Mosteiro de Alcobaça

Diz a lenda que foi uma promessa que esteve na fundação do mosteiro de Alcobaça no ano de 1178. D. Afonso Henriques comprometeu-se com São Bernardo, Abade de Claraval, em oferecer a Herdade de Alcobaça caso saísse vitorioso para com os mouros na tomada de Santarém. E a verdade, como sabemos da História, é que saiu e portanto o monumento teve que ser levantado. Mas para conheceres um pouco mais, começa por te dirigires à Sala dos Reis que é recepção e loja e conta esta lenda nos painéis de azulejos.

É na igreja deste monumento que repousam Pedro e Inês os personagens principais de um episódio histórico que culminou com a morte da segunda a mando do rei D. Afonso IV. Porém, D. Pedro, perdido de amores pela aia da mulher, coroou-a rainha mesmo depois de morta. Os seus túmulos estão frente a frente para que, segundo diz a tradição, se possam ver no dia da Ressurreição. Os túmulos são duas jóias da escultura tumular do século XIV de autor desconhecido. Deixam qualquer um de boca aberta.

Quem passa por Alcobaça… Não passa sem lá voltar.

O Claustro de D. Dinis, tambem conhecido como Claustro do Silêncio é um dos maiores que a ordem de Cister edificou. Procura o Refeitório para encontrares o Púlpito do Leitor encaixado numa parede com as colunas elegantes. Era aqui que durante as refeições eram lidas passagens da Bíblia. À saída está o Lavabo Renascentista destinado à lavagem das mãos antes das refeições. Muito bonito, por sinal.

A cozinha surpreende pela dimensão da chaminé central e pelo tanque que recebe água directamente de um braço do rio Alcôa. Engenhosos estes monges… Logo a seguir à igreja, o Capítulo era a dependência mais importante para a comunidade. Ouviam-se as leituras e era eleito o abade, entre outras tomadas de decisão mais importantes.

Planta do Mosteiro de Alcobaça

1. Igreja;
2. Sacristia medieval;
3. Sala do Capítulo;
4. Parlatório;
5. Escada de acesso ao dormitório;
6. Sala dos Monges;
7. Cozinha;
8. Refeitório;
9. Lavabo;
10. Claustro de D. Dinis;
11. Claustro de D. Afonso VI;
12. Sala das Conclusões;
13. Sala dos Reis;
14. Ala sul;
15. Panteão Real;
16. Capela Senhor Passos;
17. Sacristia;
18. Capela Senhora do Desterro;
19. Claustro do Cardeal;
20. Claustro do Rachadoiro;
21. Biblioteca

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 4:12 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)