Os 12 Benefícios da Uva Vermelha para a Pele, Cabelo e Saúde
Fotos Antes e Depois

Uva Vermelha: Benefícios e Informação Nutricional

A uva vermelha é, indiscutivelmente, a uva mais famosa e popular do mundo.

Além de serem versáteis e deliciosas, elas também fornecem uma série de benefícios para a sua saúde.

Benefícios Da Uva Vermelha

O que é a uva vermelha?

As uva vermelha é uma fruta de videira que recebe o nome científico Vitis vinifera. Essa é a definição científica da videira europeia, que é a espécie mais comum do mundo.

Cultivada há milhares de anos, estas uvas datam da época do Egito antigo e sempre desempenharam um papel importante nas diferentes culturas ao redor do mundo.

As uvas roxas foram provavelmente as primeiras a serem cultivadas, mas as vermelhas são cultivadas há, pelo menos, 1.200 anos.

Além de serem consumidas cruas, as uvas vermelhas são um fruto bastante popular em saladas de frutas.

Elas também são elementos importantes para o preparo de sucos e vinhos.

O fruto têm uma combinação específica de células pigmentadas com resveratrol, o que lhes confere uma cor única à sua casca.

As uvas verdes e amarelas, por exemplo, possuem um teor de resveratrol inferior em comparação com as uvas vermelhas.

São semeadas através de variedades com e sem sementes.

Nutrientes presentes na uva vermelha

As uvas vermelhas apresentam um perfil nutricional semelhante ao de outras variedades de uva — com algumas diferenças sigificativas.

Um único copo contém cerca de 60 calorias, pouco menos de 1 g de fibra e uma quantidade insignificante de gordura.

Essas frutas também oferecem uma significativa quantidade de potássio, vitamina B6, vitamina K, vitamina C, ferro, zinco e fósforo.

Contudo, talvez o diferencial mais notável destas, seja a concentração de flavonoides, resveratrol e outros ingredientes ativos e antioxidantes.

Benefícios das uvas vermelhas para a saúde

Uvas Vermelhas

Os benefícios mais destacados das uvas vermelhas para a saúde incluem a capacidade de prevenir o envelhecimento, proteger o consumidor contra certos tipos de câncer, reforçar o sistema imunológico, fortalecer o cabelo, melhorar a visão, otimizar a cognição, ajudar na perda de peso, e reduzir o risco de doenças cardíacas, dentre outros.

Câncer

A uva vermelha contêm antioxidantes poderosos, conhecidos como polifenóis. Pensa-se que estes tenham propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes. Um deles é o resveratrol, que pode ser encontrado na pele do fruto.

Estudos laboratoriais realizados sugerem que o resveratrol pode ser capaz de retardar ou prevenir o crescimento de tumores no sistema linfático, fígado, estômago, mama, cólon, pele, e a leucemia.

O resveratrol está também presente no vinho tinto.

Alguns estudos examinaram a associação entre o vinho tinto e o risco de câncer em seres humanos. No entanto, os estudos mostraram que o consumo elevado de álcool, de forma consistente, pode aumentar o risco de câncer. Moderação é a chave!

A ingestão moderada de álcool é definida pelo Dietary Guidelines for Americans como até um copo por dia para as mulheres, e até dois copos por dia para homens.

Outro anti-inflamatório natural presente nas uvas é o flavonóide quercetina.

Estudos sugerem que este flavonóide pode também ajudar a prevenir o crescimento ou reduzir a velocidade de desenvolvimento do câncer.

Cuidados com a pele

A presença de flavonoides e resveratrol, juntamente com a vitamina C e outros nutrientes rejuvenescedores, transforma a uva vermelha em um excelente tônico para a pele.

Elas são capazes de prevenir o estresse oxidativo e reduzir o aparecimento de rugas, além de acelerarem o processo de cicatrização e desaparecimento de manchas.

Essa combinação nutricional também melhora a elasticidade da pele, mantendo-a mais jovem por mais tempo.

Acne

Os resultados de um estudo in vitro publicados na revista Dermatology and Therapy, afirmam que o resveratrol pode ajudar no tratamento da acne, especialmente quando usado com o peróxido de benzoílo, como um tratamento tópico.

Cuidados com os cabelos

Devido aos seus altos níveis de vitamina K, vitamina C e ferro, além do combate à inflamação promovido pelos antioxidantes, estas podem também ajudar a melhorar a saúde do cabelo, protegendo os folículos, reduzindo a perda de cabelo e impulsionando o brilho capilar das madeixas.

Em algumas culturas, o suco de uva chega a ser usado como um bálsamo tonificante para o couro cabeludo e fios — acelerando o processo de embelezamento do cabelo.

Neuropatia e Retinopatia Diabética

Alguns estudos indicam que o resveratrol pode proteger o consumidor contra a neuropatia diabética, o que afeta a função do nervo. Os cientistas acreditam que este evento pode ser devido aos efeitos neuroprotetores do composto.

Estudos realizados em animais indicam que o resveratrol pode também proteger contra a retinopatia, uma lesão que pode afetar gravemente a visão.

Ambas, tanto a neuropatia como a retinopatia diabética, podem ser resultado de quando a diabetes é mal controlada.

Melhora do sistema imunológico

Existe uma boa quantidade de vitamina C no fruto, o que significa que elas podem ajudar a impulsionar o sistema imunológico.

A vitamina C estimula a produção de células brancas do sangue, a primeira linha de defesa do nosso corpo contra infecções e patógenos invasores.

A vitamina C se soma à ação do resveratrol e de outros antioxidantes, que efetivamente reduzem a carga atribuída ao sistema imunológico.

Melhora a cognição

Estudos feitos com resveratrol verificaram o impacto da substância sobre a saúde do nosso cérebro.

Em doenças neurodegenerativas, o composto promete diminuir o estresse e a deposição de placa oxidativa, ajudando a preservar a saúde mental e a memória com o passar da idade.

O resveratrol também é conhecido por melhorar a capacidade de concentração e retenção do conhecimento.

Perda de peso

Devido às calorias reduzidas, combinadas com um teor de fibras moderado, as uvas vermelhas são um ótimo lanche para as pessoas que estão de dieta ou tentando perder alguns quilos.

Uma pesquisa realizada mostrou que o consumo regular de uvas impulsiona o metabolismo e melhora a capacidade de queima de gordura corporal.

Doenças cardíacas

A fibra encontrada na uva vermelha também é capaz de eliminar o excesso de colesterol do corpo, o que pode ajudar a prevenir doenças cardíacas e outros problemas cardiovasculares.

Além disso, elas proporcionam cerca de 5% das necessidades diárias de potássio — mineral que funciona como um vasodilatador para reduzir a pressão sobre os vasos sanguíneos e as artérias.

Ao diminuir a pressão arterial, as uvas vermelhas reduzem o risco de aterosclerose, ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais.

Outras Doenças

Outros problemas de saúde que o resveratrol pode ajudar incluem :

No entanto, alguns estudos têm questionado se o resveratrol pode realmente beneficiar o ser humano nestas formas. São necessárias mais provas.

Conheça os Benefícios da Uva Preta no Coração, Cérebro e Visão

Referências

http://pubs.acs.org/
http://ajcn.nutrition.org/
http://www.iss.it/index.php?e404=1
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/
https://www.nature.com/articles/1602107
http://onlinelibrary.wiley.com/
http://pubs.acs.org/
http://www.sciencedirect.com/

Atualizado em 16 Janeiro 2018

Participe no Forum. Deixe a Sua Dúvida ou Comentário

Campos de Preenchimento Obrigatório marcados com *



Seguir fotosantesedepois.com

Siga-nos na rede social Facebook e receba dicas sobre os temas de saúde mais atuais.

Facebook Fotos Antes e Depois
Receber Dicas de Saúde?

Se está interessado/a em receber no seu Email, dicas de saúde, remédios caseiros..., subscreva a nossa newsletter.

Contacte-nos

© 2018 Fotos Antes e Depois | Politica de Privacidade

Isensão de Responsabilidade: A nossa plataforma foi criada com o objetivo de facilitar o acesso a informação de valor "Ciência com Saúde", baseada em estudos científicos. Tudo o que publicamos tem uma base científica. No entanto, nenhuma das publicações têm o objetivo de servir como diagnóstico, sendo sempre indicada consulta médica. O mesmo se refere a tratamentos, clínicas, suplementos e medicamentos indicados. A indicação, dosagem, e forma de uso é apenas ilustrativa, não estando indicada a automedicação ou suplementação sem antes haver indicação médica profissional. O mesmo se refere aos preços dos produtos por vezes indicados. Esses valores são baseados no ano de 2018 e servem apenas como informação auxiliar, não estando a nossa plataforma de nenhuma forma a ligada a essas empresas.