Finlândia

A Finlândia converteu-se nos últimos anos um dos destinos mais atractivos da Escandinávia, com recursos muito originais como as actividades na neve que têm lugar na região mais setentrional, a Lapónia, o País do Pai Natal e dos Sami, cujo o espaço (1/3 da Finlândia) se encontra dentro do circulo Polar Árctico. Um país em que a Natureza é a palavra mãe, e que 10% do seu território é ocupado por lagos, rodeados de densos bosques de coníferas e bétulas que cobrem 70% do país.

HELSÍNQUIA – CAPITAL DA FINLÂNDIA
“A filha do báltico” é uma cidade moderna, sobre o Golfo da Finlândia cheia de parques e zonas verdes, com uma animada vida nocturna e de lazer. Entre os lugares que merecem destaque está a livraria Akateeminen Kirjakauppa desenhada pelo célebre arquitecto Alvar Aalto e cujo café é famoso como ponto de encontro.

Não podemos deixar de visitar o mercado ao livre de Kauppatori, em Esplanadikatu, um centro onde pode comprar todo o tipo de coisas. Em frente encontra-se o Palácio Presidencial, remodelado em 1843 para albergar o Palácio de Zar e hoje é residência do presidente da república.

Os museus são outro ponto de visita imprescindível, como o Kiasma, de arte contemporânea ou a Galeria Nacional. Pode visitar-se também a casa do compositor Sibelius e o monumento a ele erigido, formado por tubos metálicos que parecem compor uma sinfonia escultórica. Outros locais de interesse são: a Catedral Luterana de S.Nicolau, na Praça do Senado; Uspenski, a Igreja Ortodoxa da Trindade, ou a não menos surpreendente Temppeliaukio uma igreja esculpida na rocha. Frente á costa sobre umas ilhas, está a fortaleza de Suomenlinna do séc XVIII, uma das maiores do mundo, património da humanidade onde se conservam vários museus e um estaleiro de 1748 ainda em funcionamento.

REGIÃO DOS LAGOS
A melhor forma de conhecer esta região única, é a bordo dos barcos que atravessam os seus lagos e canais até ás principais cidades, entre as quais se destacam: Savonlinna, construída sobre ilhas ao redor do castelo de Olavinlinna, cenários do famoso festival de ópera que se celebra em Julho; Kuopio onde se fundem natureza e cultura. Também merecem a sua visita o Museu e a Igreja Ortodoxa a mais importante do seu género, ou subir á Torre de Puijo, e poderá apreciar o magnífico panorama. Outros lugares de interesse são Koli com o seu parque natural, Nurmes e a Casa Bomba e a cidade madeireira de Kajaani.

LAPÓNIA
A grande região turística do país é a Lapónia. Destino perfeito os amantes de experiências diferentes, que aqui poderão dormir numa aldeia de gelo, fazer um safari de trenó puxado por cães ou renas, banhar-se com fatos de neopreno nas geladas águas árcticas, fazer um cruzeiro num barco quebra-gelo, montar a cavalo num parque nacional, praticar canoagem ou rafting num dos seus muito rápidos ou desfrutar do sol da meia noite no verão. Mesmo sobre o circulo polar está Rovaniemi, a capital da Lapónia Finesa, muito próxima da casa do Pai Natal, cuja arquitectura se deve ao grande Alvar Aalto e na qual se destaca a Artikum House, que expõem a vida dos Sami.

Guia Prático:
Idioma: Finlandês e Sueco
Moeda: Euro
Superfície 337.030 km²
População: 5.291.517 Hab.
Capital: Helsínquia
Principais cidades: Espoo, Tamper,Turku, Rovaniemi
Regime Político: Republica Parlamentar
Religião: Evangélica Luterana

Clima: Temperado a fresco, com invernos muito frios. Acima do círculo Polar Árctico, no verão, o sol não se põem durante 10 semanas e no inverno, o sol não aparece acima do horizonte durante 8 semanas.

Gastronomia: ( Ver Gastronomia da Finlândia)

Compras: As peles são uma boa aquisição, assim como os deliciosos peixes fumados ou marinados muito abundantes no país. Também são interessantes a cerâmica, o couro, peças de madeira e objectos artesanais Samis.

O que Procura?

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *