Náusea, Vômito e Enjoo Matinal Durante a Gravidez: Causas, Tratamento para Aliviar e Prevenir os Sintomas - Fotos Antes e Depois
Fotos Antes e Depois

Náusea, Vômito e Enjoo Matinal Durante a Gravidez: Causas, Tratamento para Aliviar e Prevenir os Sintomas

Se já esteve grávida ou conhece alguém que carrega um bebê, então pode já ter ouvido a expressão “náusea, vômito e enjoo matinal”, conhecida como doença da manhã.

Essa sensação comum de náuseas pela manhã é completamente normal, embora possa ser desconfortável e perturbadora.

Em alguns casos, o enjoo matinal também pode ser um sinal de outra condição ou doença, por isso deve ser levado a sério.

Aprender sobre as causas, sintomas, medidas preventivas e possíveis remédios podem prepará-la para quando finalmente a manhã chegar.

Enjoo Matinal Durante A Gravidez

O que é a doença da manhã?

É o enjoo matinal que faz parte natural da gravidez, e aparece na forma de náuseas ou vómitos, geralmente começando em torno da 6ª semana de gravidez e durando até á primeira metade do segundo mês de gravidez.

Enquanto as náuseas e os vômitos podem ser desagradáveis e difíceis de lidar em algumas situações, é um sintoma realmente visto como um bom sinal. Em muitas gestações, o enjoo matinal geralmente é o primeiro sinal de que uma mulher está grávida.

Causas do enjoo matinal

A principal causa do enjoo matinal é o rápido aumento dos níveis hormonais, que é a resposta natural do corpo à formação do feto.

Os seus níveis de hormonas estão a aumentar rapidamente devido ao desenvolvimento da placenta e do feto.

Algumas mulheres também tomam suplementos de progesterona durante a gravidez, que tem sido associados a náuseas em algumas pesquisas.

Existem outras causas e desencadeantes do enjoo matinal que podem ser evitados se quiser aliviar a náusea, como dormir o suficiente, manter-se hidratada, evitar conduzir sempre que possível, e prestar atenção a quaisquer mudanças na dieta que possam causar distúrbios gastrointestinais.

Sintomas do enjoo matinal

Mais de 70% das mulheres sofrerão enjoo matinal de algum tipo, desde náuseas leves ou mau humor até vômitos agudos ou crônicos.

Devido à universalidade das flutuações hormonais durante a gravidez, o enjoo matinal é agora considerado parte normal de uma gravidez saudável.

Isto é, apenas nos casos em que as náuseas e os vômitos ainda permitem a obtenção dos seus nutrientes e os que o seu bebê necessita.

A sensação de estar doente pode começar no momento em que acorda e pode parecer uma ressaca, com dor de cabeça e náusea.

Algumas mulheres também desenvolvem um forte sentido de olfato durante esse período de gravidez. O seu paladar pode ser alterado, tornando desagradáveis certos alimentos deliciosos, enquanto combinações estranhas de alimentos de repente podem parecer atraentes.

Hiperêmese gravídica

Casos graves de enjoo matinal, onde o vômito é quase constante e torna-se difícil manter qualquer alimento, é referido como Hiperémese gravídica.

Se sentir esses sintomas graves e não consegue comer uma dieta normal durante o dia, poderia estar a colocar a si mesma e ao bebê em perigo.

Isso será devido à falta de nutrientes, desidratação e desequilíbrios eletrolíticos no corpo. Deve-se procurar atenção médica neste caso, entretanto, casos normais de enjoo matinal não requerem uma visita ao médico.

Quão comum é o enjoo matinal?

O enjoo matinal é bastante comum em mulheres grávidas e é percebido em cerca de 80% das gestações, embora os vómitos realmente afetem uma percentagem menor (60 a 70%).

O que muitas pessoas não percebem é que o enjoo matinal não se limita ao período da manhã; a flutuação das hormonas pode parecer mais dramática após o despertar, mas os sintomas de náuseas e vómitos podem ocorrer a qualquer hora do dia.

Algumas mulheres que já experimentaram a gravidez acreditam que os seus sintomas de enjoo matinal serão os mesmos para cada filho sucessivo, porém, esse não é o caso. Cada gravidez é diferente, então a resposta do seu corpo às hormonas, também será variável.

Quando começa e termina o enjoo matinal?

Náusea, Vômito E Enjoo Matinal Durante A Gravidez, Causas, Tratamento Para Aliviar E Prevenir Os Sintomas

Quanto a duração, a maioria das mulheres grávidas informa que os sintomas do enjoo matinal começam em torno da 6ª semana de gravidez.

Geralmente, os sintomas diminuem ou desaparecem após a 12ª semana de gravidez, uma vez que o corpo se tornou aclimatado aos novos níveis elevados de hormonas e o bebê começa a crescer a uma taxa mais viável.

Além disso, o nível de progesterona cai ao redor desse período numa gravidez e, estudos associaram essa hormona em particular aos sintomas de náuseas.

Se os seus sintomas de enjoo matinal persistirem no 5º e 6º mês de gravidez, fale com o seu médico sobre possíveis tratamentos ou opções preventivas.

Tratamentos para aliviar o enjoo matinal

Existem muitos tratamentos para enjoos matinais, incluindo medicamentos de farmácia e remédios caseiros. Eles incluem o uso de gengibre, Hortelã-pimenta, acupuntura, medicação para o refluxo ácido e alergias, vitamina B6 e alimentos fermentados, apenas para citar alguns.

Hortelã-pimenta (Mentha × piperita)

Hortela Pimenta

Os elementos anti-inflamatórios presentes na hortelã-pimenta podem ajudar a acalmar o estômago, enquanto o aroma, por si só, pode acalmar as sensações de náuseas ou dores de cabeça.

Acupuntura

Esta antiga prática chinesa tem sido usada em mulheres grávidas durante milhares de anos, e há uma grande quantidade de episódios evidenciando que a acupuntura pode aliviar os sintomas de náuseas e vómitos durante a gravidez.

Medicamento para o Refluxo ácido

Devido ao excesso de bílis e ácido que cobre a garganta durante o vômito, sintomas graves de enjoo matinal também podem aumentar o risco de desenvolver refluxo ácido. Se já sofre com isso, vomitar repetidamente só vai piorar.

Os Medicamentos para o refluxo ácido de venda livre podem ajudar a prevenir qualquer piora desses sintomas.

Anti-histamínicos

Curiosamente, os medicamentos para as alergias foram descobertos por ajudar a prevenir as náuseas e os vómitos em mulheres grávidas, então, tomar uma pílula para alergias genérica pela manhã pode salvá-la de uma viagem desagradável para o trabalho.

Vitamina B6

Todas as vitaminas do complexo B são extremamente importantes durante a gravidez, mas a vitamina B6 é particularmente crítica para a prevenção de náuseas e vômitos nesta fase.

Tomar 2 a 3 cápsulas por dia, é ctotalmente recomendado e seguro para as mulheres grávidas.

Como prevenir o enjoo matinal?

Algumas das melhores soluções para prevenir a enjoo matinal incluem consumir alimentos ricos em proteínas antes de dormir, óleo de fígado de bacalhau, suplementos de magnésio e cenouras cruas.

Óleo de fígado de bacalhau

Esse óleo de peixe é rico em gorduras benéficas que tanto a mãe quanto o feto precisa para o seu desenvolvimento adequado durante a gravidez.

Além disso, o óleo de fígado de bacalhau ajuda o corpo a absorver outros nutrientes de forma eficaz, incluindo o magnésio e a vitamina D.

Cenouras Cruas

Um dos benefícios das cenouras é que elas podem ajudar a eliminar o excesso das hormonas presentes no organismo. Se os seus níveis de progesterona ou estrogênio são muito altos e causam náuseas, pode adicionar algumas cenouras à sua dieta diária para estabilizar o estômago.

Snacks de proteína

Antes de dormir, experimente comer alimentos ricos em proteínas, um pequeno snack é o suficiente.

Muitas mulheres alegam que esta opção mantém o estômago regulado durante o sono, resultando em menos sintomas de enjoo matinal.

Conheça os Melhores Óleos Essenciais para Aliviar Náusea e Vômitos

Referências

http://jrs.sagepub.com/content/81/8/456.short
http://www.journals.uchicago.edu/doi/abs/10.1086/393377
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/3405551
http://europepmc.org/abstract/med/12887118
https://academic.oup.com/humupd/article/11/5/527/606373
http://bjgp.org/content/bjgp/43/371/245.full.pdf
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3560544/
https://www.hindawi.com/journals/cjgh/2009/678514/abs/
http://europepmc.org/abstract/med/3997551
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2051714/
http://www.sciencedirect.com/science/article/
http://www.tandfonline.com/doi/abs/

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade