Tangerineira (árvore, planta da tangerina)

Revisado por Drª Caroline Vallinhos (Nutricionista Clínica e Estética) a 15 novembro 2018 - Publicado a 7 de julho de 2011

A tangerineira é uma árvore pequena, espinhosa e mais resistente ao frio que a laranjeira. É uma árvore que se adapta perfeitamente às condições climáticas desérticas, semitropicais e subtropicais.

Por tangerina conhece-se o fruto de pelo menos duas espécies, a Citrus reticulata e a Citrus unshiu que corresponde ao grupo das tangerinas Satsumas.

Existem numerosos híbridos de laranjas e tangerinas cujo nome genérico é tangerina. Dentro deste grupo encontra-se a variedade Fortuna.

Em Portugal, Argentina ou Uruguai o termo tangerina (ou mandarina) é aplicado a todas as variedades, no entanto em países como os Estados Unidos, o termo ‘Mandarin’ designa as variedades de cor-de-laranja normal, e o termo ‘Tangerine’ refere-se às variedades de cor-de-laranja intenso, como por exemplo a tangerina ‘Dancy’.

A tangerineira é uma árvore pequena, espinhosa e de folha perene. As tangerineiras são normalmente mais resistentes ao frio que as laranjeiras, mas a tangerina é mais sensível a sofrer lesões provocadas pelo frio do que a maioria das laranjas e das toranjas.

Em algumas variedades como a Clementina, para alcançar bons rendimentos de produção e qualidade são necessários condições climáticas específicas.

Muitas tangerineiras tendem à alternância, ou seja, a colheitas abundantes de frutos pequenos seguem-se fracas colheitas de frutos grandes, mas de baixa qualidade.

Existem tangerinas com ou sem sementes e, neste último caso, os frutos podem ser mais pequenos do que os que têm sementes.

Esta possibilidade de gerar frutos sem sementes deve-se à partenocarpia, que é a capacidade de desenvolver frutos sem que ocorra polinização.

Em alguns híbridos de tangerinas, a presença de insetos polinizadores, em particular de abelhas, dá lugar ao desenvolvimento de sementes, que é uma característica comercial indesejável.

Links Úteis