Vampire Facelift (Facelift de Vampiro): Indicações e Preços

O que é? O vampire facelift é um tratamento estético de rejuvenescimento facial que recorre à mesoterapia facial para injetar plasma enriquecido em fatores de crescimento, vitaminas e ácido hialurônico com o objetivo de retardar os efeitos do envelhecimento facial, ou tratar peles secas e desidratadas. Conheça as indicações e o preço do tratamento mais à frente.

Facelift de Vampiro antes e depois em Kim Kardashian

O vampire facelift está a revelar-se como um dos tratamentos mais populares a nível da estética em todo o Mundo. Mais que isso, ele tem sido usado por muitas Famosas celebridades Mundiais, como a Luciana Gimenez, Gisele Bündchen e Kim Kardashiano.

Estamos a falar de que tipo de tratamento

O tratamento tem um nome um pouco complicado, mas a sua base principal é plasma enriquecido com plaquetas ou fatores de crescimento. O termo Vampire Facelift até nem é muito correto, porque o facelift é uma cirurgia, e neste caso trata-se de um tratamento estético minimamente invasivo.

O Facelift de Vampiro é um tratamento não invasivo ou minimamente invasivo, realizado com recurso a pequenas agulhas, tal como na mesoterapia, em que são recolhidos cerca de 10 a 15 ml de sangue que serão colocados em pequenos tubinhos com citrato de sódio e cloreto de cálcio para o sangue não coagular, mas que nada tem a ver com vampiros nem com a Transilvânia 🙂 .

O nome estranho deve-se ao facto de ser necessário aspirar uma pequena quantidade de sangue do rosto do paciente, onde de seguida é centrifugado e é obtida a fracção plasmática que lhe trás vários benefícios para a nossa pele, neste caso do rosto.

Vampire Facelift

Depois da aplicação do tratamento o seu rosto ficará tal como na foto acima. Mas não se assuste, faz parte do tratamento!

Durante a aplicação do plasma no rosto, com recurso à mesoterapia com agulhas, realizam-se multiculturas, muitas picadinhas, com agulhas muito fininhas, e como é de esperar, existem sempre determinadas zonas do rosto que sangram, por serem mais sensíveis.

Não dói?

O tratamento não causa muita dor, uma vez que é aplicado um anestésico local que atua durante cerca de 30 a 40 minutos. O tratamento tem este aspecto exuberante e assustador, mas o paciente não sente rigorosamente nada.

Vamos por partes

O tratamento é feito com plasma, que é o nosso próprio sangue humano centrifugado. São os fatores de crescimento existentes nas plaquetas que promovem a formação de elastina e colágeno, quando injetados sobre a pele, permitindo uma regeneração cutânea, ajudando a estimular fatores que já existem na própria pele.

Perigos de rejeição do plasma injetado

Não existe perigo de rejeição uma vez que o produto injetado no paciente é do seu próprio organismo.

Indicações

Luciana Gimenez antes e depois do lifting do vampiro

O tratamento tem uma grande eficácia mas deve ser utilizado apenas em pacientes selecionados. As peles são muito diferentes umas das outras. Cada pele é uma pele.

Porque por exemplo, não é possível tratar uma flacidez facial de grande grau com um tratamento destes, nem nenhum médico pode prometer resultados fantásticos a pacientes para os quais o tratamento não vai alcançar os resultados desejados.

Para Peles danificadas pelo tabaco, peles desidratadas, peles secas, ou até mesmo para prevenir os sinais de envelhecimento, o tratamento é muito bom e super indicado.

Quando se notam os resultados

Gisele Bündchen depois do tratamento

Normalmente com 20 dias já podemos observar os resultados máximos do tratamento. O tratamento é uma mistura de ácido hialurônico com vitaminas, e portanto, tudo isso faz com que a pele leve algumas semanas a regenerar completamente.

O nome Vampire Facelift foi uma marca que um cirurgião Americano inteligentemente registou para divulgar um tratamento que no fundo é uma mesoterapia com plasma enriquecido que já se faz há vários anos. O Manuel Luís Goucha afirma que já o fez.

Clínicas onde Fazer

Em Portugal por exemplo, o tratamento é oferecido pelo Dr Ibérico Nogueira, cirurgião plástico de renome em Portugal onde oferece vários tratamentos estéticos e cirurgias nas suas Clínicas Ibérico Nogueira, em Lisboa e no Algarve.

No Brasil a lista seria bastante extensa se divulgasse-mos todos os locais onde realizam o tratamento. Por exemplo no Rio de Janeiro e São Paulo é possível encontrar várias clínicas onde o realizar.

Preços: Quanto custa?

No Brasil cada sessão custa em média cerca de 1.500 reais, em Portugal ainda não existem referências disponíveis.

Fotos Antes e Depois

Lifting de vampiro antes e depois

Lifting de vampiro antes e depois

Lifting de vampiro antes e depois

Tratamentos complementares

O tratamento pode ser combinado com pequenas cirurgias, um facelift por exemplo, peelings, lasers, etc… Portanto, cada paciente deve ter um estudo personalizado de forma a obter os resultados esperados.

LaserLeap

Cada vez mais surgem novidades no mundo da estética. Um exemplo disso é um novo laser usado na estética que se chama LaserLeap, desenvolvido em Coimbra, e que pode ser um bom complemento ao Facelift de Vampiro.

Neste momento em Portugal o LaserLeap apenas está disponível na Clínica Ibérico Nogueira. A grande vantagem deste laser é não ser agressivo para a pele, não queima, não causa dor, não exige um período de recuperação, permitindo ao paciente sair da clínica e realizar todas as suas atividades diárias normais.

O aparelho descrito como uma seringa a laser, que faz com que o produto aplicado sobre a pele entre diretamente na pele. O laserLeap está indicado para diversas situações, por exemplo para infiltrar ácido hialurônico na pele, infiltrar produtos despigmentantes, infiltrar toxina botulínica (botox) para tratar rugas finas superficiais, rugas finas do decote, das mãos, face, pescoço etc…

O laserLeap permite uma hidratação fantástica, principalmente antes e depois da praia. Normalmente são aconselhadas 3 sessões anuais podendo por exemplo ser acompanhado pelo Facelift de Vampiro, como um complemento a cirurgias, ou por pessoas que eventualmente não possam ou não queiram submeter-se a cirurgias invasivas.

O que Procura?

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *