Pesticidas podem provocar Parkinson - Insecticida Dieldrina - Fotos Antes e Depois
Fotos Antes e Depois

Pesticidas podem provocar Parkinson – Insecticida Dieldrina

Atualizado em 29 Abril, 2010

Pesticidas podem provocar Parkinson – A dieldrina, um insecticida sintético do grupo dos organoclorados, aumenta risco da doença de Parkinson.

Os pesticidas têm sido implicados como possíveis factores de risco para a doença de Parkinson, mas a avaliação de uma anterior exposição a pesticidas pode ser difícil, revelou um estudo recentemente publicado na revista Neurology. Nenhum estudo prévio de exposição a pesticidas e da doença de Parkinson utilizou biomarcadores de exposição recolhidos antes do início da doença.

A investigação norte-americana examinou a associação entre potenciais marcadores biológicos de pesticidas organoclorados e a doença de Parkinson. Nos métodos utilizados foi realizado um estudo caso-controle acolhido dentro do Mobile Clinic Health Examination Survey, na Finlândia, com amostras de soro colhidas durante 1968-1972, e analisados no período de 2005-2007 para os pesticidas organoclorados.

Casos incidentes da doença de Parkinson foram identificados através do registo nacional do Instituto de Seguro Social e foram confirmados pela revisão dos prontuários (n = 101). O controlo (n = 349) foi feito com base na idade, sexo, municipal idade e estado vital. A probabilidade ajustada de rácio da doença de Parkinson foi estimada por regressão logística. Os resultados revelaram que existe pouca associação com cinco pesticidas organoclorados encontrados em níveis elevados, só o aumento das concentrações de dieldrina tenderam em direcção a um maior risco de doença de Parkinson.

Por causa da forte possibilidade de confusão pelo tabagismo entre os fumadores, foram ainda realizadas análises adicionais restritas aos que nunca fumaram (n = 68 casos, 183 controles). Nessas análises, o aumento das concentrações de dieldrina foi também associado à maior probabilidade de Parkinson. Nenhuns dos outros pesticidas organoclorados foram associados à enfermidade nestas análises. SL

Atualizado em 29 Abril 2010

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *