Tratamento Caseiro Para Hipoglicemia

A hipoglicemia caracteriza-se por uma baixa dos níveis de glicose no sangue, e significa que a pessoa tem pouco açúcar no sangue”. Se sofrer de hipoglicemia pode ter vários sintomas e efeitos, sendo o principal o fornecimento deficiente de glicose ao cérebro que irá provocar alterações a nível da função cerebral. Depois existem outros efeitos como convulsões ou perdas de consciência.

Para quem sofre de hipoglicemia e está cansado de fazer o controlo através de medicamentos, fale com o seu médico para equacionar este tratamento caseiro para hipoglicemia que envolve o chá de alcaçuz e bardana, duas ervas maravilhosas, repletas de benefícios para a saúde e o bom funcionamento das glândulas suprarenais e do nosso fígado (função hepática).

Ervas e Ingredientes

• 1 colher de sopa de alcaçuz seca
• 1 colher de sopa de raiz de bardana seca
• 750ml de água

Preparação do Remédio Caseiro Para hipoglicemia

A preparação deste chá caseiro para ajudar a controlar a hipoglicemia é relativamente simples. Apenas precisa de ferver as ervas durante uns 15 minutos (alcaçuz seca e raiz de bardana seca), e após isso tapar o recipiente deixando o chá arrefecer até ficar morno.

De seguida coe o chá, para remover as ervas secas e está pronto a ser bebido. Quem sofre de hipoglicemia deve beber pelo menos 3 chávenas e chá de alcaçuz e bardana diárias, ao longo de um mês.

Porquê chá de alcaçuz e bardana?

Pois estas duas ervas possuem propriedades que irão auxiliar as glândulas suprarenais e a função hepática. São esses dois fatores os responsáveis por manter os níveis de açúcar no sangue em níveis estáveis.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Esta matéria tem 1 Comentário
  1. cida Reply

    eu li em outra reportagem que o chá de bardana causa hipoglicemia, e aqui você diz que é bom?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 5:21 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)