Fotos Antes e Depois

Qual a Causa do Inchaço Abdominal e Dor Abdominal Inferior?

O inchaço abdominal provoca uma sensação de plenitude no estômago e pode fazer com que o abdómen pareça maior.

A dor abdominal inferior (Região Inferior da Barriga), ou dor pélvica, conhecida muitas vazes como dor no pé da barriga, refere-se ao desconforto que ocorre na região umbilical ou abaixo desta.

Os órgãos da pélvis, como a bexiga e os órgãos reprodutores, são frequentemente o local de ocorrência da dor pélvica.

Inchaço Abdominal E Dor Abdominal Inferior

Causas de Barriga inchada e dor abdominal inferior

A ingestão excessiva de ar, a ingestão de alimentos ricos em gorduras que atrasam o esvaziamento do estômago e até o stress podem contribuir para surgimento do inchaço abdominal e da dor no abdômen inferior.

Os problemas intestinais e gástricos que causam estes sintomas incluem:

  • Prisão de ventre
  • Intolerância a certos alimentos, tais como a lactose ou o glúten
  • Gastroenterite
  • Colite
  • Doença do refluxo gastroesofágico (DRGE)
  • Obstrução intestinal
  • Íleo, que é um abrandamento da função normal dos intestinos grosso e delgado
  • Gastroparesia, que geralmente é uma complicação da Diabetes Mellitus
  • Doença de Crohn
  • Diverticulite
  • Síndrome do cólon irritável

As situações clínicas relacionadas com os órgãos reprodutores que podem causar estes sintomas incluem:

  • Gravidez ectópica
  • Gravidez
  • Endometriose
  • Dor menstrual
  • Síndrome pré-menstrual (SPM)
  • Câncer de ovário
  • Cistos de ovário
  • Doença inflamatória pélvica (DIP)

Outras possíveis causas destes sintomas incluem:

Quando procurar ajuda médica

Procure ajuda médica imediatamente se os seus sintomas se fizerem acompanhar por vómitos incontroláveis e/ou incapacidade para libertar gases.

Estes sintomas podem indicar que uma condição médica grave está na origem dos seus sintomas.

Deve também procurar tratamento de emergência se tiver algum dos seguintes sintomas associados ao inchaço abdominal ou à dor pélvica:

  • Febre
  • Vómitos com sangue
  • Fezes sanguinolentas ou castanhas escuras
  • Corrimento vaginal anormal
  • Agravamento súbito da dor, especialmente se ela melhorar quando fica completamente imóvel
O que Procura?
Colestase da Gravidez: Sintomas, Causas e Tratamentos

Se tiver sintomas mais ligeiros, consulte o seu médico se eles não melhorarem ou desaparecerem no período de tempo de um a dois dias ou caso estejam a afetar a sua vida diária.

Esta informação é apenas um resumo. Procure ajuda médica se considerar que tem uma condição que requer tratamento médico emergente.

Tratamento do inchaço abdominal e da dor abdominal inferior

Num primeiro momento, o médico procurará determinar a causa dos seus sintomas, fazendo algumas perguntas.

Certamente irá querer saber quando foi que você se apercebeu da existência da dor na barriga, o que a piora e se já sofreu desse tipo de dor anteriormente.

Uma lista completa das opções de tratamento existentes para as situações médicas que podem causar este distúrbio abdominal e a respetiva dor pélvica vai além do foco deste artigo.

Contudo, alguns exemplos de tratamentos para certas condições clínicas que provocam este quadro incluem os seguintes:

  • O seu médico poderá tratar um bloqueio intestinal – oclusão intestinal – com líquidos intravenosos, repouso intestinal e a colocação de uma sonda naso-gástrica, mas por vezes é necessário realizar uma cirurgia.
  • Uma perfuração do apêndice requer cirurgia de emergência como tratamento.
  • A administração de antibióticos pode ser usada para tratar uma gastroenterite bacteriana, uma colite ou uma doença inflamatória pélvica.
  • Medicamentos que não requerem prescrição médica podem reduzir estes sintomas, caso eles se devem a menstruação dolorosa.

Tratamentos caseiros

O inchaço abdominal e a dor abdominal inferior devidos a problemas de digestão ou à menstruação geralmente desaparecem com o tempo.

No entanto, o leitor poderá fazer algumas coisas em casa que o poderão ajudar a aliviar o inchaço e a dor abdominal inferior secundários a determinadas causas:

  • O exercício físico pode libertar o ar e os gases acumulados no estômago.
  • Aumentar a ingestão de líquidos pode melhorar a prisão de ventre.
  • A toma de medicamentos que não requerem prescrição médica para reduzir o ácido estomacal pode tratar a azia ou o refluxo ácido.
  • Tomar analgésicos ligeiros que não requerem prescrição médica, como o ibuprofeno – BRUFEN® -, pode diminuir a dor abdominal.
O que Procura?
6 Possíveis Causas de Doença Celíaca: Alimentos que Contenham Glúten são Proíbidos

Prevenção do inchaço abdominal e da dor abdominal inferior

Determinados alimentos e bebidas podem contribuir para a produção do inchaço abdominal e da dor abdominal inferior.

Evitar um ou mais destes alimentos pode ajudar a prevenir estes sintomas:

  • Feijões
  • Cerveja
  • Couves de Bruxelas
  • Repolho
  • Bebidas gaseificadas
  • Pastilha elástica
  • Produtos lácteos, caso seja intolerante à lactose
  • Rebuçados
  • Alimentos ricos em gordura
  • Lentilhas
  • Nabo (Brassica rapa L.)

Fumar também pode piorar os sintomas. Se deixar de fumar, não só reduzirá estes sintomas como também melhorará a sua saúde em geral.

Aumentar a ingestão de fibras ao comer mais frutas, vegetais e grãos integrais pode ajudar a prevenir a prisão de ventre (obstipação).

Saiba mais sobre a Dor abdominal? Conheça a Causa com Base na Sua Localização

Recursos de Pesquisa

http://www.upmc.com/
http://www.mayoclinic.com/
http://www.ccfa.org/

09. outubro 2017 by Rui

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *