Hepatite A – Sintomas

Revisado por Equipe Editorial a 13 janeiro 2018 - Publicado a 16 de junho de 2010

Quais são os sintomas da Hepatite A? Como evolui?

Após o contágio, há um período silencioso, designado por período de incubação, de duração variável ( 30 dias, em média), que culmina com o aparecimento dos primeiros sintomas, que se assemelham muito aos de uma gripe.

Primeiros sintomas:

febre
mal estar
falta de forças
náuseas
dores de barriga.

Só depois é que surge a icterícia. E é o aparecimento da icterícia que chama a atenção do médico para o facto de poder tratar-se de uma doença do fígado, em geral, e de uma hepatite, em particular. Finalmente, na grande maioria dos casos, os sintomas regridem progressivamente até à cura, que traz consigo a imunidade definitiva para a doença.

Deve, contudo, realçar-se que na maioria das crianças, mas também nalguns adultos, a hepatite A é uma doença que passa despercebida, na medida em que cursa sem quaisquer sintomas ou, quando muito, com sintomas que se assemelham aos de uma gripe banal. Em contrapartida, embora raramente, a hepatite A pode ser fatal e ter, inclusivamente, uma evolução fulminante, ou seja, decorrerem apenas alguns dias entre o aparecimento dos primeiros sintomas e a morte.

A gravidade da hepatite A aumenta com a idade. Não são só os sintomas que são mais frequentes e mais intensos nos adultos que nas crianças, mas, também, de acordo com dados estatísticos publicados nos EUA, a mortalidade nas crianças é de 0.1% enquanto nos adultos com mais de 40 anos atinge cerca de 2%.