Fotos Antes e Depois

Óleo de Arnica: Alivia a Dor e Reduz a Inflamação

Tem dores? Um hematoma? Uma inflamação? O óleo de arnica é o remédio perfeito para muitos dos nossos males corporais comuns.

Aplicada na pele sob a forma de óleo, creme, tintura, unguento, linimento ou pomada, a arnica é usada para fins medicinais desde os anos 1500s.

O óleo de arnica contém helenalina, um potente anti-inflamatório homeopático, essencial para qualquer kit de primeiros socorros natural.

Oleo De Arnica

Para que Serve

O Óleo Arnica pode ser útil para o tratamento ou alívio de: dores musculares, espasmos, dores reumáticas, entorses, contusões e inchaço devido ao fraturas, Picadas de insectos, Acne e perda de cabelo.

A sua capacidade de reduzir a dor e a inflamação da maioria das doenças, quando aplicada sobre a pele funciona bem para todos os tipos de contusões, dores, entorses e até mesmo surtos de artrite.

Pode até mesmo ser aplicado a picadas de insetos para reduzir a irritação e a inflamação. O óleo de Arnica também pode ser utilizado para aliviar a rigidez resultantes de viagens de longa distância.

Existem várias espécies de arnica, mas a mais famosa e comercialmente disponível é Arnica montana, também conhecida como arnica-das-montanhas, arnica-verdadeira e tabaco-de-montanha. A Planta têm flores com pétalas amarelo-laranja, que começam a surgir durante o solstício de verão (a meio de junho), e continuam a florescer até ao Outono.

Através da destilação a vapor ou extração de CO2, as flores são usadas para produzir o óleo essencial puro de arnica, que é combinado com um óleo transportador (carreador) para produzir o óleo de arnica pronto a usar.

O óleo de Arnica contém vários ácidos gordos, incluindo ácido palmítico, linolénico, linoleico e mirístico, bem como timol.

A atividade antibacteriana do timol encontrado no óleo essencial de arnica foi bem estabelecida e relatada em muitos estudos científicos.

Sobre a Planta

Foto De Planta Arnica Montana

A Arnica é um gênero de planta herbácea e perene, da família Asteraceae (também chamada de Compositae), da ordem Asterales. É nativa das montanhas da Europa e da Sibéria, e também é cultivada na América do Norte.

O nome da espécie Arnica é derivado da palavra grega Arni, que significa cordeiro, em referência às folhas macias e peludas da arnica.

A Arnica cresce normalmente a uma altura de um a dois pés com flores vibrantes semelhantes às margaridas e folhas verdes brilhantes. As hastes são redondas e peludas, que terminam em uma a três hastes florais, com flores de duas a três polegadas de diâmetro.

As folhas superiores são dentadas e ligeiramente peludas, enquanto que as folhas mais baixas têm pontas arredondadas.

A Arnica está disponível como um óleo essencial puro a 100 por cento, mas não deve ser aplicada na pele antes de ser diluída na forma de um óleo, pomada, gel ou creme.

A arnica pura nunca deve ser usada na pele quebrada ou danificada. O óleo essencial puro, na verdade, nem é recomendado para fins de aromaterapia, uma vez que é muito potente para a inalação nasal.

O que Procura?
Óleo Essencial de Bergamota: Os 17 Benefícios e Usos Fantásticos do Composto

A Arnica é tóxica quando ingerida na sua forma pura, mas pode ser tomada internamente quando diluída homeopaticamente.

5 benefícios Impressionantes do óleo de Arnica para a Saúde

Cura Contusões, hematomas, “roxo”, equimoses

Contusoes Hematomas Roxo Equimoses

A contusão, hematoma ou equimose, é uma lesão sem fratura ou corte na pele, causada por um impacto direto que afeta os tecidos moles e rompe os vasos sanguíneos subjacentes. Tratar uma contusão de forma rápida e por meios naturais é sempre o mais desejável.

Um excelente remédio natural para contusões é o óleo de arnica. Basta aplicar o óleo de arnica no hematoma duas vezes por dia (desde que a área da pele machucada é ininterrupta).

Um estudo realizado pela Northwestern University’s Department of Dermatology descobriu que a aplicação tópica de arnica é mais eficaz na redução de contusões do que as formulações de vitamina K de baixa concentração usadas no estudo.

Os pesquisadores identificaram uma série de substâncias presentes na arnica, que funcionam como Anti-Nódoas Negras, algumas delas derivadas da cafeína.

Trata a Osteoartrite

Osteoartrite No Joelho

A Arnica mostrou-se eficaz contra a Artrose, osteoartrose ou osteoartrite, em alguns estudos, tornando-se um tratamento natural para a artrite bastante eficaz.

O uso de produtos tópicos para o alívio dos sintomas é bastante comum quando se trata de osteoartrite. Um estudo realizado em 2007, publicado no Rheumatology International descobriu que a aplicação tópica de Arnica é tão eficaz como os fármacos anti-inflamatórios não-esteróides como o ibuprofeno no tratamento da osteoartrite das mãos.

Também se descobriu que a Arnica é um tratamento tópico bastante eficaz para a osteoartrite do joelho. Um estudo realizado na Suíça avaliou a segurança e eficácia da aplicação tópica da arnica em homens e mulheres com uma aplicação de duas vezes por dia durante seis semanas. O estudo constatou que a arnica é um tratamento seguro, bem tolerado e eficaz para a osteoartrose ligeira a moderada do joelho.

Síndrome do túnel cárpico

Foto De Sindrome Do Tunel Carpico

O Óleo de Arnica é um excelente remédio natural para a síndrome do túnel cárpico, inflamação localizada abaixo da base do punho.

O Óleo de Arnica ajuda a reduzir a dor associada com a síndrome do túnel cárpico e, pode ajudar a evitar a cirurgia. No entanto, para as pessoas que decidem realizar a cirurgia, estudos mostram que a arnica pode aliviar a dor após a cirurgia da síndrome do túnel do carpo.

Num estudo duplo-cego realizado entre 1998 e 2002, realizou-se a administração de arnica versus placebo em pacientes, pós-cirurgia. Os participantes do grupo tratados com arnica tiveram uma redução significativa da dor depois de duas semanas.

Os potentes efeitos anti-inflamatórios da arnica tornam-na assim uma escolha extremamente inteligente para o tratamento e recuperação da síndrome do túnel do carpo.

Alivia entorses, dores musculares e outras inflamações

Oleo De Massagem De Arnica Da Weleda Ajuda A Aliviar A Dor E Tensao Muscular

O óleo de arnica é um potente remédio para várias lesões inflamatórias e relacionadas ao exercício físico. Os efeitos positivos da aplicação tópica da Arnica provaram ser eficazes na redução da dor, inflamação e danos musculares, o que por sua vez pode melhorar o desempenho físico.

De acordo com os resultados publicados no European Journal of Sport Sciences, os participantes de um estudo que usaram a arnica tiveram menos dor e sensibilidade muscular 72 horas após o exercício físico intenso.

O que Procura?
Óleo Essencial de Manjericão: Combate bactérias, resfriados e Mau Odor

A Arnica tem sido usada na medicina tradicional para quase tudo, desde hematomas, contusões, entorses e doenças reumáticas, inflamações superficiais da pele etc… Um dos constituintes da Arnica que a torna um anti-inflamatório tão potente é a helenalina, uma sesquiterpenlactona, também conhecida como lactona sesquiterpênica.

Além disso, o timol encontrado na arnica é conhecido como um vasodilatador bastante eficaz para os capilares sanguíneos subcutâneos, o que facilita o transporte do sangue e outros fluidos e actua como um anti-inflamatório que auxilia nos processos de cicatrização.

O Óleo de Arnica estimula também o fluxo de glóbulos brancos, que processam o sangue congestionado para ajudar a dispersar os fluidos aprisionados nos músculos, articulações e tecidos machucados.

Estimula o crescimento do cabelo

A Arnica Estimula O Crescimento Do Cabelo

Para os homens que já começaram a experimentar os primeiros capítulos da calvície, ou para as mulheres que sofrem com a queda de cabelo diária, o óleo de arnica funciona como um tratamento natural perfeito para a queda e fortalecimento do cabelo. Na verdade, o óleo de arnica é um dos melhores tratamentos secretos para reverter a perda de cabelo.

A massagem regular do couro cabeludo com óleo de arnica é o alimento revigorante perfeito para o couro cabeludo, ajudando a estimular os folículos capilares que suportam o crescimento de cabelo novo e saudável.

Foram feitas algumas alegações de que arnica pode estimular o crescimento de novos cabelos até mesmo em casos de calvície.

Para receber os benefícios do óleo de arnica também pode fazer uso de shampoos, condicionadores e outros produtos para cabelo que incluam o óleo de arnica como um dos seus ingredientes.

História e Fatos interessantes sobre o Óleo de Arnica

Oleo De Arnica

Por volta do século 12, Hildegarda de Bingen (1098-1179), também conhecida como Sibila do Reno, uma monja alemã conhecida pelas suas impressionantes observações de natureza e fisiologia, descreveu pela primeira vez as propriedades curativas da planta Arnica montana.

Esta erva alpina tem também uma longa história de uso na medicina popular da Rússia e os Alpes suíços. Pelo menos, desde o século 16 que é usada pela população da região montanhosa dos Alpes, no alivio de dores musculares e contusões.

As flores secas da planta arnica são macias e fibrosas, e podem ser irritantes para o nariz se manuseadas incorretamente.

A Arnica é algumas vezes chamada de tabaco-de-montanha, devido à forma das suas folhas, que de alguma forma se assemelham ao tabaco. Outro fato interessante sobre a arnica, é que, quanto maior a altitude, mais aromáticas se tornam as suas flores.

A Arnica é por vezes utilizada como ingrediente para dar sabor a bebidas e produtos alimentares, incluindo doces, sobremesas lácteas congeladas, gelatinas, pães e pudins. A quantidade de Arnica utilizada nestes produtos é sempre muito reduzida.

Na industria cosmética a arnica é usada em tônicos capilares e preparações anti-caspa, bem como em vários perfumes e cosméticos.

Onde comprar em portugal e no Brazil

O Óleo de arnica pode ser facilmente encontrado em qualquer loja de produtos naturais, bem como em muitas lojas online. Ao comprar o óleo de arnica, dê sempre preferência aos óleos com poucos ingredientes.

  • Brazil: Loja Online Inkanal – Marca: Terra Amazonas – Preço: $15.00
  • Portugal: Loja Online Celeiro – Marca: Elegante – Preço 4.90€
O que Procura?
4 Óleos Essenciais Contra a Acne

Idealmente, o óleo deve conter extrato de Arnica e um óleo (ou óleos) de base, de elevada qualidade, tais como o óleo de oliva certificado e orgânico, óleo de amêndoa e ou óleo de semente de uva. Por vezes também é incluída vitamina E, devido às suas características naturais de conservante.

Evite os óleos de arnica que têm “fragrância” como ingrediente sempre que a fonte da fragrância seja de origem desconhecida ou sintética, que muitas vezes pode ser irritante para as peles mais sensíveis.

A Arnica não se destina a ser utilizada na pele sem antes ser diluída. Ao comprar um óleo de arnica, você está a comprar um produto de arnica que já foi diluído corretamente e é seguro para uso externo.

Como Usar

Antes de usar o óleo de arnica, certifique-se de agitar bem o frasco. É possível aplicar o óleo de arnica na área afetada duas a quatro vezes por dia.

A aplicação pode ser realizada utilizando uma gaze de algodão ou aplicar diretamente na pele realizando uma massagem até ser totalmente absorvido.

Como acontece com qualquer outro produto do género, no caso de ocorrer uma reacção negativa ou alérgica após a aplicação do óleo de arnica, interrompa o uso imediatamente.

Contra Indicações e Efeitos secundários do Óleo de Arnica

Oleo De Arnica

O Uso tópico da arnica é geralmente considerado seguro. Se ocorrer uma erupção cutânea ou inflamação na área de contato, interrompa o uso imediatamente. O Óleo pode causar reações alérgicas em pessoas sensíveis às plantas da família Asteraceae ou Compositae.

Os membros desta família incluem a: ambrósia, crisântemo, Tagetes, margaridas e muitas outras plantas. Para quem tem alergias a plantas desta família, é importante consultar o seu médico antes de usar produtos com arnica. Poderá também realizar um teste de alergia para saber se tem alguma reação alérgica ao óleo.

Recomenda-se o uso da arnica na pele intacta (sem feridas externas) e por curtos períodos de tempo. O óleo de arnica não deve ser aplicado na pele danificada ou quebrada, uma vez que a absorsão de grandes quantidades podem ser tóxicas para o corpo. Além disso, deve ser evitado o contacto com as membranas mucosas.

As Pessoas com a pele hipersensível, bem como as mulheres grávidas e lactantes, devem abster-se de usar o óleo de arnica.

O óleo de arnica deve ser sempre mantido fora do alcance das crianças. Quantidades excessivas de arnica tomadas por via oral podem ser venenosas e até mesmo fatais.

Nunca tome a arnica internamente a menos que seja sob a forma de comprimidos homeopáticos que contêm muito poucas quantidades de arnica que possam causar danos.

O uso prolongado, mesmo quando diluído, pois pode causar irritação na pele, como descamação, erupções cutâneas, eczema e bolhas.

Outros efeitos secundários: 

  • Irregularidades do coração e aumento da frequência cardíaca
  • Distúrbios nervosos
  • Tonturas, tremores fraqueza e vômitos
  • Irritação gastrointestinal e das membranas mucosas

NÃO inale ou ingira o óleo sem a supervisão de um especialista qualificado. A forma de comprimidos e pílulas contêm quantidades muito pequenas do extrato de arnica que normalmente não causam efeitos colaterais.

22. dezembro 2016 by admin

2 Comentários no Fórum

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *


  1. gostaria de ter informaçoes sobre varizes e vazinhos vermelhos se há alguma substancia natural para tratamento.Desde ja agradeço.

  2. Gostava de saber se há facilidades de encomendar um produto que o efeito é para dores musculares. À baseado em arnica Montana em gel ou óleo. Obrigada

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *