O que são vitaminas de ação prolongada? São melhores?

Um grande progresso no fabrico das Vitaminas foi a introdução dos suplementos de ação prolongada.

Por este processo, as vitaminas são fabricadas sob a forma de microcomprimidos agrupados numa base especial para que se libertem gradualmente, de modo a assegurar a sua absorção num intervalo de seis a doze horas.

O Que São Vitaminas De Ação Prolongada

As vitaminas de liberação lenta são suplementos projetados para liberar lentamente vitaminas durante um longo período de tempo.

Parecem oferecer mais benefícios para a saúde do que as vitaminas comuns. 

A maioria das Vitaminas são hidrossolúveis e não podem ser armazenadas no organismo.

Sem este processo de ação retardada, são rapidamente absorvidas para a corrente sanguínea e, independentemente da dose, são excretadas pela urina ao fim de duas a três horas.

Os suplementos vitamínicos de ação retardada proporcionam uma excelente eficácia, perdas mínimas por excreção e níveis sanguíneos durante o dia e a noite, ou seja, este processo é um meio de assegurar uma protecção vitamínica durante as vinte e quatro horas.

Por que a vitamina C de ação retardada é melhor?

A vitamina C, ou ácido ascórbico, é uma vitamina solúvel em água que tem vários efeitos fisiológicos no corpo.

Encontrada naturalmente em frutas cítricas, vegetais verdes e tomates, a vitamina C ajuda a formar cartilagem, ossos e colágeno.

A vitamina C também possui propriedades antioxidantes, protegendo as células dos radicais livres.

A vitamina C é dispersa nos fluidos do corpo quando consumida através de alimentos ou suplementos.

Como o excesso de ingestão de vitaminas hidrossolúveis é excretado pela urina, algumas evidências sugerem que a vitamina C liberada pelo tempo é mais vantajosa para o organismo.

Vitaminas solúveis em água

As vitaminas hidrossolúveis, incluindo a vitamina C e as vitaminas do complexo B, não são armazenadas no organismo, como as vitaminas lipossolúveis.

Quando consumidas, essas vitaminas são espalhadas em líquidos e quantidades excessivas são passadas através de resíduos corporais.

Se o corpo receber vitamina C suficiente, qualquer quantidade em excesso será rapidamente excretada.

Portanto, é essencial atender às suas necessidades de vitamina C diariamente, enquanto consumir vitaminas lipossolúveis suficientes a cada dia é menos importante.

Cápsulas de liberação lenta

As cápsulas de vitamina C de liberação prolongada promovem absorção retardada e contínua ao longo do dia.

Estas cápsulas são envolvidas por um revestimento de açúcar semi-permeável, misturado com gorduras e ceras.

Quando engolida, a umidade da saliva faz com que o revestimento se rompa lentamente e a vitamina C seja continuamente liberada nos fluidos corporais durante um longo período de tempo.

Evidências

Um estudo clássico, publicado numa edição de 1969 do “International Journal of Vitamin Research”, investigou os efeitos de uma variedade específica de vitamina C de liberação temporária, conhecida como “Spansule” em 25 indivíduos durante um período de três dias.

25 outros receberam cápsulas de vitamina C não sustentadas.

Os resultados mostraram que aqueles que receberam a cápsula de liberação lenta demonstraram uma entrega muito melhor de vitamina C nos tecidos do corpo do que aqueles que receberam a cápsula não sustentada.

A saber

Como regra geral, você pode atender melhor às suas necessidades de vitamina C consumindo uma variedade de frutas e vegetais frescos todos os dias.

Se consumir os 75 miligramas de vitamina C recomendados pelo Institute of Medicine para mulheres, ou 90 miligramas para homens adultos, a cada dia, o excesso de vitamina C é desnecessário e potencialmente prejudicial.

No entanto, se tiver problemas em atender as suas necessidades de vitamina C, as cápsulas de liberação prolongada proporcionarão um maior benefício para o seu corpo.

Aingestão de vitamina C em excesso pode resultar em pedras nos rins, portanto, evite consumir além da dose diária recomendada para a sua idade e sexo.

Considerações

A menos que o seu médico recomende que tome vitaminas devido a uma condição médica ou insuficiência alimentar, você provavelmente não precisará tomar um multivitamínico.

Desde que você seja saudável e tenha uma dieta variada, que inclua frutas, vegetais, grãos integrais, legumes, laticínios com pouca gordura, carnes magras e peixes, provavelmente receberá os nutrientes que precisa dos alimentos.

Em geral, os alimentos integrais são preferíveis às vitaminas, pois também contêm micronutrientes e fibras.

Embora a ingestão de um multivitamínico regular que contenha 100% da DRI seja provavelmente segura para a maioria das pessoas, as vitaminas de alta dose e liberadas lentamente só devem ser tomadas sob a supervisão de um médico.

Informações que lhe podem ser Úteis:

Última atualização da página em 25/08/18 por:

Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)

Licenciada em Medicina Geral e uma apaixonada por Medicina Alternativa, Aromaterapia e Fitoterapia.

Faça um Comentário
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Última atualização da página: 25/08/2018 às 5:26 horas por: Dra. Alice Wegmann (Clínica Geral)