Solução natural para azia

Se procura uma solução 100% natural para o tratamento da azia, poderá experimentar utilizar o bicarbonato de sódio para a confecção deste remédio caseiro.

Coloque uma colher de café de bicarbonato de sódio num copo com 100 ml de água, e beba esta solução sempre que sentir sintomas de azia. Isto ajudá-lo-á a aliviar eficazmente a sensação de queimação no estômago, que tão comum costuma ser em casos de azia.

Outra forma bastante eficaz de prevenir e combater a azia é evitando a ingestão regular de sumos de frutas cítricas, produtos feitos à base de tomate, alimentos excessivamente condimentados e refeições compostas por alimentos fritos ou gordurosos.

Ao evitar estes produtos alimentares, estará a facilitar todo o seu processo digestivo, e assim a prevenir a ocorrência de crises de azia, sendo que estes representam alguns dos alimentos mais responsáveis pelo desenvolvimento dos mais diversos tipos de problemas deste género.

Se sofre constantemente de azia, poderá também experimentar colocar um pedaço de madeira na cabeceira da cama, de forma a que esta fique mais alta. Isto ajudará imenso a favorecer a digestão.

Outra medida que será muito importante adoptar é nunca se deitar antes de terem passado, pelo menos, 2 horas desde a última refeição.

Dormir de barriga cheia poderá interromper a digestão, e originar complicações ainda mais graves do que a azia. Ao tomar estes pequenos cuidados, muitos problemas digestivos poderão, eficazmente, ser evitados.

Vale também lembrar que, seguir uma rotina alimentar equilibrada, é de extrema importância para a manutenção de um bom aparelho digestivo, e por isso um factor que deverá sempre ser levado em conta.

Continuação » 8 Remédios eficazes na redução da azia, queimação e refluxo ácido

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 4:43 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)