Quelação: O que são Vitaminas e Minerais Quelados

O que significa “quelado”?

Quelação (pronunciado kee-lay-Shun ) ocorre quando os minerais são ligados a outras moléculas (tipicamente aminoácidos) para formar um complexo mineral facilmente absorvível. 

Este processo de ligação acontece naturalmente dentro do corpo durante a digestão, mas pode ser ineficiente.

Os suplementos minerais quelatados são desenvolvidos usando uma fórmula que imita o processo de quelação natural do seu corpo para produzir minerais orgânicos quelatados facilmente absorvíveis na forma conveniente de cápsula ou comprimido.

Quelação, O Que São Vitaminas E Minerais Quelados

Quelação ou quelatação, o que significam nos minerais e nas vitaminas?

A quelação é o processo pelo qual as substâncias minerais são transformadas na sua forma absorvível.

Os suplementos minerais vulgares como a dolomite ou o osso em pó não são geralmente absorvíveis, pelo que necessitam de ser transformados através da digestão a fim de poderem ser usados pelo organismo.

Em muitas pessoas, o sistema de quelação não é suficientemente eficaz e ,por conseguinte,grande parte dos suplementos que tomam não lhes é muito útil.

Quando nos apercebemos de que o organismo não utiliza tudo aquilo que ingerimos,que a maioria das pessoas não digere os alimentos de forma eficiente,que só de 2 a 10 por cento do ferro inorgânico que ingerimos é efetivamente absorvido e,mais ainda, que desta percentagem tão pequena, 50 % são imediatamente eliminados, devemos reconhecer a importância de tomar vitaminas e minerais quelados.

Os suplementos de minerais quelados com ligações a aminoácidos, permitem uma absorção de três a dez vezes superior aos minerais não quelados, pelo que vale a pena pagar o seu pequeno custo adicional e começar a dar uma maior importância à Quelação.

Ou seja (a quelação é um processo tecnológico onde os minerais são complexados com aminoácidos essenciais visando aumentar a absorção e assimilação pelo organismo, além de reduzir a sua toxicidade).

Os minerais quelatados são seguros?

Não há efeitos colaterais negativos conhecidos dos minerais quelatados. Eles são semelhantes aos minerais regulares, que são necessários para o corpo ter um funcionamento normal. Também não existem interações conhecidas atualmente.

Que tipos de minerais quelados estão disponíveis?

É possível encontrar Minerais Quelatados de muitas formas diferentes. Abaixo publicamos uma lista exaustiva de todos os minerais quelados disponíveis:

Minerais Essenciais Quelatados

• Cálcio Quelatado

• Cobalto Quelatado

• Cobre Quelado

• Ferro Quelatado

• Magnésio Quelatado

• Manganês Quelatado

• Molibdênio Quelatado

• Potássio Quelatado

•Chelated Selenium

• Zinco Quelado

Não essenciais

• Boro quelado

• Vanádio Quelado

• Cromo Quelatado

Que aminoácidos são usados ​​para ligar a estes minerais?

Existem vários aminoácidos diferentes aos quais os minerais quelados podem ser ligados, sendo os aminoácidos mais comuns:

• Glicina

• Lisina

• Arginina

» Conheça Os 20 Vegetais e Frutas Mais Ricos em Nutrientes e Pobres em Calorias

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 17/07/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Esta matéria tem 3 Comentários
  1. Rodrigo Melo Reply

    Gostei do artigo, mas onde se pode comprar esse tipo de produto? Na internet parece ter poucos produtos quelatos no disponíveis. Teria que manipular?

  2. julio cesar Reply

    Qual uma marca de confiança para adquirir um multivitamínico quelado (de A a Z)

  3. Walfrido Paulista Reply

    A grande dificuldade do eventual uso do mineral quelado, seja por exemplo o MAGNÉSIO, é receber um produto manipulado é que Nªo se tem um método fácil para um leigo saber se o que estå Tomando , melhora realmente o aproveitamento do mineral em relaçào ao inorgânico como por exemplo o CLORETO DE MAGNÉSIO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 17/07/2018 às 5:27 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)