Hiperprolactinemia - Tratamento, Sintomas, Causas e Diagnostico
Fotos Antes e Depois

Hiperprolactinemia

Hiperprolactinemia – Sintomas, Causas e Características do diagnóstico

Em Mulheres: alteração menstrual (oligomenorréia, amenorréia), galactorréia e infertilidade.

Em Homens: hipogonadismo; diminúção da libido e disfunção erétil; galactorréia e infertilidade.

Prolactina sérica habitualmente > 100 ng/ml nos adenomas hipofisários secretores de prolactina.

A Hiperprolactinemia Pode ser causada por o hipotireoidismo primário.

Adenoma hipofisário, com freqüência mostrado na RM

Hiperprolactinemia

Diagnóstico diferencial

. Hipotireoidismo primário
. Uso de fármacos que estimulam a prolactina
. Gravidez ou lactação
. Doença hipotalâmica
. Cirrose; insuficiência renal
. Estimulação crônica dos mamilos; lesão da parede torácica

Tratamento

Agonistas da dopamina (p. ex., a bromocriptina ou cabergolina) geralmente reduzem o adenoma hipofisário e restauram a fertilidade.

Ressecção transesfenoidal dos grandes tumores e daqueles que provocam comprometimento visual ou que são refratários aos agonistas da dopamina.

Dica

Verificar se o paciente com suspeita de prolactinoma não tem história psiquiátrica; a maioria dos psicotrópicos causam hiperprolactinemia.

Referências
Molitch ME: Disorders of prolactin secretion

Atualizado em 29 dezembro 2017

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade

Isensão de Responsabilidade: A nossa plataforma foi criada com o objetivo de facilitar o acesso a informação de valor "Saúde com Ciência", baseada em estudos científicos. Tudo o que publicamos tem uma base científica. No entanto, nenhuma das publicações têm o objetivo de servir como diagnóstico, sendo sempre indicada consulta médica. O mesmo se refere a tratamentos, clínicas, suplementos e medicamentos indicados. A indicação, dosagem, e forma de uso é apenas ilustrativa, não estando indicada a automedicação ou suplementação sem antes haver indicação médica profissional. O mesmo se refere aos preços dos produtos por vezes indicados. Esses valores são baseados no ano de 2018 e servem apenas como informação auxiliar, não estando a nossa plataforma de nenhuma forma a ligada a essas empresas.