Pele Flácida - Tratamentos para Combater a Flacidez da Pele - Fotos Antes e Depois
Fotos Antes e Depois

Pele Flácida – Tratamentos para Combater a Flacidez da Pele

Saiba como se livrar da pele flácida no rosto, barriga, pescoço, pernas, etc – Descubra alguns dos melhores tratamentos para combater a flacidez da pele. Veja alguns exemplos em fotos antes e depois:

fladidez no rosto antes e depois da radiofrequência

flacidez antes e depois da radiofrequência

Sabia que o efeito da gravidade é responsável pelo envelhecimento da pele e pela sua flacidez? Apesar da maior parte das pessoas pensar que isto acontece porque os anos passam, o facto é que o efeito gravitacional existente na terra, que obriga as coisas a cair, obriga a pele também a cair.

A flacidez da pele é uma verdadeira prova de fogo e um dos grandes pesadelos no mundo da beleza. Ninguém gosta de sentir os braços com peles a cair, uma barriga desfeita em flacidez ou o rabo sem qualquer firmeza. A flacidez não só altera a silhueta do corpo, como acaba com a auto-confiança de qualquer um.

São as pessoas com mais idade que sofrem mais deste problema. A idade e a gravidade, como já dissemos, não perdoam, e a qualidade da derme altera-se. A pele perde grande quantidade de colagénio com o passar dos anos, uma propriedade que mantém a firmeza da pele e evita que esta enrugue.

A excessiva exposição solar e a perda de peso demasiado rápida são, também, causas para o aumento da flacidez numa idade mais jovem. Não se pode esquecer que, ao fazer uma dieta rigorosa para perder peso, deve praticar exercício físico para trabalhar o músculo e devolver firmeza as zonas onde perdeu mais peso.

Tratamento para Combater a Flacidez da Pele

Para tratar a pele flácida, são muitos os métodos, clínicos ou caseiros, que se mostram eficazes. Se não quer gastar muito dinheiro, pode apostar numa máscara caseira para tonificar a sua pele.

Receita Caseira

As frutas continuam a ser os ingredientes preferidos para fazer este tipo de máscaras. Descasque um kiwi e amasse a polpa. Coloque-a na zona flácida e aplique como se fosse um exfoliante. Retire com água fria (activa a circulação sanguínea) e de seguida, aplique uma compressa embebida em sumo de maracujá, durante 20 minutos.

Por fim, bata uma manga com iogurte natural, no liquidificador e aplique a mistura na pele, de 10 a 15 minutos. Lave a pele com um sabonete natural e hidrate, devendo fazer este tratamento, uma vez por semana.

Tratamentos de estética

Se prefere métodos mais rápidos, tem, à sua disposição, centros de estética com tratamentos como o Accent, a carboxiterapia e a eletroestimulação. O primeiro é um aparelho de Radiofrequência, que aquece a zona onde é aplicado até 40 graus, provocando a criação de colagénio.

Este aparelho tem-se mostrado muito eficaz no combate com a flacidez, não provocando dor, surgindo um ligeiro desconforto e uma sensação de queimadura na pele. A carboxiterapia consiste na aplicação de um gás carbônico com uma agulha fina, que perfura a pele e atinge a hipoderme.

O gás estimula a oxigenação do tecido, provocando a criação de colagénio e elastina. Podendo ser feito até 20 sessões, este método promete eliminar, por completo, a flacidez, em zonas localizadas. Por último, a eletroestimulação actua por correntes eléctricas, transmitidas através da colocação de faixas sobre a pele flácida, provocando a contração dos músculos, que ficam mais rijos.

São necessárias, no mínimo, 10 sessões, para ver os primeiros resultados.

Atualizado em 13 Janeiro 2018

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade

Isensão de Responsabilidade: A nossa plataforma foi criada com o objetivo de facilitar o acesso a informação de valor "Ciência com Saúde", baseada em estudos científicos. Tudo o que publicamos tem uma base científica. No entanto, nenhuma das publicações têm o objetivo de servir como diagnóstico, sendo sempre indicada consulta médica. O mesmo se refere a tratamentos, clínicas, suplementos e medicamentos indicados. A indicação, dosagem, e forma de uso é apenas ilustrativa, não estando indicada a automedicação ou suplementação sem antes haver indicação médica profissional. O mesmo se refere aos preços dos produtos por vezes indicados. Esses valores são baseados no ano de 2018 e servem apenas como informação auxiliar, não estando a nossa plataforma de nenhuma forma a ligada a essas empresas.