Maus hábitos combinados aumentam risco de morte - Fotos Antes e Depois
Fotos Antes e Depois

Maus hábitos combinados aumentam risco de morte

Maus hábitos combinados aumentam risco de morte

Tabagismo, falta de exercício físico, má alimentação e consumo excessivo de álcool estão entre os comportamentos analisados num estudo que evidencia o risco para a saúde associado à sua coexistência num mesmo indivíduo.

O tabagismo, a má alimentação, o sedentarismo e o consumo de alcool são quatro comportamentos que, quando combinados, podem estar associados ao aumento do risco de morte, revelou um estudo publicado na edição de 26 de Abril de uma das revistas do JAMA, a Archives of Internal Medicine.

Segundo os investigadores, a maioria dos estudos analisam estes comportamentos para identificar efeitos independentes. No entanto, muitas opções de estilo de vida podem coexistir no mesmo indivíduo. “Para compreender inteiramente o impacto destes comportamentos na Saúde Pública é necessário examinar tanto o seu impacto individual como o impacto combinado no estado de saúde”, explica Elisabeth Kvaavik, da Universidade de Oslo, na Noruega.

No âmbito deste estudo foram entrevistadas 4 886 pessoas com idade igual ou superior a 18 anos. Calculou-se a pontuação do comportamento em saúde atribuindo um ponto para cada mau procedimento: fumar, consumir frutas e hortaliças menos de três vezes por dia, praticar menos de duas horas de actividade física por semana e consumir semanalmente 14 ou mais unidades de álcool (nas mulheres) e 21 ou mais unidades (nos homens).

Durante um período de follow up de 20 anos, 1 080 participantes morreram (dos quais 431 de doenças cardiovasculares, 318 de cancro e 331 por outras causas). Os indivíduos com os quatro comportamentos prejudiciais à saúde, quando comparados aos participantes que não os apresentavam comulativamente, mostraram ter um risco aumentado de morte por doença cardiovascular ou oncologica três vezes superior e quatro vezes mais elevado, quando se tratavam de outras causas. Em termos globais, a diferença da esperança média de vida nos dois grupos variava em 12 anos.

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade