Nicole Kidman

Nicole Mary Kidman, nasceu a 20 de Junho de 1967 em Honolulu, no Hawaii, quando os seus pais estavam nos Estados com vistos de estudantes. O pai de Nicole Kidman, Dr. Antony David Kidman, é bioquímico, psicólogo clínico e escritor.

Nicole Kidman Antes e Depois

A sua mãe, Janelle Ann é professora de enfermagem, para além de se a responsável pela edição dos livros do seu marido. Nicole Kidman tem uma irmã mais nova, Antonia Kidman, jornalista e apresentadora de televisão.

Com quatro anos de idade, a família de Kidman, saiu dos Estados Unidos de regresso à Áustrália. Com três anos de idade, ela iniciou-se no ballet e nos anos seguintes, começou a mostrar o seu potencial para a representação, participando em diversas iniciativas escolas.

Em 1984, a mãe de Nicole Kidman foi diagnosticada com cancro de mama, e Nicole teve que abandonar temporariamente os seus estudos para ajudar financeiramente a sua família. Então com 17 anos, ela trabalho como terapeuta de massagens.

Os seus estudos prosseguiram depois na Victorian College of the Arts em Melbourne, na Phillip Street Theatre em Sidney e na Australian Theatre for Young People.

Em 1986, com 16 anos de idade, Nicole Kidman estreou-se no filme Bush Christmas. No final do mesmo ano, ela conseguiu um papel menor na série televisiva Five Mile Creek. Nos anos que se seguiram, Kidman surgiu em diversos filmes como BMX Bandits, Watch the Shadows Dance e Windrider, que lhe conferiram uma maior popularidade.

Participou também em produções televisivas como a telenovela A Country Practice, na mini-série Vietnam. Surgiu ainda como convidada em diversos programas televisivos, incluindo na Rua Sésamo australiana.

Seguiram-se diversas outras participações em filmes, até que assumiu um papel de maior protagonismo em Dead Calm de 1989. Este filme, conseguiu alguma projeção internacional e Nicole Kidman foi visada com críticas positivas.

Em 1990 entrou com Tom Cruise, já seu namorado na altura no filme Days of Thunder. Esta foi a sua primeira participação no cinema norte-americano. O filme obteve um grande sucesso comercial, cotando-se entre os mais lucrativos daquele ano.

Seguiram-se filmes como Flirting, Billy Bathgate, Far and Away, My Life e Malice. A sua participação em Billy Bathgate, valeu-lhe a sua primeira nomeação para os Globos de Ouro.

A partir de 1995, somou diversas participações em filmes que se tornaram sucessos internacionais. O primeiro foi Batman Forever, em 1995. No mesmo ano, participou ainda em To Die For, do consagrado Gus Van Sant.

Em 1996 participou em The Portrait of a Lady. No ano seguinte, entrou no filme de ação The Peacemaker, onde contracenou com George Clooney. Mais um sucesso comercial para o registo de Nicole Kidman, já que o filme somaria mais de 110 milhões de dólares de lucro, a nível internacional.

No mesmo entrou ainda em Practical Magic, juntamente com Sandra Bullock. Filme que alcançaria fracos resultados. Ainda em 1997, Kidman voltou aos palcos, na peça The Blue Room, que fez a sua estreia em Londres.

O casal Nicole Kidman e Tom Cruise voltaria a contracenar junto no filme Eyes Wide Shut, a última obra de Stanley Kubrick. Apesar das críticas favoráveis, o filme mereceu alguns reparos e censura devido às suas cenas de sexo explícito.

Pouco tempo depois, Nicole Kidman e Tom Cruise tornariam público o seu divórcio. Todos os pormenores, relativamente à separação foram amplamente acompanhados pelos órgãos de comunicação social e Kidman resolveu fazer uma curta pausa na sua carreira.

Nicole Kidman regressou ao grande ecrã em 2001, com duas das suas participações de maior sucesso. A primeira no musical Moulin Rouge!, que lhe valeu um Globo de Ouro e vários outros prémios e nomeações, incluindo a nomeação para Óscares, como Melhor Atriz. E a segunda, no filme espanhol de terror The Others, de Alejandro Amenábar, que recebeu excelentes críticas internacionalmente.

Em 2003, a crítica rendeu-se ao seu desempenho no filme The Hours, no qual contracenou com Meryl Streep e Julianne Moore.O seu papel neste filme, rendeu-lhe um prémio BAFTA, um Globo de Ouro e o Óscar par Melhor Atriz. Nicole Kidman tornou-se assim, a primeira australiana a ganhar um Óscar.

No referido ano, ela participaria ainda em três outros filmes: Dogville, de realizador dinamarquês Lars von Trier; The Human Stain, onde contracenou com Anthony Hopkins e Cold Mountain, que se tornou um sucesso comercial, para além de ter merecido um destaque positivo por parte da crítica.

Em 2004, ela surgiu em Birth, filme que gerou alguma controvérsia, mas no qual o seu desempenho foi amplamente elogiado. No mesmo ano, participou ainda em The Stepford Wives.

Em 2005, participou em The Interpreter e em Bewitched. Contrariamente ao que costuma ser a regra nos seus filmes, desta feita a crítica não foi favorável ao seu desempenho nestas duas obras. Também do ponto de vista comercial, os filmes apresentaram fracos resultados.

Já em 2006, ela participou em Fur, The Invasion e Margot at the Wedding. No ano seguinte, surgiu em The Golden Compass e em 2008, participou em Australia. Voltou aos musicais em 2009, em Nine. Em 2010, filmou Rabbit Hole.

Para além do seu longo casamento com Tom Cruise, durante o qual ambos adotaram duas crianças, são conhecidos outros namoros de Nicole Kidman com personalidades famosas. Em 2004, a atriz terá tido curtas relações com Robbie Williams e com Lenny Kravitz.

Em 2005, Nicole Kidman conheceu o seu atual marido, Keith Urban, um cantor neozelandês. O casal teve uma filha, que nasceu a 7 de Julho de 2008, em Nashville, nos Estados Unidos.

O sucesso comercial de Nicole Kidman, ajudou a que se tornasse a face de algumas marcas comerciais. Entre 2004 e 2008, a atriz australiana foi a face do perfume Chanel No. 5. No âmbito desta campanha comercial, recebeu 12 milhões de dólares americanos para filmar um anúncio de três minutos. Em 2005, Nicole Kidman era a segunda atriz mais bem paga do mundo, tendo apenas à sua frente Julia Roberts.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 4:44 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)