Fotos Antes e Depois

Tratamento para deformidade de Haglund

O que é? A deformidade de Haglund é uma inflamação que ocorre entre o calcanhar e o tendão de Aquiles, provocando dor, especialmente com o uso de sapatos mais duros.

Neste artigo poderá conhecer um pouco melhor esta doença: sintomas, tratamento e prevenção. Confira.

deformidade de Haglund - bursite posterior do tendão de Aquiles

Deformidade de Haglund

Também conhecida como síndrome de Haglund, a deformidade de Haglund caracteriza-se pelo alargamento do osso da zona posterior do calcanhar.

Quando este alargamento provoca atrito dessa zona do pé com o calçado, desenvolve-se uma irritação dos tecidos moles que se encontram perto do tendão de Aquiles.

Como resultado, ocorre a inflamação da bursa (bursite), pequena bolsa com líquido que envolve as articulações e que tem como função reduzir o atrito entre os ossos.

Este problema, apesar de mais frequente em jovens do sexo feminino, pode também ocorrer nos homens. A razão de ser mais comum em mulheres está relacionada com a utilização de sapatos apertados e de salto alto.

Sintomas da deformidade de Haglund

A deformidade de Haglund começa a manifestar-se com o aparecimento de um ponto endurecido, ligeiramente avermelhado e sensível, na zona posterior do calcanhar.

Há medida que o problema evolui, esse ponto aumenta de tamanho, tornando-se já proeminente, o que, especialmente quando calçado, leva à sensação de dor.

Este inchaço, causado pela inflamação da bursa, pode mais tarde endurecer e tornar-se permanente, caso nada seja feito e o problema se torne crônico.

Tratamento para deformidade de Haglund

O tratamento para a deformidade de Haglund pode ser não cirúrgico ou cirúrgico. Na maior parte dos casos, o primeiro é suficiente para reduzir a inflamação da bursa e tratar o problema.

No entanto, nalguns casos, mesmo que o tratamento não cirúrgico seja suficiente para tratar os sintomas dolorosos, por vezes o osso pode já estar saliente, sendo então necessária uma intervenção cirúrgica para a remover.

Confira de seguida em que consiste o tratamento não cirúrgico para a inflamação:

O que Procura?
Tendinite na Mão (Inflamação que ocorre nos tendões flexores da mão)

– Uma das estratégias iniciais é reduzir a pressão sobre a zona afetada, aliviando assim a dor e prevenindo o agravamento da inflamação.

Para isso deve adaptar a posição do pé dentro do sapato ou trocar o calçado que pressione o calcanhar. Podem também ser colocados elevadores de calcanhar, com a função de reduzir a pressão sobre ele.

– O tratamento inclui a toma de medicação analgésica e anti-inflamatória, para ajudar a aliviar a dor e a diminuir a inflamação.

– A crioterapia, isto é a aplicação de gelo na zona inflamada, ajuda também no alívio dos sintomas e na diminuição da bursite.

Pode fazer este tratamento em casa, usando uma bolsa de gelo, ou então, um pacote de ervilhas congeladas (que facilmente se molda ao local), aplicando duas vezes ao dia, durante cerca de 15 minutos.

– Para facilitar o processo de tratamento, é recomendado o uso de sapatos confortáveis, com um forro macio na zona do calcanhar, de modo a reduzir o atrito e a irritação enquanto caminha.

Deve ainda preferir calçado com um salto plataforma, nem muito alto, mas também, que não seja muito baixo.

– O médico pode prescrever sessões de fisioterapia, onde além de terapia de frio e de calor, e de outros tratamentos para reduzir a inflamação, são também realizados exercícios de alongamento.

– Na fase em que a inflamação está já a diminuir, é também útil aplicar bolsas de água morna na região afetada, duas vezes ao dia, durante cerca de 15 minutos.

Quando a realização do tratamento não cirúrgico não é suficiente para aliviar os sintomas e tratar o problema, pode então ser necessário recorrer à cirurgia.

Mas, como referimos em cima, mesmo que as formas de tratamento referidas atrás consigam controlar os sintomas, por vezes o alargamento ósseo é demasiado grande, obrigando a um procedimento cirúrgico para remover a saliência formada.

Como prevenir o surgimento do problema

A deformidade pode ser prevenida, devendo para isso adotar algumas medidas simples. No entanto, estes cuidados são igualmente úteis para quem já sofreu com este problema, e pretende evitar o seu ressurgimento.

O que Procura?
Idade Óssea Atrasada? Conheça as Principais Causas e O Que Fazer

Confira de seguida como prevenir o aparecimento da doença:

  • utilização de arcos de suporte;
  • evitar correr em superfícies duras;
  • utilização de calçado confortável, macio, e preferencialmente, sem saltos, ou com um salto pequeno;
  • alongamentos regulares, e sempre após um treino.

12. Maio 2015 by Filipe

One Comment

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *


  1. Boa Noite, Poderia me esclarecer uma dúvida Dr??? Fui diagnosticado com sindrome de Hunglad, e Fui submetido a uma cirurgia de esporão de calcâneo, aquele tipo de cirurgia menos evasiva, onde é feito por meio de uma câmera e uma espécie de lixa onde o osso é raspado, há 6 meses atrás.

    Porém ainda sinto bastante dor após as atividades físicas como corrida, e futebol. Porém mesmo sentindo dor, estou fazendo os exercícios. já fiz 45 sessões de fisioterapia.

    O que o Sr acha, devo parar imediatamente as atividades até que a dor melhore totalmente, ou devo continuar as atividades físicas e suportar a dor até sua cura. Desde já agradeço.

    João Nascimento

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *