José Castelo Branco

José Alberto Castelo Branco da Silva Vieira, conhecido publicamente como José Castelo Branco, nasceu a 8 de Dezembro de 1962, em Tete, Moçambique.

José Castelo Branco Antes e Depois

O seu pai, Francisco José Joaquim Frutuoso da Silva Vieira era motorista da alta sociedade de moçambique e a sua mãe, Inês Paulino Castelo Branco era doméstica.

José Castelo Branco tem dois irmãos mais velhos, Sérgio Castelo Branco da Silva Vieira e Gabriela Castelo Branco da Silva Vieira.

Sérgio Vieira é um importante político e advogado de Moçambique, foi um dos co-fundadores da Frelimo, ministro da Segurança e diretor do Projeto do Vale de Zambeze. Gabriela é médica e vive em Portugal.

José Castelo Branco viveu em Tete até aos seus doze anos. Com essa idade mudou-se para Lisboa, acompanhando os seus pais. Já em Portugal, começou a fazer trabalhos esporádicos como manequim.

Castelo Branco casou pela primeira vez no dia 19 de Março de 1986 com Maria Arlene Ferreira Pólvora. O casal teve um filho, Guilherme Pólvora Castelo Branco da Silva Vieira, que nasceu no final de 1988. Pouco tempo após o nascimento de Guilherme, o casal separou-se.

Antes de atingir a fama, Castelo Branco foi um drag queen, na conhecida discoteca de Lisboa, Trumps. A personagem construída por sim, “Tatiana Romanova“, fazia furor no circuito alternativo da noite lisboeta. Foi através da conhecida Lili Caneças, que José Castelo Branco foi introduzido no jet-set português.

Voltou a casar a 27 de Novembro de 1996, com a abastada empresária norte-americana Betty Grafstein, com quem vive entre Sintra e Nova Iorque.

Betty Grafstein é proprietária de uma empresa de comércio de diamantes e design de jóias, a Grafstein Diamond Company. Como o casamento entre ambos se realizou numa altura em que Betty já tinha mais de 60 anos, a lei portuguesa obrigou a que o casamento fosse realizado com separação de bens obrigatória. Já depois do casamento, Castelo Branco tornou-se negociante de arte.

Castelo Branco alcançou a fama em Portugal, ao participar no reality show da TVI, intitulado Quinta das Celebridades. O programa consistia em juntar um grupo de figuras conhecidas da sociedade portuguesa e do mundo artístico numa quinta, obrigando-os a realizar tarefas do mundo rural.

Juntamente com Castelo Branco entraram na quinta nomes como Alexandre Frota, Cinha Jardim e Avelino Ferreira Torres. José Castelo Branco venceu o programa, recebendo 50 mil euros. Após ser anunciado como vencedor, Castelo Branco recebeu um beijo na boca, por parte de outro concorrente polémico, o ator pornográfico brasileiro Alexandre Frota.

Em 2003, o socialite viu-se envolvido em nova polémica, ao ser detido no aeroporto de Lisboa. Sobre si recaíram acusações de tráfico de jóias e diamantes, mas acabou por ser ilibado.

A sua postura provocadora e polémica granjeou-lhe um grande mediatismo e em 2005 teve o direito a ter o seu próprio programa na TVI, chamado “Bon Chiq”.

No ano seguinte, voltou a participar num reality show da TVI. Desta feita, o programa chamava-se Primeira Companhia e voltou a juntá-lo no mesmo grupo que Alexandre Frota.

A temática do programa era o ambiente militar e os famosos tinham que se sujeitar a uma espécie de recruta. Pouco tempos, participou em novo reality show, O Circo das Celebridades. Todas as participações de Castelo Branco foram marcadas por acesas discussões com vários concorrentes.

Em 2008, José Castelo Branco começou a preparar a sua entrada no mundo da música. Para isso, teve aulas de canto com o professor Rui de Matos e começou a trabalhar com o conceituado produtor Luís Jardim. O seu primeiro trabalho musical consistiu num disco com 5 temas, e foi lançado juntamente com a revista Caras.

O seu álbum foi lançado no dia 7 de Novembro de 2008. Intitulado “Oui, C’est Moi”, o trabalho tinha pretensões internacionais. O primeiro single, “In the City”, teve o direito a um videoclip gravado em Nova Iorque e produzido por nomes aclamados da indústria. Contudo, as vendas deste trabalho não corresponderam às expetativas criadas.

No início do verão de 2010, foi lançada a sua biografia oficial, intitulada “José Castelo Branco – Toda a Verdade” e escrita por Ricardo Santos. Na obra, Castelo Branco não foge aos temas polémicos, mencionando os vários escândalos em que esteve envolvido e falando abertamente sobre a sua sexualidade.

Já em 2011, participou em “Perdidos na Tribo“, um programa em que um grupo de personalidades portuguesas famosas, viveram em diferentes tribos. Castelo Branco, juntou-se à tribo Himba, da Namíbia.

Já em 2012, surgiram notícias do envolvimento de Castelo Branco, no chamado “Caso das orgias“. Em julgamento estava um empresário do norte, de 47 anos, acusado de obrigar a sua esposa a participar em orgias sexuais.

O nome de Castelo Branco foi mencionado como um dos participantes nas referidas orgias. Castelo Branco negou, desde o início, o seu envolvimento, mas em Março de 2012, surgiu na Internet, um vídeo, que comprovou o seu envolvimento nas referidas orgias.

No final de Abril de 2012, José Castelo Branco anunciou que irá ser o anfitrião das festas de verão do Circus Summer Spot, um novo espaço noturno de Vila Real de Santo António, no Algarve.

Para além da sua participação no projeto, o projeto também irá contar com a participação do seu filho, Guilherme Castelo Branco. Será assim a primeira vez que os dois vão trabalhar juntos.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 4:51 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)