Fotos Antes e Depois

Olhar Cansado: Tratamentos e Cirurgias para eliminar os sinais de cansaço do rosto

Quase toda a gente olha para os nossos olhos enquanto conversamos. A sua mobilidade permanente atrai o olhar alheio. Por isso, os seus defeitos saltam à vista primeiro do que outros.

A isto soma-se a fragilidade dos tecidos desta zona, que são os primeiros a acusar a flacidez cutânea e a falta de tónus muscular. Por isso, as pálpebras descaem, os papos aumentam, as olheiras ficam mais marcadas…

Com o passar dos anos, os nossos tecidos vão descaindo e isso nota-se nos olhos, que adquirem um aspecto cansado e triste. Alguns procedimentos podem devolver ao seu olhar a vontade de viver. Conheça, passo a passo, as pequenas intervenções cirúrgicas que resolvem estes problemas.

Lifting de Sobrancelhas

O lifting de sobrancelhas deve ser realizado quando o excesso de pele das pálpebras superiores é muito grande. Com esta cirurgia plástica coloca-se a sobrancelha no sitio certo, desafogando a pálpebra e reafirmando a região temporal. Deve ser efectuado com apoio endoscópico, sobretudo, quando a zona a tratar da sobrancelha mais perto do nariz tem de ser subida.

Pálpebras Superiores

blefaroplastia antes e depois

A blefaroplastia superior elimina o excesso de pele que envelhece o olhar. Pode ser uma pequena prega inicial ou uma maior que está descaída sobre as pestanas. Esta tecnica tambem trata o musculo, as bolsas de gordura e o bordo ósseo.

Pálpebras Inferiores

blefaroplastia antes e depois

A blefaroplastia praticada nesta zona é utilizada para acabar com os papos, olheiras e também o excesso de volume do músculo orbicular – aquele que odeia o olho e serve para abrirmos e fecharmos os olhos. Também pode ser usada para subir a face, melhorando eficazmente o sulco junto ao nariz e boca.

» Saiba mais sobre a blefaroplastia

Primeira e Segunda Consultas

O médico ouve os seus desejos e faz o seu historial médico: se costuma lacrimejar ou tem os olhos demasiado secos, se usa lentes de contacto, se tem alguma doença ou alergia e que medicamentos toma.

O que Procura?
Confira os riscos da cirurgia de implante de silicone no bumbum

Depois faz um reconhecimento da zona, tendo em conta a qualidade da pele, quantidade que sobra, o tónus do músculo orbicular, olheiras e sulcos… Desta forma saberá de que anestesia e intervenção vai precisar.

Vai dizer-lhe se é possível aceder ao seu pedido e informá-la das limitações e riscos da técnica. Se estiver de acordo, vai pedir-lhe um chech-up pré-operatório que consiste em fazer uma análise completa de sangue com exames de coagulação, electrocardiograma e uma radiografia do tórax.

Se os resultados dos exames estiverem bons, numa segunda visita, dar-lhe-á um documento para assinar e marcará a data da intervenção.

Duas semanas antes da cirurgia

  • Tem de reduzir o máximo que conseguir o consumo de álcool e tabaco.
  • Deve proteger-se do sol.
  • Não pode usar cosmética que possa irritar a pele (peelings, Ahas, ácidos…). Diga ao seu médico quais os produtos que usa.
  • Deve evitar o contacto com pessoas doentes para não ser contagiada, e certificar-se que não está grávida antes da intervenção.

No dia da cirurgia

  • Não pode comer nem beber nada. Deve estar de jejum.
  • Não use laca, cremes, maquilhagem nem verniz nas unhas. Desta forma o cirurgião pode ver, pela cor da pele e das
    mucosas, se está oxigenada enquanto a opera.
  • Se estiver muito nervosa na noite anterior, o médico pode receitar-lhe um sedativo para que descanse.

Quem não pode/deve realizar a cirurgia

Pessoas que tenham glaucoma, deslocamento da retina, síndrome de olho seco ou sem lágrima. Para além disso, há outras causas que tornam desaconselhável qualquer cirurgia estética, porque podem originar complicações pós operatórias:

  • diabetes: porque pode atrasar a cicatrização e predispor o desenvolvimento de infecções.
  • hipertensão arterial não medicada.
  • alterações psíquicas: se o paciente toma medicamentos que possam interferir na cirurgia ou espera resultados que não coincidam cm a realidade.
  • se as analises revelarem alguma alteração clinicamente significativa.

A cirurgia passo a passo

Normalmente, por razões de conforto para o paciente, as cirurgias costumam ser realizadas de manhã. O anestesista, juntamente com o cirurgião, cria a anestesia – que será local mais sedação – de acordo com as suas necessidades. Esta depende da duração da intervenção e sua complexidade.

O que Procura?
Aperto Vaginal: Tratamentos Indicados para Quando a Vagina Alarga e Fica Frouxa

Introduzem-lhe um cateter na veia para administrar a medicação necessária e monitorizam-no. A sedação não precisa de intubação nem ligação a um ventilador mas, de acordo com Hélder Silvestre, cirurgião plastico na clinica europa e na clínica são vicente de paulo, em Lisboa, “torna a intervenção indolor, não tendo o paciente qualquer memória da intervenção”.

O tempo de recuperação da anestesia dependerá da quantidade de fármacos administrada.

Cirurgia na pálpebra Superior

O cirurgião realiza as incisões com um bisturi ou laser, segundo achar conveniente para cada caso. Depois, corta e retira a pele que sobra, seguindo a prega natural da pálpebra. Começa pela parte mais próxima do lacrimal e termina perto dos “pés de galinha’.

Também corrige o excesso de músculo, se existir, e os nódulos de gordura que tem por baixo. Depois, sutura de forma a que a cicatriz seja quase imperceptível. A intervenção dura de uma a três horas, dependendo se está associada a um lifting de sobrancelhas e o terço médio da face.

Lifting de sobrancelhas

Nesta intervenção o cirurgião faz uma pequena incisão na linha onde nasce o cabelo ou um pouco mais para dentro. Depois, disseca no plano cirúrgico escolhido, de forma a elevar a sobrancelha, tanto quanto pretender. A sutura é feita por planos, de forma a que a cicatriz não alargue.

Cirurgia na pálpebra inferior

As incisões são feitas com bisturi ou laser, como no caso anterior. Existem dois tipos:

Transconjuntival: para pessoas jovens que não têm pele a mais. É realizada através da conjuntiva do olho, pelo que não precisa de sutura.

Externa: realiza-se um milímetro abaixo das pestanas, quando também é necessário retirar pele ou músculo. A cicatriz fica exactamente no local onde se coloca eyeliner. O cirurgião plástico pode corrigir excesso de pele, músculo e/ou gordura, e elevar o terço médio da face, corrigindo os sulcos junto do nariz e da boca. A intervenção dura entre 1 e 3 horas, dependendo daquilo que é feito.

Pós operatório

O paciente pode ir para casa 4 a 6 horas depois da intervenção e fazer a sua vida normal ao fim de uma semana ou dez dias. As pálpebras cicatrizam muito rapidamente, sendo a cicatriz quase imperceptível ao fim de um mês. Após 7 dias pode ser camuflada com maquilhagem. A primeira consulta de acompanhamento deve ser feita passadas 24 horas, para verificar se não há nenhum problema.

O que Procura?
Por que escolher implantes dentários? São uma boa solução para substituir os dentes perdidos

Nos primeiros dias é preferível dormir de barriga para cima, com a cabeça elevada, para evitar uma maior inflamação ao acordar. O cirurgião receita-lhe calmantes, anti-inflamatórios e antibióticos, e recomenda colocar gelo para diminuir a inflamação. Deve também limpar as pálpebras com gases humedecidas em soro para manter o olho hidratado, sobretudo na blefaroplastia inferior transconjuntival.

Tem de usar óculos escuros para se proteger do vento, do pó… pode ser que nas primeiras horas sinta um lacrimejar incómodo. Passados cinco dias, terá de voltar à clinica para que lhe removam os pontos e, passados 15 dias, para uma nova consulta de acompanhamento.

Não desanime se às duas ou três semanas ainda tiver hematomas ou algum inchaço. Vão desaparecendo de forma progressiva, e a cirurgia vai assentando, apesar de só recuperar a total normalidade cerca de um mês depois. Só então poderá verificar que as suas pálpebras já não descaem e que, no local onde tinha os inestéticos papos de gordura, agora exibe uma superfície plana e firme.

Ao fim de seis meses terá outra consulta de acompanhamento e passado um ano dar-lhe-ão alta definitiva. Preços medios aproximados: Dependendo dos casos, entre 1500 a 3000 euros

Clínicas onde pode realizar estes procedimentos

clínica europa / carcavelos

clínica de todos os santos / lisboa

clínica artlaser / porto

centro hospitalar de s.francisco / Quinta do Cabeço (leiria)

uniplastica / Av. dos Descobrimentos (famalicão)

clínica luso espanhola / Rua da Venezuela (porto)

clínica atlanta / Rua Castilho (lisboa)

clínica biscaia fraga / Lisboa

10. maio 2010 by admin

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *