Tratamento natural para espinhas

Tratamento natural para espinhas: A espinha é um problema que todas as pessoas se debatem na adolescência. Não só o visual ficará afetado como a própria autoestima de uma pessoa irá abaixo. Rebentar a espinha não é a melhor solução como várias pessoas pensam. Aliás este efeito poderá deixar marcas para sempre no seu rosto.

Para combater a espinha a forma recomendada é fazer periodicamente uma limpeza de pele, que envolve abrir os poros e sugar as impurezas. Outra forma de complementar este procedimento é hidratar mais do que uma vez a pele. Porém tenha em atenção aos produtos que compra e ao seu tipo de pele.

Se está a ter dificuldades, nós aconselhamos-lhe um tratamento natural para espinha: a máscara caseira de consolda. Este remédio caseiro é muito eficaz, pois a consolda é conhecida como uma substância anti-inflamatória com capacidade de reduzir a inflamação da espinha e melhorar a qualidade da sua pele. Para além de ser barato, este tratamento natural também ajuda a aumentar o processo de cicatrização. Aproveite e experimente já!

Ingredientes

• 1 colher de sopa de iogurte natural magro;
• 1 colher de chá de mel;
• 1 colher de sopa de folhas de consolda secas;
• 1 colher de chá de argila cosmética

Modo de preparação:

1) Comece por moer as folhas de consolda secas;
2) Adicione os outros ingredientes e misture-os muito bem até obter uma solução homogénea;
3) Quando observar uma máscara maleável significa que deverá começar a aplica-la nas zonas das espinhas.

Este tratamento natural para espinha deve ser aplicado em todas as áreas presentes de espinha e deve atuar durante 15 minutos. Ao fim desse tempo, retire-o com o auxílio de uma toalha quente e húmida. Antes de se deitar faça este procedimento todos os dias.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 13/01/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 13/01/2018 às 5:22 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)