Tratamento Caseiro para Herpes Labial (Pomada de Erva-Cidreira)

Quem tem herpes labial, sabe como é difícil, mais uma vez, lidar com o seu aparecimento.

Esta infecção, causada pelo vírus herpes simplex, não só é extremamente desconfortável (as lesões chegam mesmo a ser dolorosas), como é um golpe para a auto-estima, pois o vírus é facilmente detectável a olho nu.

Pequenas lesões aparecem na boca e nos cantos dos lábios, na língua, nas bochechas e até nos olhos. O vírus HSV1 é responsável pela maior parte dos casos de herpes, e é muito difícil não ser transmitido.

Pega-se através do contacto directo, com pele ou superfícies onde o vírus esteja localizado, como copos, pratos ou talheres.

São as faixas etárias mais jovens, entre os 15 e os 40, que são mais vulneráveis ao aparecimento do herpes labial. Com o avançar da idade, a tendência é para o herpes ser menos frequente.

Existem, claro, formas de tentar evitar apanhar este vírus. Evite contacto directo com superfícies que saiba que têm depositado o vírus.

Isso inclui beijos, uma das formas mais comuns e conhecidas para ficar com herpes.

Depois de apanhar o vírus, o aparecimento das lesões vai ser frequente, se for desencadeado por factores como o sol, o frio, o vento, a poluição ou o stress.

Tratamento caseiro para herpes labial

Quando o vírus se reactiva, há que estar preparada para tratar rapidamente das lesões provocadas pelo herpes.

As pequenas úlceras demoram dias a cicatrizar, por isso, tenha à mão alguns remédios caseiros que a vão ajudar a tratar do problema.

Faça uma pomada de erva-cidreira, para diminuir o desconforto provocado pelas lesões. Numa panela, coloque 20 gramas de erva-cidreira com óleo mineral.

Deixe ferver, até as folhas secarem.

Depois de esfriado, coe as folhas e misture o óleo mineral com a mesma quantidade de parafina líquida, mexendo bem.

Sem tocar com a língua, coloque a pomada no local do herpes e deixe secar, pelo menos três vezes por dia.

Conheça 10 Tratamentos Caseiros para Herpes Labial

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça uma Pergunta ou Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 5:06 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)