Máscaras de Tratamento

De acordo com o tipo de pele, é importante fazer uma máscara de tratamento facial. As máscaras são mais concentradas que os cremes diários e possuem efeitos diferentes.

pele hidratada

Há cinco tipos de pele a ter em consideração: a pele normal, a pele oleosa, a pele mista, a pele sensível e a pele seca.

Pele normal

É o tipo mais equilibrado dos vários tipos de pele. A pele normal tem uma consistência fina, e é para além disso suave e macia, bem como muito flexível. Por todos estes motivos enumerados, é um tipo de pele que demonstra ser saudável.

Pele oleosa

A pele oleosa produz uma grande quantidade de óleo. Isto deve-se ao facto das glândulas sebáceas terem maior atividade do que nas pessoas com outros tipos de pele, o que significa maior secreção de sebo. Este tipo de pele tem maior tendência para desenvolver as borbulhas da acne. O fator genético é o que tem mais peso.

Pele seca

Quem possui este tipo de pele necessita de ter muito cuidado, pois este tipo pode envelhecer rapidamente e criar problemas sérios. Por ser menos elástica, está mais favorável ao desenvolvimento de rugas e de linhas de expressão.

Pele mista

A pele mista é um dos tipos de pele mais comuns. Tem este nome porque existem certas zonas da pele que são oleosas, e outras que são secas. A zona mais oleosa costuma ser a zona T (queixo, nariz e testa), onde os poros são mais dilatados por natureza. Já as zonas mais secas, costumam ser os olhos, a boca e as bochechas.

Pele sensível

A pele sensível é bastante frágil, por isso está propícia a ficar irritada e inflamada com bastante facilidade. Certas zonas podem desenvolver vermelhidão, comichão, manchas e ardor. É fina, frágil e muito vulnerávela cosméticos e às alterações do clima. É um tipo de pele bastante problemático.

Conforme a necessidade, pode optar por utilizar uma das seguintes máscaras:

Tipos de máscaras de tratamento facial

Existem várias máscaras de tratamento facial, que utilizam ingredientes diferentes e possuem então efeitos diferentes.

A máscara calmante, como o próprio nome indica, acalma a pele, hidratando-a e normalizando-a. Envolve extratos de camomila, bem como calêndula e azuleno.

A máscara adstringente, que poderá ser um complemento ao tratamento de pele, poderá ser feita com extratos vegetais de alecrim, aos quais se acrescenta hamamélis, sálvia, agrião e castanha-da-índia.

A máscara nutritiva nutre a pele, fornecendo-lhe os nutrientes de que necessita, e é composta pelas vitaminas A e E, elastina e ginseng.

A máscara anti-inflamatória previne as inflamações, e contém alfa-bisabol, beta-escina, para além de ácido glicirrízico e azuleno, sendo que o último também é encontrado na máscara calmante.

A máscara hidratante hidrata a pele, e é composta por ácido hialurónico, alantoína e ceramida, para além de extratos de chá verde, extratos de calêndula, óleos de uva e de amêndoas, e vitamina E.

Dicas para aplicação de uma máscara facial

Coloque um pano mergulhado em água quente sobre a cara, de modo abrir os poros, para absorver melhor as máscaras.

Aplique-o somente com a pele limpa, evitando zonas como a boca e os olhos. As mãos têm que estar limpas e secas.

A máscara deverá atuar na pele durante 15 a 30 minutos. Deve relaxar e descontrair o máximo possível. Se preferir, pode ouvir música calma e relaxante.

Remova a máscara com água morna e com cuidado, massajando depois a pele com um creme hidratante, gel ou óleo.

As máscaras podem ser aplicadas na pele a frio ou a quente, sendo que as aplicadas a quente costumam ser empregues por profissionais, enquanto as frias são as mais utilizadas para quem não possui grandes conhecimentos da área.

O que Procura?

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *