Dicas para Combater a Gordura localizada na Barriga, Coxas, Cintura, Rosto, Costas e Quadril

Revisado por Equipe Editorial a 24 outubro 2018 - Publicado a 25 de outubro de 2014

Um dos problemas que mais negativamente influencia a figura de uma pessoa é a gordura localizada. Dá-se o nome de gordura localizada a toda a massa gorda acumulada em certas partes do corpo.

Nos homens, a gordura localizada é especialmente habitual na zona da barriga, estando sobretudo associada ao consumo de bebidas alcoólicas e a um estilo de vida mais sedentário.

Já nas mulheres a gordura localizada aparece de uma forma mais comum no quadril, nas costas, e também na barriga, sendo que o acúmulo de massa gorda agrava-se após a menopausa.

Confira de seguida algumas dicas essenciais para perder gordura localizada, e ainda, os vários locais onde mais comummente se acumula gordura localizada, e o que pode ser feito para a eliminar.

O que fazer para perder gordura localizada

Os princípios básicos para perder gordura localizada são os mesmos que devem ser seguidos para emagrecer: uma dieta equilibrada e saudável, juntamente com exercícios físicos, especialmente os aeróbios.

No entanto, nem sempre se conseguem perder todos os depósitos de gordura, mantendo-se assim algumas gordurinhas localizadas difíceis de eliminar.

Para isso existem vários tratamentos estéticos, que atuam sobre áreas localizadas, sendo assim bastante adequados para perder gordura localizada.

Os tratamentos estéticos para a gordura localizada são normalmente realizados por fisioterapeutas especialistas em dermatofuncional, e consistem essencialmente em lesionar as células adiposas, ou adipócitos, de maneira a libertarem a gordura aí acumulada.

Após a massa gorda sair das células, elas serão facilmente eliminadas através da urina. Contudo, para que a gordura chegue até aos rins, ela tem de ser drenada através dos canais linfáticos.

É por isso fundamental que se realize uma sessão de drenagem linfática manual após o tratamento, e ainda, exercícios físicos intensos, tudo num espaço máximo de 4 horas após o tratamento.

Apesar destes tratamentos estéticos serem bastante eficazes na eliminação da gordura localizada, é fundamental adotar um estilo de vida mais saudável para manter a sua figura. Caso contrário, as gorduras localizadas voltarão a surgir.

Confira de seguida os vários tipos de gordura localizadas, e quais os tratamentos mais adequados para cada um.

Gordura localizada no rosto

A gordura localizada na região do rosto aparece sobretudo debaixo do queixo (formando o queixo duplo) ou nas bochechas.

Fotos antes e depois da radiofrequência

fladidez no rosto antes e depois da radiofrequência

Os tratamentos mais apropriados para eliminar a gordura localizada no rosto são a radiofrequência, que além de ajudar a queimar a gordura, irá também estimular a produção de elastina e colágeno, essenciais para uma pele mais firme e lisa, ou ainda, a lipoaspiração, que irá aspirar através de uma cânula a massa gorda aí acumulada.

Gordura localizada nas costas

A gordura localizada na zona das costas é o acúmulo de massa gorda que se observa na zona inferior à linha do sutiã, ou na parte inferior das escápulas, resultando nas “dobrinhas” na região das costas.

Conheça Os 8 Melhores Exercícios para Eliminar a Gordura nas Costas

Se pretende acabar com a gordura localizada nesta região, o ideal é realizar exercícios que queimem gordura ao mesmo tempo que trabalham os músculos das costas, como por exemplo o remo.

Quanto a tratamentos estéticos, pode realizar a endermologia ou a lipocavitação, que são ótimos para queimar gordura localizada na zona das costas.

Gordura localizada na cintura

A gordura localizada na zona da cintura é o acúmulo de gordura logo abaixo das costelas.

Além de uma dieta apropriada e exercícios aeróbios, há também alguns tratamentos estéticos que, complementados, têm resultados evidentes e satisfatórios.

Assim, deve apostar em tratamentos como a criolipólise ou a lipocavitação para romperem a membrana da célula adiposa e libertarem a massa gorda aí acumulada, e depois, fazer a massagem modeladora, que irá dar-lhe um contorno corporal mais definido.

Gordura localizada na barriga

A gordura localizada na zona da barriga é a mais visível, já que o acúmulo de gordura no abdômen cria os chamados “pneus” da barriga. Além de ser a mais evidente, é igualmente a mais difícil de eliminar.

Além dos exercícios físicos aeróbios e abdominais, há ainda um conjunto de tratamentos estéticos que conseguem alcançar resultados bastante satisfatórios, como a cavitação, a lipocavitação, a endermologia, a criolipólise, ultrashape ou o Manthus.

Fotos da abdominoplastia antes e depois

cirurgia plastica na barriga

Para casos mais graves, pode até ser realizada uma cirurgia plástica denominada de abdominoplastia, que irá retirar toda a massa gorda da zona abdominal.

Gordura localizada no quadril

A massa gorda acumulada na zona do quadril, logo abaixo da parte mais elevada do seu osso, na zona lateral do corpo, é a gordura localizada no quadril.

Ao contrário de outras regiões, a gordura localizada nesta área nunca é em grande quantidade, e como tal, além da dieta e exercício físico regular, pode também apostar em tratamentos como a radiofrequência ou a carboxiterapia.

Gordura localizada nas coxas

Este tipo de gordura localizada acumula-se na zona interior das coxas. Assim sendo, além de exercícios aeróbios, deve também apostar em exercícios que tonifiquem os músculos das pernas.

Quanto aos tratamentos estéticos mais adequados, a corrente aussie ou a corrente russa têm bons resultados na queima de gordura localizada nessa área.

Promovendo uma contração muscular mais intensa nos músculos das pernas, elas irão mais facilmente utilizar a massa gorda aí acumulada.