trauma, e várias outras doenças. Vamos de seguida discutir as causas e os seus respetivos tratamentos:

Síndrome de alergia oral

A Síndrome de alergia oral (OEA) é “um efeito adverso para a saúde decorrente de uma resposta imune específica que ocorre de forma reprodutiva na exposição a um determinado alimento”. Os sintomas geralmente são limitados à área orofaríngea, mas podem variar entre os indivíduos.

O que Procura?
Urina com sangue (hematúria): o que pode ser e quais as causas?

Também conhecida como síndrome pólen-alimento, os sintomas a estas alergias ocorrem logo após comer frutas cruas, nozes ou legumes. Os sintomas mais comuns são coceira, formigamento, e/ou inchaço dos lábios, língua, palato ou garganta.

Também foram relatadas algumas reacções graves, tais como a anafilaxia.

O início da síndrome de alergia oral é comum em crianças mais velhas, adolescentes e adultos jovens, e até certo momento os alérgenos não causam quaisquer problemas.

O tratamento envolve a toma de anti-histamínicos e evitar o consumo dos alimentos que causam a reacção.

O uso de um diário alimentar, bem como um nutricionista, pode ser útil para identificar os alimentos de consumo seguro, como os preparar e minimizar o risco de exposição ao alérgeno.

Medicação

Embora o formigamento na língua seja mais frequentemente causado por distúrbios neurológicos, esta sensação também pode ocorrer após o uso de algumas substâncias.

Seja a ingestão de medicamentos sem prescrição, agentes cáusticos, anestésicos tópicos e medicamentos de prescrição, qualquer um deles pode causar formigueiro na língua.

Essa sensação geralmente é de curto prazo, como efeito colateral, a menos que a medicação danifique permanentemente os tecidos da língua ou nervos.

Toxinas

Ambas as toxinas, sejam elas naturais ou artificiais, podem causar parestesia da língua. Podia-mos citar aqui muitas toxinas, mas um exemplo é o envenenamento causado pelo peixe Ciguatera, que pode causar sensação de dormência e formigamento na língua.

É causada pela ingestão de peixe contaminado pela toxina, principalmente peixes grandes de recife, como a barracuda, garoupa, enguia e perca do mar.

Embora provoque reações alérgicas nos seres humanos, a toxina ciguatera é inofensiva para os peixes. Ainda não existe tratamento efetivo.

Outros tipos de toxinas que podem causar a sensação na língua são os metais pesados e a tetrodotoxina presente nos tetraodontídeos, (baiacu, peixe-balão, fugu)

Anestesia Local em Cirurgia Dental

A maioria dos procedimentos odontológicos são realizados sob anestesia local, como a extração dentária, um tratamento de canal ou outros procedimentos cirúrgicos odontológicos.

O anestésico utilizado, quase sempre provoca efeitos sensoriais como formigueiro e dormência. Este é um efeito temporário e passa depois de algumas horas.

O que Procura?
Gosto Amargo na Boca: O que Pode Ser, Quais as Causas

No entanto, em alguns casos, o formigamento é causado pela lesão do nervo devido ao procedimento, que pode levar a uma mudança permanente na sensação/sensibilidade.

O tratamento vai depender sempre do dano provocado no nervo, mas pode envolver o uso de analgésicos tópicos ou antagonistas do receptor NMDA.

Traumas

Até o mais pequeno trauma pode causar mudanças de sensação na língua, como comer ou beber alimentos e bebidas muito quentes, morder a língua ou os piercings na língua.

Por outro lado, os alimentos e bebidas muito frias também pode causar parestesia ou disestesia. Estas sensações estão presentes temporariamente. O trauma refere-se também a alguns tipos de tratamento, tal como a radioterapia para o tratamento do câncer.

Doenças e infecções

São várias as doenças e infecções que podem causar formigamento na língua. Estas incluem:

Neuralgia pós-herpética (herpes zóster): A neuralgia pós-herpética é uma síndrome de dor neuropática caracterizada por dor que persiste durante meses ou anos após a resolução da erupção da herpes zoster.

A Neuralgia pós-herpética surge após a reativação do Vírus varicela-zóster. Ela provoca sintomas sensitivos no local da erupção, mas também pode afetar outras partes do corpo.

Neuropatia diabética: Como consequência da diabetes, pode originar-se o desenvolvimento de neuropatia diabética, uma doença que pode afetar muitas partes do corpo, como os olhos, pés e rosto. A neuropatia diabética provoca sintomas sensoriais, como formigamento, queimação e dormência.

Síndrome de ardência bucal: Uma condição menos comum que causa dores crônicas.

Principalmente localizada na língua e/ou nos lábios, esta síndrome da boca provoca queimação da mucosa oral, geralmente associada a disgeusia, parestesia, disestesia e xerostomia

Ainda não é conhecida a causa médica ou odontológica para a síndrome de ardência bucal. No entanto, alguns medicamentos como a gabapentina, cloridrato de benzidamina, bupivacaína, e Catuama podem ser usados para gerir a síndrome.

Neurofibroma do nervo lingualNeurofibroma é um tumor benigno da cavidade oral derivado das células que constituem a bainha do nervo. Esta rara condição desencadeia disestesia e irritação na língua. O tumor e os sintomas desaparecem após a excisão.

O que Procura?
Sintomas de reumatismo nos ossos

Outras doenças que podem causar formigamento na língua são ataque isquêmico transitório (TIA), enxaqueca, fenômeno de Renaud, aftasesclerose múltipla, e Hipoparatireoidismo, entre outros.

Deficiências Nutricionais

Existem algumas vitaminas e minerais conhecidos por influenciar a saúde oral, tanto em deficiência como em excesso, que podem levar a esta sensação na língua bem como outros sinais neurológicos ou sintomas na boca.

As vitaminas e os minerais conhecidos por terem este efeito são as vitaminas do complexo B, ferrozinco e cálcio.

Referências

  1. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/18003941
  2. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19655103
  3. http://clinicalevidence.bmj.com/x/systematic-review/1301/overview.html
  4. http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/odi.12660/abstract
  5. http://www.kjms-online.com/article/S1607-551X(09)70339-0/pdf
  6. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24105382

09. agosto 2017 by admin

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *