Peeling Químico Médio – Preço e Indicações

O peeling químico médio tem vindo a ser alvo de uma popularidade crescente no decorrer dos últimos anos. Saiba o Preço e as Indicações deste excelente tratamento cosmético.

clarear a pele

Galeria de fotos antes e depois:

Oferecendo diversas vantagens em relação a outras cirurgias plásticas mais tradicionais, o peeling químico funciona como o método de rejuvenescimento perfeito por quem não quer passar por todos os inconvenientes que poderão caracterizar alguns procedimentos que envolvem cirurgia.

Os resultados podem revelar-se surpreendentes, e representa uma alternativa segura eficaz para pessoas de todas as idades, que pretendam combater diversas imperfeições da pele, quer sejam ou não causadas pela idade.

Ler Também

Peeling Químico Superficial
Peeling de Cristal
– microdermoabrasão
Peeling Quimico – Preço
Laser Co2 Fracionado – Preço, Complicações e Resultados
Peeling de Ácido Glicólico
Peeling profundo
Peeling Facial
– dermoabrasão

Entre os produtos químicos mais comummente utilizados neste tipo de peeling encontram-se o ácido tricloroacético e o Ácido Glicólico. Estes produtos actuam através da remoção das células exteriores da pele, promovendo assim a eliminação de imperfeições como a acne, manchas, rugas profundas e grandes alterações na tonalidade natural da pele.

Ainda que um peeling químico médio não origine resultados milagrosos, a verdade é que grandes melhorias poderão ser alcançadas através da utilização deste tratamento, que muito fará para conferir um aspecto muito mais jovem e saudável à sua pele.

Diversos são os produtos existentes para a realização de um peeling químico, mas antes de utilizá-los é imprescindível certificar-se de que não agredirão a sua pele, e realmente oferecerão todos os resultados pretendidos.

Utilize produtos de qualidade, com um bom feedback no mercado, pois assim estará a diminuir drasticamente as probabilidades de vir a experienciar reacções alérgicas. Antes de aplicar qualquer tipo de produto, é importante que o teste durante 24 horas, através da sua aplicação numa pequena região corporal, como é o caso de atrás das orelhas. Se não houver nenhuma reacção adversa, poderá proceder à livre aplicação dos ácidos necessários à realização do peeling.

Este tratamento será mais eficaz na fase inicial do desenvolvimento das imperfeições. Certas lesões cutâneas tendem a piorar com o passar dos anos, dificultando assim a sua eliminação definitiva. Ainda que seja um procedimento relativamente seguro, é importante consultar um dermatologista especializado na área de modo a obter uma opinião mais profissional relativamente à natureza dos seus problemas.

Agir sem o devido acompanhamento poderá dar origem a falhas que acabarão por comprometer a integridade da sua pele, por isso é importante nunca actuar sem antes ter a certeza de que se encontra prestes a fazer o que será melhor para si.

Este tratamento é mais indicado a maiores de 18 anos. Em casos excepcionais, menores também poderão ser submetidos a um peeling químico, mas é importante que tal seja sempre feito sob o acompanhamento de um profissional qualificado.

Preço de um peeling químico médio – Quanto custa?

Um peeling químico costuma ter um preço médio de R$80,00 até R$400,00. Os valores oscilam consuante os produtos, substâncias utilizadas, a qualidade e marca das mesmas.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Esta matéria tem 2 Comentários
  1. Iranilde Reply

    Pretendo fazer um tratamento anti rugas a base de fenol. tenho 65 anos. Entretanto quero saber o valor para ver se dá no meu orçamento.

  2. veronica pace Reply

    oi eu gostaria de saber se vcs vendem o produto,sem fazer avaliação,pois morro em Bento Gonçalves e não tem essa clinica aqui na minha cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 5:33 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)